Oposição reage à crítica virulenta

0

A deputada Tânia Soares foi muito virulenta nas críticas feitas ao ex-governador João Alves Filho, na sessão de ontem da Assembléia Legislativa, mas não ficou no plenário para ouvir a réplica da oposição. Ela disse que João Alves liderava uma quadrilha, tudo isso para defender o governo no já tão debatido caso da mamata. A palavra quadrilha, a oposição achou demasiado forte para um político que já foi Prefeito e Governador do Estado por três vezes.

O deputado Venâncio Fonseca, líder da Oposição, disse que é só o dr. João Alves subir nas pesquisas que os parlamentares da situação vêem com ataques. “É o caso do deputado Vanderlê e a deputada Tânia Soares. O que tem a ver o dr. João com o que o jornalista David Leite escreve?. Querer responsabilizá-lo por isso é um pouco demais”.

Aí partiu para o ataque: “Quem toca em quadrilha é o zabumbeiro. Mamatinha é o parquímetro da cidade”. Depois incorporou a anarquia ao seu discurso: o deputado Vanderlê defendeu o governo comentando que a duplicação da Rodovia João Bebe Água vai ser realizada”. Venâncio foi na bucha: “Vai sair por causa de Armando Batalha”.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais