Sukita deixa apartamento por volta do meio-dia

0

Policiais de prontidão na entrada principal do edifício (Fotos: Portal Infonet)

Somente no final da manhã desta terça-feira, 3, o ex-prefeito de Capela , Manoel Messias Sukita Santos e a esposa Silvany Yanina Mamlak, foram transferidos da Mansão Otávio Penalva [na Praia 13 de Julho], para a sede da Polícia Federal [Av. Augusto Franco]. Durante todo o tempo, curiosos, familiares e profissionais da imprensa não saíram do local em busca de informações.

Policiais federais e o ex-prefeito Manoel Sukita não conversaram com a imprensa. O ex-secretário de Finanças de Capela, José Edivaldo dos Santos e a empresária Clara Miranir Santos, também foram levados para a Polícia Federal para prestar depoimentos.

Os envolvidos estão sendo investigados na Operação da Polícia Federal, denominada POP e pelo Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária e Administração Pública ( Deotap) da Secretaria de Estado da Segurança Pública, contando com apoio da Controladoria Geral da União.

E na entrada da garagem

Policial conversa com amigos que tentavam entrar

O primeiro carro a sair foi o de Sukita e estaria sendo guiado por um advogado

Sukita deixando o apartamento no carro da Polícia Civil

Uma coletiva de emprensa acontecerá a partir das 15h na sede da Polícia Federal.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais