Doações de sangue devem ocorrer antes da vacinação contra Covid-19

0
Doações devem ser realizadas antes do período de vacinação para garantir os estoques. (Foto: Hemose)

Com as fases de vacinação contra a Covid-19 em curso nos estados brasileiros, o Ministério da Saúde recomendou às pessoas doarem sangue antes de serem vacinadas, por conta do impedimento temporário para doação após recebimento da vacina.

De acordo com a médica Lourdes Marinho, da assessoria técnica do Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose), as doações devem acontecer antes do período de vacinação para garantir os estoques. “Recomenda-se a mobilização da população para doação de sangue antes da vacinação para promover a manutenção dos estoques e evitar o desabastecimento de sangue por conta do tempo de inaptidão pós a vacinação”, diz a médica.

A norma técnica prevê que para quem for vacinado com a Coronavac, o prazo para doar sangue é de 48 horas após cada dose. Já para a vacina da Astrazeneca, o prazo é de sete dias para cada dose. “Desde o início da pandemia, o Hemose tem um redução de cerca de 40% nas doações. Antes da pandemia, a unidade coletava 100 a 120 doações ao dia, podendo ultrapassar esse quantitativo em períodos com maior número de campanhas. A média de doações atual está na casa de 70 doações dias”, explica Lourdes.

Para doar sangue, é necessário ter entre 16 e 69 anos de idade, pesar acima de 50kg e estar bem alimentado. É necessário apresentar documento oficial com foto válido em todo território nacional. Agendamentos podem ser realizados com o Hemose pelos números: 3225-8039 e 3259-3174.

Por Milton Filho e Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais