Projeto de reajuste servidores deve ser votado quinta

0

Plenário da Assembleia Legislativa (Fotos: Maria Odilia/Arquivo Portal Infonet)

O projeto de reajuste dos servidores ainda não foi votado no plenário da Assembleia Legislativa de Sergipe. A presidente Angélica Guimarães (PSC) informou que a votação será nesta quinta-feira, 27. Na sessão desta quarta-feira, 26, a deputada Ana Lúcia Menezes (PT) defendeu a criação de uma Comissão de Mediação sugerida pelo colega Garibaldi Mendonça (PMDB).

Apesar de o deputado Venâncio Fonseca (PP) ter pedido vistas do projeto de reajuste para os professores, Ana Lúcia destacou as três emendas de recomposição do Plano de Carreira e o artigo 37 da Constituição. “No caso dos professores existe uma diferença, não tem reajuste de acordo com a inflação, mas com o Piso do Magistério. O parâmetro é outro”, explica.

Ela sugeriu que antes que o governador Marcelo Déda (PT) viaje ao exterior ainda esta semana, que o líder do Governo na Assembleia, deputado Francisco Gualberto, coloque a importância da abertura do diálogo.“A Comissão de negociações deve ser instalada, para dialogar e trabalhar com o Poder Executivo e com os professores”, ressalta.

Ana Lúcia quer discutir o artigo 37 da Constituição

A presidente da Casa, deputada Angélica Guimarães pediu que os líderes da situação e da oposição indiquem os nomes para a formação da comissão até esta quinta-feira, mas o deputado Francisco Gualberto, utilizou uma verdadeira ‘jogada de mestre’.

“Tenho que ter a humildade de reconhecer quando não tenho condições de realizar determinadas tarefas. Eu me defino incapaz para esta tarefa. A mediação é com o Governo e eu tenho a humildade de dizer que não me vejo como o melhor nome. Estou sugerindo que seja Vossa Excelência como a maior autoridade desta Casa”, enfatiza Francisco Gualberto.
“Eu espero que ele me atenda”, complementa Angélica Guimarães.

Por Aldaci de Souza

Comentários