Juiz suspende leilão de Maternidade Monsenhor Daltro de Lagarto

0
Imóvel estava na relação dos imóveis que serão leiloados na terça-feira pela Justiça Federal (Foto: Ilustrativa TRT20)

Está suspenso o leilão do imóvel onde funciona a Maternidade Monsenhor Daltro, na cidade de Lagarto. Em consequência de dívidas referentes às contribuições previdenciárias acumuladas pela Sociedade de Assistência à Maternidade e à Adolescência Monsenhor Daltro junto ao Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), o imóvel seria leiloado na terça-feira, 12, mas uma nova decisão judicial tomada no final da manhã desta segunda-feira, 11, o leilão acabou suspenso.

O juiz federal Jailson Leandro de Souza determinou a suspensão considerando o pedido de parcelamento de débito feito pela entidade e a comprovação do pagamento de Guia da Previdência Social (GPS). Diante desta iniciativa da Sociedade de Assistência, o juiz concedeu prazo de 10 dias para o INSS se manifestar a respeito do pedido de parcelamento de débito.

Na decisão, o juiz destaca que uma eventual arrematação do imóvel de propriedade da Sociedade de Assistência à Maternidade e à Adolescência Monsenhor Daltro “poderia trazer consequências irreversíveis”. O bem foi penhorado e estava previsto para ser vendido na terça-feira, 12, a partir das 10h, em leilão a ser realizado na sede da Justiça Federal.

por Cassia Santana

Comentários