Renan: “Petrobras desfruta de confiança no mercado”

0
Renan Calheiros: confiança no mercado internacional (Foto: Geraldo Magela/Agência Senado)

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou nesta terça-feira, 30, que a Petrobras ainda desfruta de confiança no mercado internacional, "apesar de todos os pesares" e dos problemas de administração. Na abertura da sessão especial para discutir a participação da companhia na exploração do pré-sal, ele alertou para o fato de o petróleo continuar sendo fonte estratégica por muitos anos e disse que todos se preocupam em achar saídas para a maior empresa do país.

A sessão foi convocada para debater o PLS 131/2015, do senador José Serra (PSDB-SP), que desobriga a Petrobras de ser operadora única do pré-sal e elimina a exigência de participação da estatal em pelo menos 30% de cada licitação.  Para isso, a proposta altera a Lei 12.351, em vigor desde 2010. O projeto tramita em regime de urgência.

“As decisões sobre a Petrobras urgem. O momento é propício, pois toda a Nação se preocupa em encontrar saídas para a empresa, e o assunto, como todos sabem, é candente. A questão energética é crucial para qualquer país”, afirmou.
Ainda segundo Renan, a questão não pode ser vista somente sob o ponto de vista econômico. “Vários são os exemplos de países que, após a submissão às práticas das grandes corporações do setor, ficaram a ver navios, tais como a Argentina e a Indonésia”, citou.

Pesquisa

O presidente citou recente pesquisa do DataSenado em parceria com a Universidade Columbia (EUA), segundo a qual a população brasileira se mostra preocupada com as matrizes energéticas nacionais. Ainda segundo ele, 76% dos entrevistados se disseram favoráveis a que parte dos impostos pagos seja aplicada em políticas de incentivo à energia limpa.

Sessões temáticas

O senador afirmou que, desde 2013, quando assumiu a presidência do Senado, convenceu-se de que temas controversos e de grande impacto nacional precisam ser debatidos de forma "acurada", daí a importância das sessões temáticas de Plenário.  Ele aproveitou para anunciar para breve outros debates. “Já fizemos reuniões que trataram de temas como reforma política, pacto federativo, terceirização e financiamento da saúde. Em breve, faremos sobre segurança pública, financiamento de campanhas, Fies, além de outros temas”, informou.

Fonte: Agência Senado

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais