Mulher que fingiu ter câncer presta depoimento em juízo

0
Aline Silva Carvalho é acusada de falsificar exames e foi denunciada pelo MP por crime de estelionato (Foto: Divulgação)

A mulher que fingiu ter câncer e teria desencadeado uma campanha para arrecadar dinheiro para um suposto tratamento prestou depoimento em juízo nesta quarta-feira, 19. A acusada, Aline Silva de Carvalho, compareceu à 1ª Vara Criminal do Fórum Gumersindo Bessa, em Aracaju, acompanhada da advogada Thawany de Melo. A acusada responde por crime de estelionato.

A juíza não permitiu a presença de jornalistas na sala de audiência. Ao deixar o Fórum Gumersindo Bessa, a advogada preferiu não se manifestar a respeito do processo. Ela informou apenas que no momento oportuno procuraria o Portal Infonet para revelar a versão da cliente. O Portal Infonet permanece à disposição. Informações podem ser enviadas por e-mail jornalismo@infonet.com.br ou por telefone (79) 2106 – 8000.

Nova fase

Antes do depoimento da acusada, a juíza Olga Barreto ouviu o depoimento da última testemunha arrolada pelo Ministério Público e também das três testemunhas apresentadas pela defesa. Com o depoimento da acusada, foi encerrada a instrução e o processo judicial entra em uma nova fase. A juíza abriu prazo de 48 horas para o Ministério Público e a própria defesa da acusada se manifestarem quanto a pedidos de diligência.

Após esse período e realizadas eventuais diligências que forem solicitadas e deferidas pela juíza, haverá as considerações finais e o processo retornará para a sentença, que será anunciada em momento oportuno pela juíza Olga Barreto.

por Cassia Santana

 

Comentários