Sem salário, trabalhadores da saúde de Maruim entram em greve

0
Secretária de saúde de Maruim em conversa com o Sintasa e alguns trabalhadores da saúde (Foto: Sintasa)

Os funcionários efetivos da saúde do município de Maruim que trabalham no Hospital Nossa Senhora da Boa Hora e na Unidade de Pronto Atendimento iniciaram uma greve por tempo indeterminado nesta quarta-feira, 9. O motivo da paralisação é a falta do pagamento do salário do mês de maio e os frequentes atrasos na folha de pagamento.

De acordo com Sindicato dos Trabalhadores na Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa), no dia 26 de maio um ofício foi protocolado tanto na Secretaria Municipal de Saúde como na Prefeitura, comunicando a possibilidade da greve, caso não houvesse o pagamento até o quinto dia útil do mês, que foi ontem, 8 de junho. Como o pagamento não foi feito, os trabalhadores entraram em greve.

“Esperamos até o quinto dia útil o pagamento e como o salário não foi depositado, entramos em greve por tempo indeterminado. Todos os meses é essa situação, não tem data para receber, é dia 20, 21, 30 do mês seguinte. Os contratados receberam dia 28 de maio, mas os concursados não sabem quando vai receber. Isso é inadmissível”, afirma Augusto Couto, presidente do Sintasa.

Uma reunião com o prefeito do município foi agendada para às 15 desta quarta-feira. “A secretária de saúde esteve aqui no hospital, falou que o prefeito irá nos receber hoje, mas já adiantamos que só voltamos ao trabalho quando o salário for depositado. Estamos abertos a negociação, mas não aceitamos mais essa situação”, conclui Couto.

O secretário de finanças do município, José Américo Dantas, informou que o pagamento da saúde depende dos recursos que serão creditados nesta quinta-feira, 10. De acordo com o gestor, os recursos próprios do município estão bloqueados desde o mês de janeiro.

Por Karla Pinheiro

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais