Pessoas com 56 anos podem se vacinar a partir desta quarta-feira

0
A medida contempla a faixa etária dos 56 anos (completados entre janeiro e junho) sem comorbidades.(Foto: arquivo/SES)

Seguindo o calendário da vacinação, a população de Aracaju com 56 anos de idade (completados entre janeiro a junho) já está apta para receber a 1° dose da vacina contra à Covid-19 a partir desta quarta-feira, 9. A medida contempla a faixa etária sem comorbidades e também estão inclusas as pessoas com deficiência permanente grave, sem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e também os profissionais de Educação que atuam do 3° ao 9° do ensino fundamental, além do ensino médio.

A vacinação acontece no drive-thru no Parque da Sementeira, das 8h às 17h, onde é exigido o código de autorização emitido após cadastro no portal VacinAju; e em quatro pontos de apoio, que funcionam das 8h às 16h: Colégio CCPA (Grageru), Centro Educacional Futuro Feliz (18 do Forte), Estação Cidadania (Bugio) e Auditório Antônio Vieira Neto (Siqueira Campos) – neste último também é exigida a apresentação do código gerado no VacinAju.

As vacinas também serão ofertadas 14 Unidades Básicas de Saúde: UBS Edézio Vieira de Melo (bairro Siqueira Campos); UBS Oswaldo de Souza (bairro Getúlio Vargas); UBS Santa Terezinha (Zona de Expansão); UBS Marx de Carvalho (bairro Ponto Novo); UBS Cândida Alves (rua São João); UBS Adel Nunes (bairro América); UBS Roberto Paixão (bairro 17 de Março); UBS Amélia Leite (bairro Suíssa); UBS Celso Daniel (bairro Santa Maria); UBS Augusto Franco (bairro Farolândia); UBS João de Oliveira Sobral (bairro Santos Dumont); UBS Hugo Gurgel (bairro Coroa do Meio); UBS Manoel de Souza Pereira (bairro Jabotiana); e UBS Anália Pina (conjunto Almirante Tamandaré).

Confira o calendário da vacinação

Quarta-feira, 9: 56 anos, nascidos entre janeiro e junho;
Quinta-feira, 10: 56 anos, nascidos entre julho e dezembro;
Sexta-feira, 11: 55 anos
Sábado, 12: 54 anos, nascidos entre janeiro e junho;
Domingo, 13: 54 anos, nascidos entre julho e dezembro.

Por Milton Filho e João Paulo Schneider

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais