Três pessoas foram soltas em Itabaiana após pagar fiança de R$10 mil

0

Três das cinco pessoas presas em Itabaiana, acusadas por prática de crime eleitoral, foram soltas após pagamento de fiança no valor de R$10 mil cada uma. O valor foi estabelecido pelo delegado de polícia federal, que está de plantão na região. A assessoria de comunicação da Polícia Federal informou que os outros dois permanecerão presos, por que um deles estava armado sem porte de arma e o outro possui antecedentes criminais.

Segundo a polícia, eles são alguns dos acusados por prática de crime eleitoral que teria ocorrido entre a noite do sábado, 6, e a madrugada deste domingo, 7, em Itabaiana.

Outros flagrantes

Neste período, outros flagrantes também foram registrados pela Polícia Militar e encaminhados para Delegacias de Polícia Civil. Estes outros crimes foram registrados em 14 municípios. A maioria dos flagrantes ocorridos até o momento está relacionada a compra de voto e distribuição de material de campanha eleitoral fora do horário permissivo, após às 22 horas do sábado.

De acordo com a assessoria de comunicação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), foram apreendidos uma grande quantidade de material de campanha de diferentes candidatos e coligações e R$ 47 mil que estavam de posse das mais de 30 pessoas presas.

por Raquel Almeida

Comentários