Aberta temporada de pesquisas

0

 

 

Com o novo ano foi aberta também a temporada de pesquisas eleitorais. Desde o último final de semana parte da imprensa alardeia pesquisas de todos os tipos e de todos os gostos para as eleições deste ano.

 

Ainda bem que pesquisa eleitoral em Sergipe está desacreditada, para não dizer desmoralizada depois das eleições de 2006 e das eleições municipais de 2008. Nas últimas eleições um jornal diário local fez um acordo com um instituto, para divulgação de pesquisas e foi um vexame. Em Umbaúba e Lagarto o instituto previa uma vitória grande de dois candidatos, deu o contrário. A desculpa esfarrapada não colou.

 

Bem escreveu ontem o jornalista Adiberto de Souza: Até junho que vem, os políticos vão exercitar o blefe. Nesta fase surgirão pesquisas com os mais diversos resultados, anúncios de rompimentos e futuros acordos, candidaturas impensáveis e denúncias para todos os lados, naturalmente, sem qualquer comprovação. Desta forma, os grupos políticos procurarão fortalecer seus pré-candidatos aos vários cargos eletivos e atingir os telhados de vidro dos adversários. Este período de blefe prosseguirá até a chegada das convenções, quando a campanha eleitoral começará para valer. Portanto, é de bom alvitre não levar em consideração a maior parte do que se diz e escreve nesta fase para não correr o risco de ficar mais perdido do que cego em tiroteio.

 

O certo é que pesquisas eleitorais em Sergipe não têm credibilidade. Para constatar basta fazer uma pesquisa (kkkk). Com isso alguns poucos institutos sérios (existe sim) são prejudicados. Este espaço entende que pesquisa eleitoral deveria servir apenas para consumo interno dos candidatos. Mas a classe política brasileira não tem coragem de votar uma reforma política de verdade. E fica fazendo “meia sola” e todo ano eleitoral leva um puxão de orelha do STF, que disciplina alguma ação eleitoral. Enquanto isso alguns ganham muito com pesquisas “encomendadas”.

 

Pressões

Não são apenas as pesquisas “encomendadas” que servem para pressões de alguns. Recados dados a toda hora demonstram que muita gente neo-aliada do atual governo está preocupada com os interesses pessoais e principalmente empresariais. E por isso ficam falando nas águas de março.

 

Ainda sobre pesquisas

Desde o último dia primeiro, as entidades ou empresas que realizarem pesquisas de opinião pública relativas às eleições ou aos candidatos ficam obrigadas a registrar no tribunal ao qual compete fazer o registro dos candidatos as informações previstas em lei e em instruções expedidas pelo TSE.

 

 

PSDC lança sergipano para vice-presidente

De atuação discreta, mas muito ativa, como antigo militante nos movimentos políticos e sociais da Democracia Cristã no Brasil, o advogado e empresário sergipano João Augusto Nascimento deve ser indicado, ainda esse mês, como pré-candidato a vice-presidente, na chapa do paulista José Maria Eymael, do Partido da Social Democracia Cristã, ä presidência da República. 

 

Lançamento em Fortaleza

 O lançamento da pré-candidatura de José Maria Eymael ä presidência da república – com o sergipano João Augusto como vice – será ainda mês, em Fortaleza, durante a realização de conferência nacional do PSDC. O nome de João Augusto está sendo indicado pelas lideranças nordestinas do partido e já tem o apoio de Minas, São Paulo, Acre, Goiás, Amazonas, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Tocantins.

 

PSDC em Sergipe

O PSDC, em Sergipe, garante que terá candidato a Governador e a Senador, pretendendo também montar uma chapa forte de candidatos a deputado estadual e a deputado federal. Para os cargos majoritários do partido destacam-se os nomes do professor Adelson Alves e do pastor evangélico Arivaldo Carvalho.

 

PMs à disposição

Ontem, 04, a Câmara de Aracaju devolveu 13 policiais militares que prestavam serviço aquele poder. Os outros órgãos devem fazer o mesmo após a discussão das quantidades e condições de cessão, através do diálogo para não prejudicar nenhum funcionamento.  É verdade que a publicação, em BGO, dos cedidos, é um avanço porque mostra transparência. A população agradece.

 

Lei Eleitoral proíbe distribuição de benefícios I

A Lei Eleitoral proíbe a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios por parte da Administração Pública em anos eleitorais. A previsão consta do artigo 73 da Lei 9.504/97. Assim, de acordo com calendário eleitoral de 2010, aprovado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em julho de 2009, a proibição passou a vigorar desde 1º de janeiro último.

 

Lei Eleitoral proíbe distribuição de benefícios II

As únicas exceções, de acordo com a própria lei, ficam por conta dos casos de calamidade pública, de estado de emergência ou ainda quando as distribuições fizerem parte de programas sociais autorizados e já em execução orçamentária no ano anterior, “casos em que o Ministério Público poderá promover o acompanhamento de sua execução financeira e administrativa”, diz a lei.

 

IstoÉ I

A Secom do governo estadual informou que a revista IstoÉ Dinheiro divulgou notícia truncada que se constitui em grosso equívoco, relacionando o governador Marcelo Déda com as investigações da Operação Navalha. O governador Marcelo Déda não foi envolvido nem investigado, nem indiciado e muito menos denunciado nos autos da chamada Operação Navalha.

 

IstoÉ II

Nas investigações da conhecida Operação Navalha, que motivaram o Ministério Público Federal a oferecer Denúncia ao STJ, constam membros do governo anterior, inclusive o ex-governador, denunciado formalmente pelo MPF, não havendo, repita-se nenhum envolvimento do atual governador, Marcelo Déda. A sindicância a que se refere a IstoÉ Dinheiro, que corre em segredo de Justiça, analisa fatos relacionados ao processo de cassação do mandato do deputado estadual André Moura. Em nenhum momento se registra telefonemas dos envolvidos ao governador, nem fatos concretos que envolvam o governador Marcelo Déda em qualquer ato ilícito.

 

Rio São Francisco

A assessoria da Seinfra esclarece sobre as notas publicadas ontem a respeito da linha verde Norte: “De acordo com os estudos de viabilidade sócio econômica e o projeto conceitual contratado pela Seinfra, os municípios de Brejo Grande em Sergipe e Piaçabuçú em Alagoas são apontados como melhor local para a realização da construção de uma segunda ponte sobre o rio São Francisco. Diante desses dados e características da via que sai do povoado Aguilhadas em Pirambu e chega até ao povoado Atalho em Pacatuba o governo do estado decidiu contratar um projeto para drenar e pavimentar a SE-100 Norte. Essa estrada já é utilizada pela Petrobrás, que também oferece manutenção a rodovia”.

 

Construção de uma nova rodovia

Continua a assessoria da Seinfra: “Com a SE-100 Norte pavimentada as pessoas que quiserem se deslocar de Japaratuba e Pirambú com destino a Neópolis, irão utilizar a SE-204 que já é asfaltada. Atendendo uma demanda antiga dos moradores da região, o governador Marcelo Déda autorizou a pavimentação dos 15 quilômetros da SE-120 que liga Ilha das Flores a Neópolis. No momento a obra já se encontra com mais da metade concluída com previsão de entrega para os próximos 60 dias. Independente dessas ações já está em fase de estudos pelo governo do Estado, a construção de uma rodovia mais próxima do litoral chamada Via Parque ligando Ponta dos Mangues saindo da SE-100 ao povoado Saramém em Brejo Grande. Tudo isso por conta desse estudo feito de maneira macro, visando o desenvolvimento de toda aquela região”.

 

Diário Oficial poderá ser visualizado na Internet

Disponibilizar o Diário Oficial (DO) na versão eletrônica significa dar transparência e facilitar o acesso às informações do governo aos cidadãos. Pensando assim, a partir de agora, os Atos publicados no Diário Oficial do Estado de Sergipe poderão ser visualizados no formato em PDF na homepage da Segrase, através do endereço eletrônico: www.segrase.se.gov.br. Para baixar, basta verificar na barra de menu o link Diário Oficial PDF, e escolher a data do diário que deseja fazer o download.  Novo formato – Com um novo layout, o DO apresenta novidades tanto em sua parte externa quanto no miolo, onde os Atos estão distribuídos por seções (Poder Executivo, secretarias e municípios, por exemplo).

 

Editais para pesquisa tecnológica I

O Fundo de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (BNB/ETENE-Fundeci) promove o lançamento de dois aviso/editais de concorrência pública para pesquisa tecnológica, no valor de R$ 1 milhão cada. O primeiro destina-se à pesquisa e à difusão de tecnologias de prevenção e controle da desertificação; e o segundo, ao fomento à inovação tecnológica em micro e pequenas empresas.

 

Editais para pesquisa tecnológica II

As propostas deverão ser apresentadas ao BNB pelas Entidades Proponentes exclusivamente via Internet no endereço www.bnb.gov.br, utilizando o programa de preenchimento Formulário Único de Proposta (FUP-FUNDECI), disponível no mesmo endereço eletrônico. A confirmação da recepção da proposta será feita pelo próprio sistema que emitirá certificado de recebimento. O prazo para recebimento das propostas encerra-se às 18h do próximo dia 26 de fevereiro.Os Avisos e demais instruções para apresentação de projetos estão disponíveis no portal do BNB www.bnb.gov.br.

 

Matinée Dançante no Iate Clube

No próximo domingo, 10, a partir das 16 horas acontece mais uma Matinée Dançante no Iate Clube. Desta vez as atrações são Gil Castro e Los Romanticos. Maiores informações pelos e-mails: lueventos3304@hotmail.com  ou entreamigosnatv@hotmail.com ou pelo celular: (079) 9977-3304.

 

Entulho da Torre

Serviços de reformas em apartamentos no elegante edifício Torre Opará, localizado na Avenida Beira Mar, vem causando transtornos para os moradores dos prédios que ficam na Rua Teófilo Otoni. É que são contratadas caixas coletoras de entulhos que são colocadas na porta dos referidos prédios.  Os moradores do Edf. Port Saint Paul tem que conviver com os entulhos do vizinho de frente. 

 

Bicicletas prejudicando pedestres

Outro reclamação que chama atenção é que as bicicletas dos operários que prestam serviços no TORRE OPARÁ, são proibidas de serem guardadas no próprio prédio e ficam acorrentadas em um poste em frente atrapalhando a passagem de pedestres.

 

DO LEITOR

 

A IstoÉ Dinheiro e a Navalha

Do leitor Messias Gonçalves: “Gente, já estamos em 2010 e a eleição é logo ali. Só faltam nove meses. E esses meses passarão ligeiro. E eleição requer dinheiro. Por isso que eu interpretei dessa maneira. Uma revista que trata de economia, vem, relatar, a serviço de quem possa interessar-se, para abordar um assunto estritamente policial. As coisas se clareiam quando observamos que, além de enaltecer assuntos policiais, que graças a Deus o nosso governador não se envolveu, ainda acrescenta uma possível situação eleitoral de um para o outro, mostrando os verdadeiros motivos dessa infeliz reportagem. Cabe agora ao nosso governador, pedir retratação e ainda interpelação judicial, com pedido de indenização por danos morais. Lembrando que isso é só o começo. Até outubro os desesperados farão de tudo. Não importa o tamanho da mentira. O que vale é as repercussões. Mas, o povo na sua sagrada sabedoria, sabe separar o bem do mal”.

 

Blog incomoda

E-mail recebido: “Caro Cláudio Nunes,um espaço que tem apenas uma dúzia de leitores, como você mesmo diz, incomoda muita gente. Imagine se este espaço resolver mostrar algo que só acontece em Sergipe: alguém que não tem limites para lançar manchetes por longos dias e somente depois de muito tempo é que divulga, caso seja do seu interesse, ou não consiga barganhar, como já o fizera em muitos episódios”.

 

O Poder Público e a Croa do Goré

Do leitor Francisco: “Como as coisas são tratadas pelo poder público é uma verdadeira piada. Vejam no sábado houve um incidente no Bar Flutuante na Croa do Goré e como sou frequentador da região nunca presenciei órgãos ambientais, vigilância sanitária, defesa civíl no local, somente a Marinha faz sua parte por lá. Pelo menos não se pode dizer que o local não existe. O que me impressionou foi matéria exibida hoje, 04 de janeiro no SETV segunda edição a Emsetur disse que não tinha nada haver com o local. Para mim foi de uma infelicidade tamanha essa declaração porque abre caminho para uma investigação séria: como o órgão de turismo estadual gastou dinheiro com a propaganda do local, várias matérias em revistas e jornais e vem com uma desculpa dessa. Segundo a matéria a defesa Civíl e Corpo de Bombeiros interditaram o local e vão desmanchar o espaço e aguardar um projeto por quem explora o mesmo. Agora pergunto: porque só agora apareceram e com uma decisão de demolir? Ora sabemos que o local precisa sim de uma estrutura adequada, mas aonde estavam esses órgãos que deixaram construir daquela forma? Alguém pode dizer algo? A Prefeitura pode explicar se liberou algum alvará para o local? Nada contra quem explora, mas porque não procurou esses órgãos? Precisa sim uma união dos órgãos envolvidos para resolverem de imediato sobre essa situação pois o verão esta bombando em Aracaju”.

 

Que “belo exemplo” da Administração de Santana do São Francisco

E-mail recebido:Enquanto os servidores do magistério daquele município estão há dois meses sem receber seus salários (vide nenotícias.com.br, de 30 de dezembro de 2009), quando o Sintese dá nota média de 2,5 na “Prova final da Educação Pública” daquele município e, no momento em que a Seplan e IBGE divulgam que Santana do São Francisco é o município de menor PIB per capita de Sergipe (vide Jornal da Cidade, edição de 3 e 4 de janeiro de 2010), a Administração Municipal realiza uma mega festa com o título de Encontro Cultural, levando  bandas  que por certo cobram caríssimos cachês. E não venham dizer que não há dinheiro público no evento. Eis que constam como patrocinadores: a Secretaria de Estado da Comunicação de Sergipe, o Banese e o Ministério do Turismo. Não parece aquela política do pão e circo? Bom, acho que falta o pão. E o que será que pensa o povo santanense, a igreja (é momento das festividades alusivas à Bom Jesus dos Navegantes), a Câmara de Vereadores e o Ministério Público?É mole ou quer mais? O município é governado por nada mais, nada menos do que o Presidente da Associação dos Municípios do Baixo e do Vale do São Francisco. Não é um belo exemplo?”

 

Participe ou indique este blog para um amigo: 

claudionunes@infonet.com.br

 

Frase do Dia

“Os primeiros quarenta anos de vida nos dão o texto: os trinta seguintes, o comentário”.  Schopenhauer.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários