TJ não convida OAB/SE para reunião com Cármem Lúcia

0
Cármem Lúcia se reunirá em Sergipe com o TJ e receberá a OAB/SE em Brasília (Fotos: José Cruz/Agência Brasil/ Arquivo Portal Infonet)

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe (TJ/SE), desembargador Cezário Siqueira Neto, não convidou o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil/Seccional Sergipe (OAB/SE), Henri Clay Andrade, para integrar a comitiva que acompanhará a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Ministra Cármen Lúcia, em sua visita a Sergipe.

Henri Clay Andrade confirmou que não houve convite por parte do TJ, mas adiantou que recebeu um telefonema da ministra Cármem Lúcia, que o convidou para uma audiência na sede do STF, em Brasília. “Não vou acompanhar a ministra Cármem Lúcia em Sergipe porque o TJ não convidou a OAB. Mas no fim da tarde de hoje, recebi um telefonema da ministra, explicando que a visita a Sergipe seria rápida, porém me convidando para uma audiência com ela na sede do STF. Em Brasília, trataremos do sistema prisional de Sergipe com maior tempo e profundidade”, comenta o presidente da OAB/SE.

A ministra Cármem Lúcia desembarca em Aracaju nesta terça-feira, 16, para uma visita ao Hospital de Custódia e Tratamento Psiquiátrico e ao Presídio Feminino de Sergipe. Ela também terá uma reunião com desembargadores e juízes na sede do TJ/SE.

A vinda de Cármem Lúcia a Sergipe vem sendo cogitada desde o início desse mês, quando Henri Clay Andrade solicitou que ela visitasse os presídios do Estado, especialmente o Complexo Penitenciário Manoel Carvalho Neto (Copemcan), em São Cristóvão, unidade considerada problemática e que concentra metade dos presos de Sergipe.

O Portal Infonet não conseguiu entrar em contato com a Assessoria de Comunicação do TJ/SE. A equipe de reportagem permanece à disposição por meio do telefone (79) 2106 8000 e do email jornalismo@infonet.com.br.

Por Verlane Estácio

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais