Governo entrega atracadouros e anuncia recuperação da Orla da Caueira

0
As obras representam um investimento de R$ 2.536.010,55 e garantem a expansão não apenas do comércio local, mas também do potencial turístico no estado (Foto: Marco Vieira)

Mais qualidade de vida, desenvolvimento turístico e econômico são os maiores ganhos para quem vive na região da Ilha Mem de Sá e do Povoado Caibrós, no município de Itaporanga D’Ajuda. Em menos de um ano de execução, o governo de Sergipe entregou, nesta quinta-feira (28), os atracadouros que viabilizam a ligação entre o povoado e a ilha, através do Rio Vaza Barris, proporcionando mais conforto também à comunidade local.

Presente na solenidade, o governador Belivaldo Chagas, ao lado da vice-governadora Eliane Aquino, destacou que as obras representam um investimento de R$ 2.536.010,55 e garantem a expansão não apenas do comércio local, mas também do potencial turístico no estado. Na oportunidade, o governador também anunciou que obras de revitalização deverão ser realizadas na Orla da Caueira.

“Nós temos uma região muito bonita, atrativa. Com esses dois atracadouros, o turismo tende a desenvolver com mais força aqui, o que é bom para Itaporanga,  Aracaju e para Sergipe. A expectativa é de que possamos ver a população usufruindo, já nesse período de Carnaval, quando teremos turistas e visitantes locais, que poderão se deliciar com essas belezas naturais”, disse o governador.

Com recursos do Programa de Desenvolvimento do Turismo em Sergipe (Prodetur), a obra é financiada pelo Banco Interamericano do Desenvolvimento (BID) sendo as intervenções no povoado Caibrós a construção de um atracadouro e melhorias no entorno do local, totalizando 3.100 m² de obras. O espaço conta com estacionamento, calçamento, paisagismo e quiosques de sombra. No povoado, foram investidos R$ 1.507.584,40.

(Foto: Arthuro Paganini/ASN)

Já a Ilha Mem de Sá recebeu investimentos no valor de R$ 1.028.426,16, para construção de atracadouro e melhorias no entorno do local, totalizando 462 m², composto de calçamento, paisagismo e quiosques de sombra. Para quem vive basicamente da pesca, a entrega dessas obras representa mais oportunidades de emprego e renda, além de um crescimento no fluxo de turistas na região.

“Nasci e me criei aqui na Ilha, meus pais e avós também. Aqui, a gente sobrevive da pesca, do turismo e acredito que com a entrega dessa obra, o turista venha nos visitar, pois temos muito a oferecer. Além da nossa culinária, temos artesanatos, realizamos trilhas para quem deseja conhecer os povoados”, declarou o pescador José Givaldo Santos.

Marcos também é pescador, mas realiza trabalhos voltados para o turismo e acredita que essa nova realidade vai ajudar a divulgar mais a Ilha e todos os atrativos locais. “Sempre trabalhei como pescador, construí uma pousada e faço trabalhos turísticos aqui. Levo turistas para a Croa do Goré, agora nesse período de Carnaval já vou transportar um grupo lá da Orla Pôr do Sol para trazer até a ilha. Depois da entrega dessa obra, o turismo vai melhorar 100%, com certeza”, afirmou.

Potencial 

Para o prefeito de Itaporanga, Otávio Silveira Sobral, a obra era um desejo antigo da população e representa maior valorização da região. “Essa obra vai valorizar ainda mais a nossa região. Aqui, existiam barracos e a estrutura não oferecia conforto algum aos turistas. Agora, vamos aproveitar para construir bares, no intuito de possibilitar mais comodidade e conforto aos turistas. Uma grande parceria com o governo do Estado, e se vamos partir para a obra da Caueira. Tudo que for em benefício de Itaporanga, estaremos juntos”, declarou.

O potencial de crescimento econômico por meio do comércio local é um dos principais ganhos e favorece novos e já existentes empreendedores. Como é o caso da senhora Angela Maria dos Santos Nascimento, proprietária de um bar há nove anos na região.

“A frequência de clientes é boa, mas sempre melhora no período do verão, mas espero que depois da entrega dos atracadouros a clientela aumente ainda mais. Essa obra vai trazer mais qualidade de vida, gerar emprego e renda, porque a nossa expectativa é que o número de visitantes cresça e que estejamos capacitados para recebê-los para que eles sempre saiam satisfeitos”, comentou.

Também presente na solenidade, a ex-prefeita de Itaporanga, Gracinha, agradeceu às equipes da Secretaria de Turismo e do Prodetur  pelo empenho na realização da obra.

“Quero agradecer ao governador Belivaldo Chagas e ao ex-governador Jackson Barreto – que não está presente -, pois vocês não me decepcionaram quando os procurei. Nos deram essa obra que vai gerar emprego e renda”, declarou a ex-prefeita, que também citou os investimentos que envolvem o projeto de revitalização na orla da Caueira.

Orla na Caueira

Durante sua visita à Ilha Mem de Sá, o governador anunciou que o Estado está acompanhando o projeto de revitalização da Orla da Caueira.

“Esses dois atracadouros, juntamente com a obra da Orla Pôr do Sol, que está sendo mais uma vez revitalizada, vão servir de elo para incrementar cada vez mais o desenvolvimento do turismo no estado. Nós temos uma maravilha de rio, uma área bonita, e precisamos estimular os investidores da área do turismo. Essa região é muito bonita e tem que ser explorada. Temos o passeio mais bonito aqui. Nós temos que defender o que é nosso”, ressaltou.

Belivaldo informou que o projeto de revitalização está pronto e está orçado em torno de  R$10 milhões. “Já estamos com selo garantido pelo Ministério do Turismo, fruto dos projetos que apresentamos. Nós apresentamos um volume de projetos que totalizam R$ 850 milhões. A gente espera que depois dessas etapas vencidas, tenhamos a liberação dos recursos para construir a orla mais bonita do interior de Sergipe”, completou.

Fonte: ASN

Comentários