Sukita anuncia estar deixando Valadares e Jackson

0
Sukita: "Por que a política tem que ser tão dolorosa?"

O ex-prefeito de Capela, Manoel Messias Sukita (PSB) fez um desabafo na manhã desta quinta-feira, 10, no Facebook. Pré-candidato a deputado estadual nas eleições de 5 de Outubro de 2014, ele destacou: “Hoje me preparei para deixar Valadares e Jackson Barreto”.

De acordo com Sukita, os últimos dias têm sido muito difíceis pra ele. “Estou vendo que o projeto político que ajudei a construir nos últimos 10 anos com muito trabalho, suor e lágrimas serem jogados fora por nossos aliados. Primeiro foi em Capela mesmo sendo considerado o melhor administrador de Sergipe, reeleito com 81,35% dos votos validos e com 95% de aprovação administrativa tive que assistir a minha candidata perder a eleição, motivo: a maioria dos candidatos a vereadores só pensaram em si mesmo, foram pouquíssimos os que realmente me ajudaram até o fim”, ressalta.

O ex-prefeito de Capela disse estar vendo a mesma coisa acontecer com o governador Jackson Barreto (PMDB).
“Por que a política tem que ser tão dolorosa? Acho que os aliados não podem fazer esse tipo de coisa com os seus líderes, hoje pensei e me preparei para deixar os meus parceiros históricos, Valadares e Jackson Barreto pois eu não acho justo o que os amigos e aliados estão fazendo com eles, é o mesmo que fizeram comigo, e o que é pior eu não consigo entender aonde eles querem chegar com esse tipo de política que mais se parece com um liquidificador”, diz.

Sukita acrescentou que estão sendo triturados aos olhos do povo. “E os mais próximos só batem palmas e dizem que tá tudo certo, e que vai ganhar a eleição. No meu ponto de vista seria mais fácil acabar com essa euforia e todos juntos construir uma política planejada, simples e objetiva, sem improvisos”, acredita.

Ele disse ainda ter conversado e desabafado com o secretário da Casa Civil, Zezinho Sobral, que o convenceu a ter mais uma conversa com o senador Antônio Carlos Valadares (PSB) e o governador Jackson Barreto.“Deixo de forma cristalina que depois da conversa se eu não puder permanecer na aliança seguirei em frente, irei fazer minha campanha sozinho, acompanhado por Deus, minha família e os amigos que pensam no mesmo sentido que eu”, alerta.

Em conversa com o Portal Infonet por telefone, Sukita reafirmou o que postou no Facebook e complementou: “Sou pré-candidato a deputado estadual e preciso tocar meu barco”.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais