Ulices despede-se da Assembléia Legislativa

0

Ulices Andrade fala dos seus “mestres” (Foto: Agência Alese)
A sessão de quarta-feira, 3, foi de despedida na Assembleia Legislativa de Sergipe. O presidente da Mesa Diretora do parlamento, deputado estadual Ulices Andrade (PDT), usou a tribuna pela última vez para se despedir dos colegas e funcionários. Num discurso emocionado, afirmou que foi uma honra ter servido como parlamentar por cinco mandatos, e como presidente, em duas gestões consecutivas. A despedida foi antecedida por discursos dos colegas destacando sua passagem pelo Legislativo.

Ulices Andrade disse que sua presença no parlamento foi marcada pelo aprendizado. “Tive mestres como o deputado Reinaldo Moura, que dava aula como líder do governo. Aprendi ainda com Djenal Queiroz, com os experientes deputados Arthur Reis e Rosendo Ribeiro. Quando cheguei aqui, era um jovem com opinião formada, tinha conceitos, mas tive grandes mestres”, observou.

O presidente da Assembleia lembra que aprendeu muito com o experiente deputado da época, Francisco Passos. “Os mais antigos não tinham grau de escolaridade elevado, mas eram sábios, eram mestres. Aprendi lições de vida e de política com Chico Passos, um dos mestres que foram importantes na minha formação. Minha chegada aqui foi com humildade e meu mandato sempre foi pautado pela precaução. Não sou parlamentar de falar muito, mas de discutir e dialogar nos bastidores”, narrou.

Ainda em seu discurso, Ulices lembrou que a Casa foi protagonista de grandes momentos da vida pública de Sergipe. “Durante o período em que estive na Assembleia o parlamento se envolveu em vários episódios importantes. Por isso a presidência da Casa ensina a ser líder. Liderar não é fácil. Fui líder de governo e vejo agora o colega Venâncio Fonseca, que foi líder de governo, ser líder da oposição. Essa é a escola da liderança”, enfatizou o pedetista.

Presidente de todos

Emocionado, Ulices Andrade disse que foi ‘presidente de todos’. “Não fui apenas presidente dos deputados, procurei ser presidente também dos servidores, que me surpreenderam com uma placa de agradecimento. Essa homenagem significa muito, prova que busquei valorizar conceitos que atenderam aos funcionários. Agradeço a todos os colegas deputados, aos servidores e diretores que foram extremamente leais e corretos. Aos parlamentares, um agradecimento especial por terem me reelegido por unanimidade, uma prova de que tive uma convivência decente, com zelo, procurando evitar confrontos desnecessários”, comentou.

Ulices lembrou também que sua eleição para o Tribunal de Contas do Estado teve o voto de todos, incluindo de deputados da oposição. “Estou indo para o Tribunal de Contas feliz, pois minha aprovação foi unânime e estarei cumprindo o papel constitucional de ser justo e de julgar contas. Será uma honra enorme ter todos vocês na minha posse no tribunal. É um momento de alegria e de tristeza e agradeço a Deus pelo papel que fiz aqui e vai me ajudar a desempenhar um grande papel no Tribunal de Contas do Estado”. Após o discurso, Ulices foi convocado pela presidente da Mesa na sessão, Angélica Guimarães, a encerrar os trabalhos. Emocionado, chorou ao usar o microfone do parlamento pela última vez.


Trajetória

Ulices Andrade, no quinto mandato como deputado estadual, empreendeu mudanças significativas no parlamento estadual nas duas oportunidades em que comandou a Assembléia Legislativa. Entre os pontos mais importantes de suas gestões está o enquadramento do Poder à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Apesar das medidas restritivas, como o corte de despesas, várias ações foram empreendidas para modernizar os serviços e ampliar as ações do Legislativo.

Ulices pôs em execução na Assembleia Legislativa um plano de reordenamento financeiro, adequando o Legislativo ao que exige a Lei de Responsabilidade Fiscal. O enxugamento da máquina veio após reuniões entre os deputados, que passaram a colaborar com as medidas de equilíbrio fiscal que o governador Marcelo Déda havia implantado. Uma medida de grande alcance adotada por Ulices Andrade foi a devolução de 58 policiais militares que faziam a segurança do Poder. Retornaram às ruas.

Esse grupo de homens voltou a compor o efetivo da PM. A decisão atendeu a um dos pleitos do governador Marcelo Déda junto aos outros poderes no sentido de economizar recursos e aumentar a quantidade de PM”s fazendo o policiamento ostensivo.

Sindicatos

Abrir ainda mais a Casa do Povo para a população e para as entidades de classe. Durante o período em que comandou a Assembleia, Ulices consolidou-se como um presidente que ouviu os representante das classes populares e dos sindicatos. A Casa tornou-se interlocutora entre o governo e as categorias do serviço público. E o diálogo com os outros poderes foi ainda maior e positivo. Implantou o Projeto de Edições Técnicas, garantindo a publicação do Estatuto do Funcionalismo Público revisado e atualizado.

Painel eletrônico

Uma das medidas mais importantes adotadas por Ulices Andrade foi a implantação do Painel Eletrônico. O novo sistema eletrônico de votação, em uso nas sessões do Senado e da Câmara Federal trouxe mais transparência às atividades parlamentares em Sergipe. “O painel traz mais clareza a respeito dos votos dos deputados”, explicou Ulices.

TV Alese

A TV Alese, na gestão de Ulices, colocou novos programas no ar. A reformulação da emissora, colocada em prática pela diretora do Departamento de Imprensa, Cristina Almeida, levou ao público que acompanha a emissora legislativa uma nova grade de programação, novas vinhetas e programas com formatos que abrem espaço para o debate. A TV Alese apresentou novos cenários.

TV aberta

Os sergipanos estão mais próximos de acompanhar as sessões do legislativo pela TV aberta. Ulices esteve em Brasília, com o ministro das Comunicações, Hélio Costa, para tratar do assunto. “Levamos ao ministro a proposta de transformação das tevês por assinatura dos poderes legislativos em tevês abertas e ele nos deu o sinal verde, sendo muito receptivo à idéia”. A Assembleia Legislativa de Sergipe deu os primeiros passos para transformar a Alese em TV aberta.

Governador

O bom relacionamento entre a Alese e o governo do Estado levou o presidente da Casa, Ulices Andrade, a ocupar por uma semana o cargo de governador de Sergipe. A trajetória que começou na pequena Canhoba, interior sergipano, foi marcada pelo sonho de todo político de Sergipe: governar o Estado. “Para mim foi uma grande satisfação”, afirma o deputado em sua despedida. Foi o coroamento de uma carreira recheada de êxitos políticos e acertos administrativos.

Fonte: Agência Alese


 

Comentários