Prefeito ainda não escolheu secretário de educação

0
Edvaldo insiste em candidatura única (Foto: Arquivo Infonet)

O prefeito Edvaldo Nogueira ainda não definiu o substituto de Antonio Bittencourt, titular da Secretaria Municipal de Educação, que se desincompatibilizou do cargo para colocar-se como pré-candidato a vereador pelo PC do B. O partido do prefeito Edvaldo Nogueira designou como substituta interina a diretora de ensino daquela secretaria, Maria Antônia de Arimatéia Freitas, conforme decreto publicado em Diário Oficial desta quarta-feira, 18.

O substituto efetivo ainda não foi definido, conforme informou o prefeito Edvaldo Nogueira. Ele revela que há vários nomes para substituir efetivamente Bittencourt, que possuem o perfil por ele estabelecido para exercer o cargo e garantiu que até a próxima semana deve anunciar a nomeação. “Não há entendimento político para a escolha do secretário de Educação. O critério é a competência, lealdade, capacidade, compromisso com o projeto e a ética. Tudo isto pesa, são valores”, ressaltou. “Tem uma lista vasta, eu agora estou cortando e restam três”.

O PC do B já definiu: sairá com chapa proporcional puro sangue com 35 nomes que disputarão vagas na Câmara Municipal de Vereadores nas eleições que ocorrerão em outubro e a indicação de Jefferson Passos, secretário de finanças da PMA para disputar a Prefeitura de Aracaju.

Tânia Soares: contas feitas para eleger três

A ex-vereadora Tânia Soares, secretária de Governo da Prefeitura de Aracaju e uma lideranças do partido em Sergipe, tem convicção que o PC do B está preparado para eleger pelo menos três vereadores, com chapa própria. “Temos pré-candidatos que já foram vereadores, que têm boa densidade eleitoral, e pessoas com grande potencial para atingirmos o coeficiente eleitoral e eleger pelo menos três”, comentou Soares, em conversa com o Portal Infonet. “Já fizemos todas as contas”, avisa.

Vagas

Em função das exigências estabelecidas pela legislação eleitoral, cinco secretários municipais já se desincompatibilizaram dos respectivos cargos com o objetivo de se colocar à disposição dos respectivos partidos para a disputa pela Câmara Municipal. Até o dia 7 de julho, mais um secretário se afastará: Jefferson Passos, de Finanças, que tem o aval do PC do B para disputar a Prefeitura de Aracaju.

Apesar do PC do B sinalizar por candidatura própria, o prefeito Edvaldo Nogueira voltou a defender candidatura única da frente aliada, que tem como liderança do governador Marcelo Déda. “Defendo que seja candidato único: que seja Jefferson (Passos, PC do B); Rogério (Carvalho, PT) e Valadares Filho (PSB)”, diz.

A exceção da Educação e de Finanças, as pastas que ficaram vagas já têm substitutos efetivos: Antonio Hora, na Secretaria Municipal de Esportes, em substituição a Fábio Mitidieri; Fernando Menezes Nunes, na SMTT, em substituição a Antonio Samarone; Stella Maris Dornelas, Saúde, em substituição a Sílvio Santos; e Fábio Silva, na Emsurb, substituindo Lucimara Passos.

Por Cássia Santana

Comentários