Hemose destaca importância de doar sangue frequentemente

0
Para ser um doador de sangue é preciso estar bem de saúde, ter entre 16 e 69 anos de idade (Foto: SES)

“O entendimento sobre a importância da doação de sangue estimula a fidelização ao serviço”. A declaração feita pela enfermeira, Florita Aquino, gerente de Coleta do Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) demonstra que a partir dessa conscientização, os voluntários passam a colaborar com o serviço regularmente, em um período de três em três meses.

De acordo com a profissional, neste sentido, o hemocentro conta com apoio de grupos fidelizados, que cumprem os intervalos orientados através de normas técnicas do Ministério da Saúde (MS), que visam a proteção ao doador e a segurança de quem vai receber o sangue. “Temos grupos que organizam suas campanhas para acontecer no período de três ou quatro meses. Esse voluntário é classificado como fidelizado pela sua assiduidade junto à doação realizada no Hemose”, relata.

Outro aspecto positivo relacionado à frequência entre as doações, diz respeito aos testes sorológicos pelo qual que o sangue coletado é submetido antes de ser liberado para transfusão em pacientes internados nos hospitais do Estado. “Um doador fidelizado geralmente é uma pessoa que tem hábitos saudáveis em relação aos cuidados com alimentação. Também é um indivíduo que adota atitudes protetivas em relação à atividade sexual”, explica Florita ao informar que o sangue doado passa por análises para Vírus Linfotrópico da Cécula Humana (HTLV), doença de Chagas e sífilis e o Teste de Ácido Nucleico (NAT) para HIV e HCV – hepatites.

Dentre os parceiros fidelizados, os atletas da academia Arlu, que a cada quatro meses viajam do município de Japaratuba para colaborar com a doação de sangue no hemocentro em Aracaju. “É um ato importante, saudável que ajuda muitas pessoas. Pr isso buscamos reunir os colegas da equipe para retornar ao Hemose com quem já é doador e também incentivando outras pessoas da equipe”, disse Arnaldo Neto, atleta de jiujtsu.

O estimulo à doação entre os colegas da equipe Zenith foi dado pelo doador Thiago Sales. “Eu sou doador há algum tempo e sempre tive essa consciência de como é importante a doação de sangue, por isso conversei com Arnaldo para lançar a ideia da doação em grupo que está aumentando”, completou.

Serviço

Para ser um doador de sangue é preciso estar bem de saúde, ter entre 16 e 69 anos de idade, ter mais de 50 quilos e apresentar um documento oficial com foto. Os menores de 18 anos precisam apresentar o termo de consentimento assinado pelos pais ou responsável legal. O documento está disponível para download no site: www.hemose.se.gov.br. Mais informações através dos telefones: (79) 3225-8000, 3225-8039 e 3259-3174.

Fonte: SES

Comentários