Servidores da Aperipê pedem apoio aos deputados

0

Fernando Cabral; "Plano está na Seplag desde 2010" (Fotos: Portal Infonet)

Servidores da Fundação Aperipê pediram apoio aos deputados estaduais na tarde desta segunda-feira, 24, para que possam convencer o Governo do Estado a encaminhar o Plano de Cargos e Salários (PCCV) da categoria à Assembleia Legislativa de Sergipe.

“O Plano dos servidores da Fundação Aperipê foi construído em 2009ª quatro mãos: Governo do Estado, Sindicato dos Radialistas de Sergipe, Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público de Sergipe (Sintrase) e Sindicato dos Jornalistas do Estado de Sergipe (Sindijor). Esse plano foi protocolado na Seplag em outubro de 2010 e de lá pra cá nada”, ressalta o presidente do Sindicato dos Radialistas, Fernando Cabral.

De acordo com ele, a categoria luta por incorporação das gratificações, melhoria da carreira e a realização de concurso público. “A nossa preocupação é porque daqui a oito anos, 90% dos trabalhadores estarão aposentados. Eu mesmo completo 30 anos de serviços na Aperipê no próximo dia 1° de outubro e a minha remuneração é de R$ 1.300, sendo que o salário-base é de R$ 634”, lamenta Cabral destacando que atualmente são 99 trabalhadores na Fundação Aperipê.

Categoria exibiu faixa nas galerias

O vice-líder do Governo na Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado Garibaldi Mendonça (PMDB) afirmou conversou com os servidores e ainda no plenário afirmou que “o Governo está conversando com todas as categorias e quando o projeto de reajuste dos servidores chegar, vai chegar em comum acordo com as categorias”.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais