Prefeitura ativa sala de testagem RT-PCR na UBS do Augusto Franco

0
Até março, a Prefeitura deve disponibilizar este serviço em mais sete UBSs da capital (Foto: Ascom/SMS)

A Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS, disponibiliza à população, a partir desta quinta-feira, 25, mais uma sala para realização de testagem molecular (RT-PCR), na UBS do Augusto Franco.

Com a Unidade Básica de Saúde Santa Terezinha, na Zona de Expansão da capital, já são duas UBSs ofertando este serviço para pessoas com ou sem sintomas de covid-19. Até março, a Prefeitura deve disponibilizar este serviço em mais sete UBSs da capital.

De acordo com a gerente da Unidade do Augusto Franco, Suzicleide Carvalho, a população pode realizar os testes RT-PCR, nesta unidade, de segunda a sexta feira, das 7h às 18h. “As salas de testagens nas unidades vão ofertar o teste RT-PCR, em todas as regiões do município, evitando o deslocamento das pessoas pela cidade e, consequentemente, diminuindo a quantidade de pessoas nas UBSs de referência para síndromes gripais”, explica.

Na sala de testagem, o atendimento rotineiro segue sem alteração. As pessoas que irão realizar o RT-PCR contarão com profissional médico e equipe de enfermagem exclusiva para esse fim.

Fluxo
Uma vez na unidade, o paciente passa na recepção antes de ser encaminhado para a sala de triagem. “Aqui na sala de triagem, sendo paciente assintomático, aferirmos os sinais vitais e o encaminhamos para a coleta do teste. Quando for paciente sintomático, também faremos todo o procedimento com os sinais vitais, com a análise do histórico do paciente, e posterior encaminhamento para consulta médica”, enfatiza a técnica de enfermagem Marise Costa.

Segundo o médico João Marcos Oliveira, depois da triagem de atendimento são recebidos no consultório médico os pacientes sintomáticos. “Consultamos o paciente, observamos se ele tem algum sintoma ou sinal de alarme, fazemos a notificação e encaminhamos para o teste RT-PCR”, explica.

Após realizar o teste na UBS do Augusto Franco, a psicóloga Késia Queiroz elogiou a organização na Unidade. “Essa foi uma das estratégias mais produtivas relacionadas à covid-19, pois consegue atender a população de várias regiões, o que, além de evitar muita aglomeração nas quatro unidades de síndromes gripais, facilita bastante para quem não tem tempo de se deslocar pra longe pra fazer o teste”, declarou.

UBS exclusivas
Atualmente, a rede dispõe de quatro UBSs exclusivas para síndrome gripal (Ministro Costa Cavalcante, Onésimo Pinto, Geraldo Magela e José Machado), funcionando das 7h às 19h de domingo a domingo.

Fonte: AAN 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais