Saese destaca a atualização científica em tempos de pandemia

0
Presidente da Saese, Aley Newton Marinho, destacou a importância da entidade. (Foto: Saese)

Este ano, assim como em outras diversas áreas, não haverá uma comemoração festiva pelo Dia do Anestesiologista, 16 de outubro. Mesmo sendo um ano extremamente difícil, devido a pandemia da Covid-19 que assolou o mundo e impôs a todos o isolamento social, a Sociedade de Anestesiologia do Estado de Sergipe (Saese) buscou manter seus associados atualizados sobre as novidades anestésicas. “Tivemos que nos adaptar à realidade mundial e procuramos fazer a nossa parte, em relação ao enfrentamento à pandemia”, destacou o anestesiologista Áley Newton Marinho Andrade, presidente da entidade.

O especialista explicou que, os eventos de atualização científica, antes presenciais, foram adaptados para plataformas virtuais. “Realizamos webinários e aulas online. Nestes últimos meses, apesar da pandemia, as mudanças e as novas descobertas com relação ao tratamento da Covid-19, o seu envolvimento com a anestesiologia, avançaram diariamente”.

Segundo o médico, a cada dia surgiram novas formas de tratar os pacientes acometidos pelo Coronavírus. “Novas formas de induzir o paciente para poder realizar as intubações, como ventilar melhor o paciente, poupando os pulmões que já estavam afetados. A cada dia, as mudanças nas condutas eram evidentes e a Saese buscou manter os anestesistas atualizados sobre esses avanços, para que pudessem desempenhar bem o seu trabalho”.

Em Sergipe, conforme relata Áley Andrade, houve uma preocupação da entidade em informar também sobre o uso adequado dos equipamentos de segurança. “Até o momento, não tivemos nenhuma vítima fatal pela Covid-19, entre os anestesiologistas. E não teremos”, finalizou.

Fonte: Assessoria Saese

Comentários