Rogério Carvalho assume secretaria de gestão do MS

0
Rogério Carvalho assume a Secretaria de Gestão Estratégia e Participativa do Ministério da Saúde (Foto: arquivo Portal Infonet)

O presidente estadual do PT/SE, Rogério Carvalho, assume Secretaria de Gestão Estratégia e Participativa do Ministério da Saúde. Desde março, ele ocupava o cargo de Assessor especial do Ministro.

A Secretaria que Rogério assume tem a missão de propor, apoiar e acompanhar os mecanismos constituídos de participação popular e de controle social, especialmente os Conselhos e as Conferências de Saúde e a responsabilidade de ouvir, analisar e encaminhar as demandas dos usuários, por meio da Ouvidoria Geral do SUS e por meio das ações de auditoria, contribuir para a alocação e a utilização adequada dos recursos públicos, visando à garantia do acesso e qualidade da atenção à saúde oferecida aos cidadãos.

Dessa forma, Rogério terá contato direto com todos os Conselhos Estaduais e Municipais do País, Movimentos Sociais e prefeituras. Além disso, ele será um dos 6 membros da Diretoria Executiva do Ministério da Saúde.

“Fico muito honrado com essa missão, ainda mais nessa função, que me faz estar em contato direto com as necessidades dos brasileiros em relação ao SUS. Dessa forma, ouvindo, debatendo, vou poder contribuir com ideias, sugestões e principalmente buscar a eficácia para as necessidades de todos. Este é um ano muito importante para quem ocupa esta pasta, porque de 1 a 4 de dezembro acontece a 15ª Conferência Nacional De Saúde e a SGEP é a secretaria que faz a relação entre o MS e o conselho nacional de saúde tem papel fundamental no apoio à organização da conferência”, diz.

Histórico- Rogério nasceu em Aracaju e foi criado em Lagarto. Iniciou sua militância em 1986. Militante combativo nos tempos da UFS participou da luta da implantação do Campus da UFS no Hospital Universitário e principalmente na abertura dessa mesma unidade de Saúde a comunidade.

Paralelo a isso, dedicado aos Estudos, Rogério se transformou num dos técnicos mais capacitados na área de medicina, tanto que foi convidado pelo então prefeito Marcelo Deda para ser o Secretário de Saúde da Capital.

No Estado, Rogério ousou ao criar o projeto das 102 clínicas e dos 8 hospitais regionais, além de 15 unidades intermediárias. Em 2010, Rogério elege-se o deputado federal mais bem votado da história de Sergipe com 116 417 votos. Com fôlego de poucos, participou e colaborou na elaboração de leis importantes para o governo Dilma na área da Saúde.

Ele relatou a comissão da Reforma do SUS, do financiamento da Saúde, da lei de responsabilidade sanitária, presidiu a comissão que criou a empresa de serviços hospitalares e por fim o Mais Médicos, projeto mais importante do governo, que beneficiou milhões de pessoas no Brasil e 400 mil sergipanos. Único Deputado Federal do Estado de Sergipe que figurou durante a legislatura 2011-2015 como “Parlamentar em Ascensão” pelo DIAP. Ocupa a 21º posição no ranking de Parlamentar que apresenta projeto relevante pelo Vote na Web. Ocupa o 18º lugar no ranking dos Deputados Federais com os melhores projetos. Tentou a eleição para o Senado, obteve mais de 40% dos votos válidos, com mais de 440 mil votos.

Com informações da Assessoria de Imprensa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais