Aracaju vacinará pessoas acima de 18 anos com comorbidades

0
Aracaju vacinará pessoas acima de 18 anos com comorbidades e concluirá aplicação da 2ª dose da Coronavac (Foto: Marcelle Cristinne/PMA)

A Prefeitura de Aracaju ampliará a vacinação contra a covid-19 do grupo com comorbidades. A partir desta sexta-feira, 14, poderão receber a imunização os aracajuanos acima de 18 anos, de forma escalonada, que façam parte do público-alvo. Também serão vacinadas as pessoas com Deficiência Permanente, cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), que tenham acima de 18 anos, gestantes e puérperas com comorbidades, da mesma faixa etária, e pessoas com doença renal crônica acima dos 18 anos. Ao mesmo tempo, a capital avançará na aplicação da 2ª dose da Coronavac, regularizando o calendário vacinal que sofreu alteração em virtude do atraso no envio de doses pelo Ministério da Saúde, e dará prosseguimento à vacinação em 2ª dose com a Astrazeneca.

Neste sentido, pelo novo cronograma definido pelo município, a vacinação do grupo com comorbidades seguirá da seguinte forma: nesta sexta-feira, 14, recebem a vacina os aracajuanos com comorbidades que tenham 55 e 56 anos. No sábado, 15, serão imunizados os cidadãos com comorbidades de 53 e 54 anos, e no domingo, 16, aqueles que têm de 50 a 52 anos. Na segunda-feira, 17, será a vez da população com comorbidades de 45 a 49 anos. Já na terça-feira, 18, poderão receber a primeira dose os aracajuanos com comorbidades de 40 a 44 anos, e na quarta-feira, 19, aqueles que têm entre 35 a 39 anos. Por fim, na quinta-feira, 20, serão vacinados os cidadãos com comorbidades que tenham entre 18 a 34 anos.

“É com grande felicidade que anunciamos a ampliação da vacinação do grupo com comorbidades para todas as pessoas acima de 18 anos. Portanto, com a chegada de novas doses de imunizantes, passaremos a vacinar os aracajuanos com idade entre 18 a 56 anos, que façam parte deste público-alvo. Estabelecemos um calendário para, de forma escalonada, imunizar a população, garantindo a segurança de todos. Com essa medida, adiantaremos a vacinação no município, melhorando, ainda mais, o combate ao coronavírus. Peço a todos que se enquadram no grupo que procurem o drive-thru, com o código de autorização, ou os dez pontos fixos que foram definidos. Mas não deixem de se vacinar”, destacou o prefeito.

Edvaldo também esclareceu sobre a regularidade da 2ª dose da Coronavac, com a chegada de novas doses do imunizante. “Acabamos de receber um novo lote com as doses que faltavam para completar o ciclo de imunização daqueles que já haviam tomado a 1ª dose. Recebemos e imediatamente estamos colocando à disposição da população para recuperar o atraso pela ausência de doses no período correto, por causa do Ministério da Saúde. Todas as pessoas que estavam com a 2ª dose atrasada, serão vacinadas, de forma escalonada, nos próximos dias, seja no drive-thru, ou nos cinco pontos fixos disponibilizados”, reforçou.

Comorbidades

Nesta etapa, poderão receber o imunizante os aracajuanos que possuem diabetes Mellitus; pneumopatias crônicas graves; hipertensão arterial resistente, estágio 3 ou estágio 1 e 2 com lesão em órgão-alvo/comorbidade; doenças cardiovasculares; doença cerebrovascular; imunossuprimidos; hemoglobinopatias graves (doença falciforme e talassemia maior); obesidade mórbida e cirrose hepática. Também fazem parte do grupo priorizado nesta fase gestantes e puérperas acima de 18 anos, com comorbidades; pessoas com doença renal crônica acima dos 18 anos e pessoas com Deficiência Permanente, cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), que tenham acima de 18 anos, de forma escalonada.

Para receber a primeira dose da imunização, o público-alvo poderá se dirigir ao drive-thru, instalado no Parque Sementeira, de 8h às 17h, com o código autorizativo, ou aos dez pontos fixos, que funcionam das 8h às 16h. São eles: UBS José Augusto Barreto (bairro Japãozinho), UBS Augusto Franco (bairro Farolândia), UBS Santa Terezinha (zona de Expansão), UBS Marx de Carvalho (Ponto Novo), UBS Adel Nunes (bairro América), CRAS João de Oliveira Sobral (bairro Santos Dumont), UBS Manoel de Souza Pereira (bairro Sol Nascente), UBS Hugo Gurgel (na Coroa do Meio), UBS Cândida Alves (bairro Industrial) e UBS Edézio Vieira de Melo (bairro Siqueira Campos). Tanto no posto itinerante quanto nos pontos fixos é preciso apresentar relatório médico comprovando a comorbidade.

Já as gestantes e puérperas terão à disposição a Unidade Básica de Saúde Dona Sinhazinha, no bairro Grageru. Outra opção é a Escola Municipal Presidente Vargas, no bairro Siqueira Campos, com apresentação do código autorizativo. Em ambos os casos é necessário apresentar relatório médico, constando a comorbidade e especificando a situação gravídica.

2ª dose Coronavac

Aracaju também avançará na vacinação em 2ª dose da Coronavac, a partir desta sexta-feira, 14. Com isso, a capital regularizará o calendário vacinal, que foi alterado por causa do atraso no envio das doses D2 por parte do Ministério da Saúde. Desta forma, serão vacinadas as pessoas que receberam a 1ª dose entre os dias 7 a 29 de abril, de forma escalonada.

O calendário seguirá da seguinte forma: Nesta sexta, será vacinado quem tomou a 1ª dose no dia 7 de abril. No sábado, dia 15, recebe o reforço quem tomou a 1ª dose nos dias 8, 9 e 10 de abril. Já no domingo, 16, quem se vacinou com a 1ª dose de 11 a 19 de abril, e na segunda-feira, 17, quem tomou a 1ª no dia 20 de abril. Na terça-feira, 18, será a vez de quem tomou a 1ª dose no dia 21 de abril e na quarta-feira, 19, para encerrar, quem se vacinou com a 1ª dose no dia 22 de abril.

O calendário prossegue na segunda-feira, 24, com a aplicação da 2ª dose em quem tomou a 1ª no dia 25 de abril, na terça-feira, 25, em quem recebeu a 1ª dose no dia 26 de abril, e se encerra na quinta-feira, 27, com a vacinação de quem tomou a 1ª dose no dia 29 de abril.

Para essas pessoas, a vacina estará disponível no posto itinerante do Parque da Sementeira e em cinco pontos fixos: UBS Francisco Fonseca (bairro 18 do Forte), Estação Cidadania (bairro Bugio), UBS Amélia Leite (bairro Suissa), UBS Oswaldo de Souza (bairro Getúlio Vargas) e Colégio CCPA (bairro Grageru).

2ª dose Astrazeneca

Já a 2ª dose da Astrazeneca, estará disponível para as pessoas que tomaram a 1ª dose a partir de fevereiro, seguindo o intervalo de 90 dias entre as doses, nos seguintes locais: UBS José Augusto Barreto (bairro Japãozinho); UBS Augusto Franco (bairro Farolândia); UBS Santa Terezinha (zona de Expansão), UBS Marx de Carvalho (Ponto Novo), UBS Adel Nunes (bairro América), CRAS João de Oliveira Sobral (bairro Santos Dumont), UBS Manoel de Souza Pereira (bairro Sol Nascente), UBS Hugo Gurgel (na Coroa do Meio), UBS Cândida Alves (bairro Industrial) e UBS Edézio Vieira de Melo (bairro Siqueira Campos).

Fonte: AAN

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais