Vereador solicita à Heca informações sobre obra do Canal

0

Reunião entre Max Prejuízo e os representantes da Heca (Foto: Divulgação assessoria)

Na manhã desta quinta-feira (14), o vereador Max Prejuízo (PSB) reuniu-se com representantes da Construtora Heca, empresa responsável pela obra que faz a cobertura do Canal 5 no conjunto Augusto Franco, onde solicitou informações sobre o motivo da paralisação dos trabalhos no local, que já dura cerca de três meses.

O diretor operacional da Heca, Alexandre Prado, explicou que existem dois problemas de ordem contratual, com a Emurb – Empresa Municipal de Urbanização e com a Caixa Econômica Federal. A obra, inicialmente orçada em R$ 6 milhões, é advinda de recursos públicos federais do Ministério do Turismo e uma contrapartida de apenas 10% do município, o qual já foi repassado na sua totalidade.

"Essa obra é mais complicada que a dos outros canais. Recebemos apenas R$ 70 mil do Governo Federal e R$ 400 mil do município de Aracaju, que já fez o seu repasse total. Temos mais R$ 400 mil na Caixa Econômica mas o dinheiro ainda não nos foi repassado", explicou Raimundo Cruz, diretor administrativo financeiro da Heca.

O vereador Max Prejuízo solicitou à construtora todas as informações sobre a obra e, por telefone, marcou audiência com o senador Antonio Carlos Valadares (PSB) para tratar da liberação dos recursos junto ao Ministério do Turismo.

O secretário de infraestrutura do município de Aracaju, Luiz Durval, em reunião com Max Prejuízo, que aconteceu na Emurb no último dia (8), comprometeu-se  em verificar o andamento das obras junto à Construtora Heca.

"Essa é uma obra de extrema importância para o AF, porém é preocupante vê-la parada, principalmente com a chegada das chuvas. Vamos nos empenhar ao máximo para que os recursos sejam repassados, os problemas contratuais sejam resolvidos e a obra tenha andamento o mais rápido possível", disse Max Prejuízo.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais