Encontro discute reformas e pautas unificadas para região Nordeste

0
Sergipe sedia 5º ParlaNordeste (Foto: Portal Infonet)

Acontece nesta sexta-feira, 9, na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) o 5º Encontro de Presidentes de Assembleias Legislativas dos Estados do Nordeste (ParlaNordeste). Representantes de sete estados nordestinos marcaram presença para tratar de assuntos a exemplo da Reforma da Previdência, do Pacto Federativo, Marco Regulatório de Saneamento e Privatização do Saneamento Básico e da Água.

O presidente da Alese, Luciano Bispo, explica que encontros como esse são importantes para somar forças, trocar experiências e buscar medidas unificadas para beneficiar a região Nordeste. “Esse já é o quinto evento, nesses encontros são debatidas e geradas opiniões importantes, porque estamos aqui nas assembleias, na ponta dos problemas. Hoje vamos fazer uma carta de opiniões para entregar ao Governo Federal sobre o que nós pensamos a respeito da Reforma da Previdência, da Reforma Tributária, sobre questão da água e do saneamento básico, do fundo de participação, da infraestrutura de estados e municípios, ou seja, temas valiosos que conhecemos de perto”, afirma o parlamentar.

Presidente da Alese, Luciano Bispo, adiantou que uma carta de opiniões será entregue ao Governo federal (Foto: portal Infonet)

Um dos assuntos mais debatidos é a Reforma da Previdência que já passou pela Câmara Federal e agora segue para o Senado. A expectativa é que seja feita uma PEC paralela que inclua os estados e municípios na Reforma. “O Senado já informou que não vai mexer no texto da Reforma que veio da Câmara, e esse texto não contempla os estados e municípios, então esperamos que a PEC paralela nos inclui nesse texto, inclusive vamos solicitar que isso aconteça”, conta Luciano.

O presidente do Colegiado dos Presidentes das Assembleias Legislativas do Nordeste e presidente da Assembleia do Maranhão, Othelino Neto, vai aguardar a decisão do Senado Federal para definir os encaminhamentos a respeito da Reforma da Previdência.

“Acho que os Estados devem participar da Reforma, o deficit da previdência é real, todos os estados têm a previdência deficitária, contudo, nós enfatizamos que a previdência precisa ser reformada, mas ela não pode e não deve ser destruída, e tampouco perder seu caráter social e solidário que é a essência da previdência pública”, ressalta.

Presidente do ParlaNordeste, Othoniel Neto, pede respeito ao Nordeste (Foto: Portal Infonet)

Pautas unificadas sairão do encontro, dentre elas a que trata da questão da privatização das companhias de água. “O que for decidido aqui será encaminhado para as instituições que o tema é afim, e já definimos preliminarmente, vamos nos posicionar sobre a possibilidade da privatização das companhias de água, e esse encaminhamento será feito para nossas bancadas federais, possivelmente até com uma reunião com as bancadas em Brasília”, adianta Othoniel que enfatiza que a expectativa é que o ParlaNordeste seja uma instância política que tenha repercussão concreta na vida dos nordestinos.

Sobre as declarações do Presidente da República a respeito da região Nordeste, o que presidente do ParlaNordeste entende a Jair Bolsonaro deve entender a importância da região e respeitar o povo nordestino. “Nós esperamos por parte do presidente é que ele respeite o Nordeste. É a regão mais bonita do país, mais produtiva em termos de recursos naturais e do turismo, e temos convicção que não voltam em investimentos públicos aquilo que Nordeste dá para o Brasil. Nossa mensagem é de pacificação do país, mas sempre mantendo nosso orgulho de ser nordestino e protestando contra qualquer tipo de discriminação”, conclui.

Por Karla Pinheiro

Comentários