Mulher mais alta do Brasil em 2003, Maria Feliciana pede ajuda

0

Foram participações nos principais programas de televisão nas décadas de 80 e 90 e esteve ao lado de Luiz Gonzaga em turnê de quatro meses pelo Brasil. Maria Feliciana relembra com carinho da sua trajetória de sucesso, que ganhou ascensão nacional quando descobriram que a sergipana, de 2,25m de altura, era a mulher mais alta do Brasil – e mais alta do mundo, por alguns anos. A realidade é bem diferente em 2020. Aos 73 anos, Maria Feliciana sofre com problemas de saúde, teve a mobilidade comprometida e luta para construir um quarto com mais conforto e manter sua rotina de medicamentos.

Confira a reportagem completa no vídeo:

Doações

Para ajudar Maria Feliciana, doações de qualquer valor podem ser feitas na própria conta dela:

Banco Banese
Conta Corrente
Agência: 028
CC: 01086548-9
Maria Filiciana Santos (nome no registro)
Informações: (79) 98876-7325 Chirles (irmã de Feliciana)

Comentários