Prefeitos assinam adesão a ações de enfrentamento à seca

0

(Fotos: Edinah Mary/Inclusão)

Na manhã da última quinta-feira, 22, a secretária de Estado da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social, Eliane Aquino, e a adjunta, Maria Luci Silva, reuniram os prefeitos dos municípios em situação de emergência para assinar os termos de adesão às Ações de Enfrentamento à Seca.

Através da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), os kits de alimentos continuarão sendo entregues com farinha, arroz e feijão como complemento das cestas, que contarão também com os 500 mil litros de leite fluido adquiridos pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). A distribuição de sucos de frutas também está sendo estudada pela Conab e o Governo.

“Dessa vez a distribuição dos alimentos fica sob a responsabilidade dos municípios. A equipe da Seides ira entregar na cidade e a equipe municipal fará distribuição à população. Por isso contamos muito com a apoio das prefeituras para que os alimentos não fiquem estocados e sejam distribuídos o quanto antes para as comunidades”, ressaltou a secretária Eliane Aquino.

Além das cestas de alimento, a secretária adjunta Luci Silva ressaltou que a “Defesa Civil Estadual irá complementar em 40% a oferta de água da Operação Pipa Federal realizada pelo Exército Brasileiro”.

As próximas entregas de cestas de alimentos e a escolha das famílias beneficiadas terão que passar pelo crivo Conselho de Segurança Alimentar do município, como preconiza a Lei Nº 7.250, de 31 de outubro de 2011, que dispõe sobre a Política Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional do Estado de Sergipe. Os municípios deverão encaminhar à Seides a relação nominal dos beneficiários.

Grato pela doação, o prefeito do município de Itabi, Rubens Feitosa, destacou que o auxílio será, mais uma vez, fundamental para auxiliar no enfrentamento à seca. “A seca esse está sendo terrível, choveu muito pouco. O povo não teve como plantar para colher o alimento de cada dia. Por isso, agradecemos muito pelo auxílio que o Estado tem nos dado”.

A prefeita de São Miguel do Aleixo, Maria Oliveira Lima da Cruz, diz ter feito questão de participar da reunião para assinar o termo de adesão. “Essa ajuda é sempre bem vinda, por este motivo faço questão de estar presente nesses atos de assinaturas dos temos de adesão ao enfrentamento à seca. Sei que não resolve todos os problemas da seca, mas auxilia muito no combate a fome no período seca”.

Balanço

No início do encontro, a secretária Eliane Aquino apresentou o balanço das ações realizado pelo Governo do estado para mitigar os efeitos da estiagem em Sergipe. O documento elaborado pela Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) contém as ações emergenciais e as ações estruturantes realizadas pelo Governo do Estado com recursos próprios e federais que somam mais de R$ 246 milhões.

Entre as emergências foram destacadas a distribuição de sementes, oferta de milho, oferta de água (aguadas, barragens, sistemas singelos de abastecimento), transferência de recursos federais para Defesa Civil de Sergipe, Bolsa Estiagem, linha emergencial de crédito, operação pipa, preparo do solo, distribuição de cestas de alimentos e de suco.

Nas ações estruturantes destacam-se a implantação de cisternas pelo Governo de Sergipe e pela Codevasf, Implantação e recuperação de dessalinizadores (Programa Água Doce), Implantação de Sistemas de Abastecimento de Água (PAC Prevenção).

Fonte: ASN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais