A frenética busca por holofotes

0

A classe política tem cortado um dobrado para se manter na mídia. É enorme o esforço dos assessores na busca de fatos que interessem à imprensa, garantindo a publicação de algumas linhas citando o “patrão”, de preferência com o retrato do dito cujo na página do matutino. Nesta semana, quem se deu bem foi a política-delegada Danielle Garcia. A fidalga fez o maior barulho com a sua migração, de mala e cuia, do nanico Cidadania para o minúsculo Podemos. Na falta de assunto mais palpitante, a imprensa sergipana abriu generosos espaços para a tomada do partido pela delegada. Destacou, inclusive, o choro do deputado estadual Zezinho Sobral. Os coleguinhas ressaltaram o fato de um camarada experiente, como é o parlamentar, ter perdido o comando da legenda para uma quase neófita na política, sem mandato eletivo e derrotada na primeira eleição em que participou. Esta busca frenética por holofotes faz parte desse período de quase calmaria política, provocada, em parte, pelo tempo que nos separa das eleições e 2022. Portanto, o disse-me-disse dos políticos não passa de uma flor do recesso, que vem a ser o estardalhaço dado à informação sem muita relevância. Home vôte!

Pais e mãe da criança

Alguns políticos se apressaram em alardear serem os responsáveis pela instalação de duas futuras agências da Caixa Econômica Federal em Aquidabã e Itabaiana. Desde que a direção do bancão deu a boa nova, que a imprensa recebe releases anunciando os pais e a mãe das crianças. Até agora, já divulgaram serem os responsáveis pela instalação das futuras agência, a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) e os deputados federais Laércio Oliveira (PP) e Fábio Henrique (PDT). Bem que a Caixa poderia acrescentar mais uma filial em Sergipe, para que cada um dos três políticos tivesse uma agência para chamar de sua. Misericórdia!

Lei desrespeitada

Alguém já disse que lei é como vacina, umas pegam, outras não. Uma dessas leis desrespeitadas em Sergipe é a que obriga as casas comerciais especializadas em refeições rápidas a afixarem tabela em local visível informando os índices nutricionais e calóricos dos sanduíches. De autoria do ex-deputado estadual Gilson Andrade (PSD) – atual prefeito de Estância – A Lei é letra morta em quase todos os restaurantes e lanchonetes de Sergipe. Cruz, credo!

Triste desigualdade

O percentual de crianças negras de 7 a 14 anos que estão mais de dois anos atrasadas na escola é o dobro do registrado entre as brancas. Enquanto 16,7% dos alunos negros estão nessa situação, entre os brancos o índice é apenas 8%. Os dados do Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade reforçam a tese de que as desigualdades entre negros e brancos se repetem no ambiente escolar. Coisas do Brasil tão desigual. Desconjuro!

Na mira da Justiça

O pleno do Tribunal de Justiça de Sergipe abriu investigação preliminar para avaliar a conduta do juiz de direito Aldo Melo. Será apurado até que ponto as postagens feitas pelo magistrado sobre aglomeração de pessoas afrontaram a lei. Em março de 2020, quando os hospitais estavam lotados de vítimas da Covid-19, Aldo Melo postou nas redes sociais uma foto dele, ao lado de outras pessoas, com as seguintes legendas: “Hoje é dia de aglomerar” e “Aglomera Brasil”. A decisão do TJ pode resultar num processo administrativo disciplinar. O juiz disse ter ficado surpreso, mas entende a autonomia do Tribunal de Justiça. Ah, bom!

Quer outra CPI

A depender do senador Alessandro Vieira (Cidadania), será aberta uma nova CPI para investigar o suposto “confisco de salários de assessores pelo ex-deputado federal Jair Bolsonaro, no período de 1991 a 2018”. Já foi iniciada a coleta das assinaturas, sendo necessário o apoio de pelo menos 27 senadores para instalar a CPI. Segundo o cidadanista, “apropriar-se indevidamente de parte dos salários de seus subordinados configura, em tese, crime de peculato, concussão ou corrupção passiva, podendo, inclusive, configurar-se organização criminosa”. Crendeuspai!

Malas prontas

O deputado estadual Garibalde Mendonça aguarda apenas a próxima janela partidária para trocar o MDB por outro partido. A primeira preferência dele é pelo DEM, mas tudo vai depender das mudanças que o Congresso fará na legislação eleitoral. Ontem, Garibalde discutiu sobre a sua saída do MDB com José Carlos Machado, que vem a ser presidente do DEM em Sergipe. Aliás, o filho do deputado, vereador Breno Garibalde, preside o diretório demista de Aracaju desde 2019. Aff Maria!

Troca de comando

O capitão de fragata Luciano Maciel Rodrigues é o novo capitão dos Portos de Sergipe. Ele substituiu o também capitão Guilherme Conti Padão. Ontem, os dois militares fizeram uma visita ao governador Belivaldo Chagas (PSD), que desejou sucesso ao novo manda chuva da Capitania. “Tenho certeza que o capitão Luciano Maciel Rodrigues vai manter o bom trabalho nesta instituição tão importante para o país, que é a Marinha do Brasil.” afirmou Chagas. Então, tá!

Abaixo o preconceito

As mulheres negras são o principal alvo de comentários depreciativos nas redes sociais. Estudo feito pelo pesquisador e PHD em Sociologia Luiz Valério Trindade, mostra que entre os que disseminam intolerância racial, 65% são homens na faixa de 20 e 25 anos. Já 81% das vítimas de discurso depreciativo são mulheres negras entre 20 e 35 anos. As principais agredidas na internet são médicas, jornalistas, advogadas e engenheiras negras. Só Jesus na causa!

Futuro incerto

Tem gente apostando uma mariola de goiaba como os vereadores de Aracaju, Fábio Meireles e Sávio Neto de Vardo da Lotérica – ambos do PSC – serão cassados até o final deste ano. Segundo a línguas ferinas, a existência de candidaturas irregulares no partido está pra lá de provada no processo, devendo resultar na cassação de toda a chapa de vereadores do PSC. Em isso ocorrendo, os mandatos de Fábio e de Sávio estarão automaticamente cassados. Em sendo correto este entendimento, os suplentes Elber Batalha Filho (PSB) e Camilo Feitosa (PT) já podem encomendar os ternos de posse. Arre égua!

Frutas e legumes

De um bebinho, numa bodega de esquina na feira de Carira: De tanto mexer com laranjas, o PSC de Aracaju está descascando abacaxi. Que quiabos!

Recorte de jornal

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais