Mais de 60 mil homens devem ser vítimas do câncer de próstata

0
Maria Mendonça alerta para a necessidade do exame preventivo e diagnóstico precoce (Foto: assessoria da deputada)

Autora da Lei 8.176/2016 que institui no Calendário Oficial do Estado de Sergipe o Novembro Azul, dedicado às ações de conscientização da saúde do homem, a deputada estadual Maria Mendonça (PSDB) falou nesta quinta-feira, 1º, sobre a necessidade de se fazer campanhas de conscientização para que os homens fiquem atentos a possíveis sintomas que podem sinalizar para uma doença grave, como o câncer de próstata.

“Infelizmente, em pleno século XXI, os casos de câncer de próstata continuam surgindo e matando muitos homens. Aliás, é o tipo que mais mata, depois do de pulmão”, disse a parlamentar, observando que um exame preventivo pode salvar vidas, pois o diagnóstico precoce e o devido tratamento são fundamentais para um exitoso resultado.

Maria lembrou que a cada 41 homens, segundo levantamento feito pelo Instituto Nacional do Câncer, pelo menos um morrerá em decorrência do câncer de próstata. Ela observou, ainda, que segundo o Instituto entre este ano e 2019, estima-se o registro de mais de 66 mil novos casos de câncer de próstata.

“Prevenir é sempre a melhor saída, por isso apresentamos um Projeto, já transformado em lei, que, dentre outras coisas, tem como princípios a humanização e a qualidade da atenção integral à ética e aos direitos do homem, objetivando orientar a população sobre prevenção e tratamento do câncer de próstata; promovendo o acesso dos homens aos serviços de saúde hierarquizados nos diferentes níveis de atenção”, pontuou Maria.

Fonte: assessoria parlamentar da deputada Maria Mendonça

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais