Teatro de Fantoche aborda importância da leitura

0
Atividade aconteceu na biblioteca Mário Cabral (Foto: Edinah Mary)

Cerca de 30 crianças da escola Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Alencar Cardoso, localizada no bairro José Conrado de Araújo, participaram das atividades em comemoração ao mês do livro, na manhã desta quinta-feira, 26, na biblioteca Mário Cabral, unidade administrada pela Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju). A ação tem como objetivo incentivar o hábito da leitura e propagar a cultura entre os estudantes do ensino fundamental.

De acordo com a coordenadora da biblioteca Mário Cabral, Verônica Cardoso, o teatro de fantoche é uma ferramenta de estimulo à leitura. “Há pesquisas que confirmam que o teatro de fantoche é capaz de incentivar as crianças a buscar os livros para praticar a leitura. Hoje, convidamos o personagem Dentinho para falar sobre a importância da leitura. Além de apresentar novas obras e novos autores da literatura infantil”, ressalta.

Para o estudante José Miguel Santos, de oito anos, a encenação teatral sobre o pai da literatura infantil, Monteiro Lobato, fez com que ele relembrasse os personagens do Sítio do Pica-Pau Amarelo. “Fiquei atento a todas as histórias contatas por Dentinho no teatro de fantoche. Gostei muito e achei interessante lembrar as histórias sobre Narizinho, Visconde e Pedrinho. Outro ponto que achei interessante foi a Sala Popular Mestre Euclides”, diz o estudante José Miguel dos Santos.

“É essencial essa troca de experiência entre a escola e a biblioteca. Atividades como esta são muito importantes, porque a gente está em contato diretamente com a cultura e mostrando para os alunos a importância de conhecer nossa história, através dos elementos que encontramos no Centro Cultural. A visita está sendo fantástica e eu já vou levar para sala de aula o que eu aprendi aqui, inclusive estou encantada com o Carrossel do Tobias, que vivenciei na infância e já estou pensando em alguma atividade para trabalhar em sala”, destaca a professora Marisete Alves.

Após uma visita guiada pelas instalações do Centro Cultural de Aracaju, as crianças participaram de atividades lúdicas, como o teatro de fantoche e contação de história, brincadeiras e um quiz. A estudante Lara Letícia de oito anos de idade, afirma está emocionada e feliz por voltar ao Centro Cultural após quatro anos. “Eu já conhecia este espaço. Meus pais me trouxeram quando eu tinha quatro anos, mas retornar a biblioteca e encontrar novos personagens é lindo e maravilhoso. Estou amando de verdade”, comenta.

Na busca pela melhoria na educação, Marisete Alves fala sobre a importância de transformar toda a experiência adquirida em atividades práticas em sala de aula. “Vamos relatar o que vimos aqui e levar esta atividade para a sala de aula, para que os alunos não percam o conteúdo ministrado. Esta prática é fundamental, porque a nossa escola tem como prioridade o incentivo a leitura desde cedo, mostrando que a busca por uma boa educação se faz através do conhecimento”, esclarece.

Nosso objetivo é trazer nossas crianças a biblioteca, aproveitando esse momento festivo do mês de abril, que traz diversas datas comemorativas referentes ao livro, além de apresentar o Centro Cultural de Aracaju e seus atrativos”, conclui a coordenadora da biblioteca.

A programação especial em alusão ao mês do livro segue até esta sexta-feira, dia 27, em dois horários às 9h30 e às 14h30, com a atividade “Mediação de leitura: conhecendo o livro infantil através da Maleta de Leitura”. As escolas podem fazer o agendamento das visitas através do telefone 3214-5387.

fonte: PMA

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais