Pastor Roberto Morais cobra segurança no Jabutiana

0
Roberto Morais (Foto: Andressa Barreto)

Não é a primeira vez que o vereador Pastor Roberto Morais (SDD) usa a tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) para falar sobre a problemática da falta de segurança e da deficiência na mobilidade na região do Bairro Jabutiana, provocada, segundo o parlamentar, principalmente, pela explosão imobiliária.

"Assaltos constantes aos moradores, furtos de carros e um congestionamento cada vez pior. Tudo isso devido a explosão imobiliária que não vem acompanhada por um planejamento de mobilidade por parte das construtoras", afirma. Ainda de acordo com o parlamentar, seria interessante que as empresas pensassem em vias alternativas e apresentassem projetos à gestão pública.

"Independentemente do horário, principalmente na Avenida Tancredo Neves, sentido DIA, o trânsito está cada vez pior. Sem querer ser pessimista, já não vejo mais tantas possibilidades de soluções" admitiu o Pastor Roberto Morais.

Em aparte, o vereador Dr. Agnaldo (PR) parabenizou o Pastor Roberto por trazer à discussão um tema com tanta relevância. "Tem horas que eu também não vejo mais possibilidades. Aracaju tem muitas ruas estreitas. Essa também é uma preocupação minha. Temos que ter coragem de levantar cada vez mais essa discussão sobre mobilidade, porque está cada vez mais difícil transitar em Aracaju", acrescentou.

Também em aparte, o vereador Adriano Taxista (PSDB) parabenizou a atuação do Pastor Roberto Morais e se somou a causa de levantar cada vez mais a discussão sobre mobilidade. "É um problema que merece toda a atenção", afirmou Adriano.

O Pastor Roberto Morais frisou que sabe que o prefeito João Aves Filho tem toda a vontade de resolver. "A prova disso é a sua luta para implantar a Avenida Perimetral. Mas todos nós sabemos que esse é um projeto mais futuro. É preciso ações emergenciais nas principais vias. As pessoas estão mudando o trajeto, a agenda, para tentar fugir do trânsito. Algo precisa ser feito, uma fiscalização para incentivar a coletividade, por exemplo", sugeriu Roberto Morais.

O parlamentar disse também que o poder público tem grande responsabilidade nas ações, mas cada um precisa fazer a sua parte. "Do jeito que está, Aracaju vai parar, vai alcançar o caos", disse o Pastor Roberto, preocupado.

PEC 555/2006

Através de requerimento do Pastor Roberto Morais, a CMA foi a primeira do Nordeste a debater sobre a PEC 555/2006, que prevê a extinção da contribuição previdenciária das remunerações de aposentados e pensionistas do setor público.

Diante da importância do tema, o deputado estadual Pastor Antônio dos Santos também requereu sessão especial na Assembleia Legislativa para tratar sobre o tema. A audiência pública ocorrerá no próximo dia 25, às 9h30. "Estarei presente e convido a todos. Precisamos apoiar esta causa. Não entendo porque o sistema previdenciario tem essa desordem. Estarei presente à Assembleia e conto com todos", disse Roberto Morais.

O vereador Pastor Roberto aproveitou ainda para saudar os Atletas de Cristo que realizarão um evento na AABB no próximo dia 26.

Fonte: Assessoria parlamentar

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais