SE é contemplado com R$ 156 milhões para adutoras

0
Integração Nacional garante R$ 156 milhões para três adutoras em SE (Foto: Roque Sá)

Sergipe foi contemplado com R$ 156 milhões para a duplicação das adutoras do Alto Sertão e de Sertaneja, além da construção de outra entre Umbaúba e Tomar do Geru. O termo de compromisso foi assinado nesta quinta, 20, em Brasília, entre o secretário de Agricultura, José Sobral, e o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra. Sobral, no ato, representou o governador Marcelo Déda.

"Finalizamos o ano com boas perspectivas", comemorou Sobral, ao lado do presidente da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro), Mardoqueu da Silva. Na solenidade "Balanço das Ações do Enfrentamento dos Efeitos da Estiagem", o ministro anunciou também que a Caixa Econômica Federal (CEF) será o agente financeiro do repasse à Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso).

Perfuratrizes

"São três obras importantíssimas para a região atingida pela seca", disse o secretário. Outro repasse relevante anunciado é o de R$ 10 milhões para aquisição de três perfuratrizes rotopneumáticas. A contrapartida do Governo do Estado é de apenas R$ 100 mil.

Duas perfuratrizes terão capacidade de perfurar 250 metros na região do cristalino. A terceira pode chegar a 500 metros de profundidade no sedimento. Sobral explica que cada conjunto será composto por três caminhões. O primeiro dos três deverá ser entregue ao Estado entre fevereiro e março de 2013.

"Estas patrulhas vão significar independência na perfuração de poços e na prestação de serviços ao setor rural. Será a redenção para a Cohidro", definiu o secretário. "Elas vão nos permitir dar forte apoio ao campo, favorecendo assentamentos e pequenas comunidades rurais, além de ampliar muito a oferta hídrica no Estado".

Uma das três perfuratrizes foi consequência de emenda de bancada, iniciativa do deputado federal Valadares Filho. Na solenidade em Brasília, o senador Antonio Carlos Valadares representou a bancada sergipana.

Perímetros irrigados

No combate direto aos efeitos da estiagem, Sergipe terá mais R$ 5 milhões – que se somarão aos R$ 10 milhões já repassados pelo Governo Federal. Estes recursos serão empregados em carros-pipa "ampliando a oferta d'água".

Por fim, o diretor Desenvolvimento Integrado e Infraestrutura da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Guilherme Almeida de Oliveira, adiantou que entregará até abril de 2013 o perímetro irrigado Jacaré-Curituba, no Alto Sertão. Com dois mil hectares irrigados, a obra beneficiará cerca de 750 famílias.

"Nós vivemos um déficit hídrico na região do Alto Sertão, que sofre muito com a falta d'água. O novo perímetro significará economia de água e preservação do meio ambiente". Ainda de acordo com Sobral, o novo perímetro será o primeiro em Sergipe totalmente automatizado.

“Excelentes notícias para Sergipe. Esse trabalho mostra que o Governo do Estado tem conseguido mais recursos com o Governo Federal”, disse o governador Marcelo Déda ao ser informado pelo secretário sobre o termo de compromisso.

Fonte: AAN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais