AJU: Forró Caju, saúde e gestão em compasso de espera

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Há algo de errado na atual gestão de Edvaldo Nogueira. E a população não aguenta mais a desculpa da herança de João Alves. Aliás, se o leitor 

Algumas das postagens do deputado federal Fábio Reis no twitter.

pesquisar neste mesmo período em 2013, primeiro ano da gestão de João, verá que o discurso era o mesmo, a herança deixada por Edvaldo de mais de R$ 200 milhões em dívidas.

Aliado critica falha da equipe – E não adianta mais o discurso que a oposição não aceitou a derrota. As criticas surgem a todo o momento de aliados políticos. No caso do Forró Caju, na última quarta-feira, no mesmo horário que Edvaldo concedia uma coletiva explicando que não teria Forró Caju, pelo twitter (ver prints ao lado), o deputado federal Fábio Reis, do PMDB, de Jackson (e o candidato de Jackson a federal), deixou claro que fez tudo junto ao ministro do Turismo, mas o município havia perdido o prazo para atender as diligências. ”Perdeu os recursos para os festejos juninos por falha da equipe..”, escreveu o aliado de Edvaldo.

Secretário entrega cargo – Ontem, 15, o G1 Sergipe deu em primeira mão a informação que o secretário da saúde de Aracaju, André Sotero entregou o cargo. Para o blog não foi surpresa, pelo histórico profissional dele. André até que tentou e esbarrou numa máquina obsoluta e sem perspectiva de melhorar por conta de uma gestão desencontrada em todas as áreas.

Lixo e Torre – De quebra, se perguntarem a população por dois nomes que lembram a atual gestão de Aracaju a maioria dirá: Lixo e Torre. Uma 

O G1 Sergipe deu em primeira mão a saíde de André Sotero da saúde de Aracaju 

simbiose cujas vísceras foram expostas pela Operação Babel e se não fizerem uma malabarismo cirúrgico muito mais será exposto pelo Deotap e o Justiça em várias instâncias.

Recado direto?  Será que as criticas de Fábio Reis já refletem o que ele escuta nos bastidores do chefe maior, Jackson Barreto? Ou foi um recado direto de que as desculpas cansaram?

Os aliados do prefeito sabem que ninguém aguenta mais esse compasso de espera. E que Aracaju é a vitrine eleitoral para todo o Estado. Depois dos festejos juninos 2018 começará a bater às portas.

Sem certidões – E desde a transição que o prefeito Edvaldo Nogueira sabe que a Prefeitura estava com problemas para receber recursos federais por conta da falta de certidões negativas.

Expediente normal – O governo de Sergipe informa que diferente do que foi veiculado no telejornal da TV Sergipe, hoje, dia 16 de junho, não vai ser ponto facultativo na administração estadual. (Secom/Governo de Sergipe)

Na boca do caixa – E um “laranja” que foi na boca do caixa no dia 3 de janeiro retirar dinheiro para um ex-gestor está enrolado na Operação Antidesmonte. Tinha certeza da impunidade.

“Bolsonistas” e a a suástica – E o artigo de quarta-feira, 15, teve muitas respostas agressivas no Facebook dos “bolsonistas” contra o blog. 

Para os Bolsonistas: “Compreender que há outros pontos de vista é o início da sabedoria.” Thomas Campbell, morreu 15 de Junho de 1844. 

Brasil a um passo da Alemanha nazista – O ódio vai fazer uma guerra  civil neste país. A intolerância vai transformar o Brasil numa Alemanha nazista.

Flautista de Hamelin – Como escreve um amigo: Bolsonaro nasce da vacância de Estadistas, de uma classe média pensante. Bolsonaro é o "flautista de Hamelin!”

Seis meses para nomear duas pastas – Alguém sabe explicar os motivos que levaram o prefeito Edvaldo esperar seis meses para nomear os titulares de duas pastas? Luis Fernando, defesa civil e Jorge Santana, desenvolvimento econômico e turismo.

Perdido – Um governo se mostra perdido quando um simples ato de nomeação de secretário, com seis meses de atraso, tenta transformar em um ato político.

Comissionados – Em Gilmar Carvalho o promotor Bruno, do MP disse que está investigando o excesso de comissionados na gestão anterior da Prefeitura de Aracaju.

E no TCE, questiona Fontes – Pelo twitter, o ex-deputado federal João Fontes  pergunta como fica o excesso de comissionados no TCE.  “O pau que dá em Chico não vale para Francisco”, questiona.

Exemplo na saúde – E em Itabaiana, constantemente a secretária de saúda, Karla Mendonça visita os postos médicos e além de verificar in loco o atendimento confere todo o estoque das farmácias.

100% música sergipana – Dia 05/07 estreia na Aperipê FM, das 20h00 às 22h00, o programa "Sons de Sergipe". Apresentação Grazi Oliveira e Anderson Santana.

Direitos fiscos – Acaba hoje em Aracaju o II Encontro Regional Nordeste da FENAFIM, para os auditores e fiscais de tributos de todo o País.

Direitos fiscos II –  Dezenas de municípios do Nordeste, Norte e Sudeste participam do evento que tem o tema  ‘O fisco municipal entre a autonomia e a garantia de direitos’.

Todo mundo com água – E uma força tarefa conseguiu resolver rapidamente o rompimento de uma rede no Bairro Industrial em Aracaju, que afetou também o Porto Dantas e o Japaozinho. A água retornou às 13h de ontem.

Ipesaúde – Hoje, 16, excepcionalmente, o atendimento será suspenso ao meio dia para a realização de manutenção do sistema de informática que ocorre até as 18h do sábado.

Ipesaúde II – A redução do horário acontece porque a equipe de tecnologia da informação irá fazer um reparo na tentativa de diminuir o tempo de espera nas filas, tanto para marcação quanto para atendimento.

Sagrado Coração em Laranjeiras – E ontem, 15, em Laranjeiras foi realizada a tradicional novena do Sagrado Coração de Jesus, padroeiro da cidade, na Igreja Matriz, dentro das celebrações do Corpus Christi.

Sempre ter fé – O prefeito de Laranjeiras, Paulo Hagenbeck (DEM), o Paulão das Varzinhas, ao participar da novena destacou a riqueza cultural e religiosa do município e lembrou que é preciso ter fé e acreditar em Deus para recolocar o país no caminho do crescimento.

Lagarto terá Instituto de prevenção ao câncer –  Na segunda-feira, 19, o Hospital do Câncer de Barretos e o Instituto Avon inauguram, em Lagarto, o "Instituto de Prevenção Anna Hora Prata", focado em atender mulheres de 40 a 60 anos. A unidade de saúde será responsável por realizar procedimentos como: mamografia, exames de elucidação diagnóstica, consultas e biópsias.

Poço Verde – Nesta sexta-feira, 16, a Construtora JFilhos estará entregando mais um empreendimento habitacional, desta vez em Poço Verde. O Conjunto Silvino Augusto de Souza faz parte no Programa ‘Minha Casa Minha Vida’ (Faixa 1).

Aquecimento solar – Todas as 311 casas do conjunto têm o sistema de aquecimento solar para o chuveiro e adaptadas conforme a demanda de portadores de necessidades especiais. A solenidade de entrega está marcada para 9h e contará com a presença de autoridades.

Praça pública – A construtora também presenteou os beneficiários com a construção de uma Praça Pública com área de lazer e recreação infantil, além de avenida com canteiro central e pista para caminhada.

300 árvores – As áreas verdes/institucionais, doadas ao poder público e totalizando 9.898,75m², foram destinados preferencialmente para a construção de praças, escola, unidade de saúde, e outros equipamentos públicos. E mais de 300 árvores diversificadas entre frutíferas e nativas foram plantadas.

PELO TWITTER

www.twitter.com/anterogreco   Vai chegar um momento em que voltaremos a grunhir (fazer sons sem articular palavras) como os homens das cavernas. E com raciocínio zero.

www.twitter.com/Thiago_Reis_Aju   A #OperaçãoAntidesmonte entra em nova fase, a do "Salve-se quem puder!" Farmácias informam que consumo de Imosec já supera o de Lexotan..

www.twitter.com/revinhogama   Sou grato a todas as pessoas ingratas e injustas da minha vida, porque me ensinaram como não quero ser…

www.twitter.com/joaocorrrea   Onde só tem "sabido" costumo me calar. Gente que não tem humildade nem pra ouvir outra opinião não merece atenção.

www.twitter.com/AlberthoJorge1   Se você faz o bem, tenha calma e deixe o universo conspirar a seu favor. Afinal, RI MELHOR QUEM RI POR ÚLTIMO.

NOTA DE ESCLARECIMENTO – PREFEITURA DE MARUIM

A Prefeitura de Maruim esclarece, que em nenhum momento realizou convênio com alguma ONG, ou outra instituição, para a contratação de servidores.

Em relação a visita dos técnicos do Tribunal de Contas ao município de Maruim, informamos que aconteceu de forma agendada, como ocorre anualmente.

Por fim, o município reitera seu respeito às instituições fiscalizadoras e contribuirá no que for preciso para garantir a lisura dos processos administrativos.

AVISO  aos bolsonaristas mais exaltados:

– o blog sempre teve uma linha ideológica de esquerda, mas nunca vinculada a nenhum partido ou governante. O alinhamento ocorre no campo das ideias, da concepção programática. Erros e acertos da direita ou da esquerda sempre foram aqui noticiados;

2 – O fato de Bolsonaro ser aliado e líder de um grupo político notoriamente corrupto, o chamado Centrão, precisa ser explicado à exaustão, afinal ele é o político mais sério deste país, isso segundo os seus mais fanáticos seguidores. Talvez alguns devessem atentar para o ditado que diz: "diz-me com quem andas e eu te direi quem tu és";

3 – Críticas ao pensamento do titular deste espaço são absolutamente normais e bem-vindas, pois este espaço jamais pretendeu ter o monopólio da verdade e da razão, muito longe disso, porém as críticas pessoais que exacerbam do direito à liberdade de expressão e que atingem a honra objetiva e subjetiva do titular deste blog merecerão o necessário reparo pelas vias da justiça.

4 – criticar outros partidos ou políticos sem analisar essa simbiose deletéria é fechar os olhos para a realidade. Os outros podem mesmo ser muito ruins, corruptos etc, mas isso torna Bolsonaro bom, idôneo, probo?

PELAS REDES SOCIAIS

Acorda, deputada Renata Abreu, a iludida! Sukita se apresentou como prefeito de Japaratuba
Do radialista David Leite:
Coitada da deputada federal por São Paulo Renata Abreu, presidente nacional do Podemos [antigo PTN]. Ela é mais 

A postagem analisada por David Leite. 

uma vítima do descaramento e da cara sem vergonha do ex-prefeito de Capela Manoel Messias dos Santos, vulgo Sukita, presidente da Executiva Estadual do dito partido.
Pessoa de boa-fé, a parlamentar esteve em Sergipe na terça-feira (13), onde encontrou-se com Manoel Sukita, que se apresenta a Renata Abreu, pasmem – como aliás, faz em Brasília, também –, como sendo o atual prefeito de… Japaratuba [vide postagem da cuja no Instagram].
Seria este apenas mais um crime [falsidade ideológica] entre os muitos pelos quais Manoel Sukita é acusado ou já responde na Justiça, não fosse, ademais, uma tremenda vigarice.
Que o ex-prefeito e ex-interno do Sistema Prisional de Sergipe é capaz de tudo, disso ninguém duvida. O fato a estarrecer está na constatação de que uma deputada federal e presidente de um partido não se dá ao trabalho de consultar o TRE/SE [até pela internet, inclusive] e constatar que, de fato e de direito, quem ocupa o cargo de prefeita de Japaratuba, eleita em outubro de 2016 com mais de 43% dos votos, é Lara Moura. Até as pedras da Serra de Itabaiana sabem disso…
Mas, convenhamos, Manoel Sukita tem a arte do Diabo. O cabra descarado faz coisas que até o Cão Lazarento duvida. Ele consegue enganar com facilidade gente trouxa e, pelo visto, até os tirados a espertos! Haja patifaria…”
#SantaDanação #TheKingOfDogs

ARTIGO

Era uma vez, Aracaju, a "Capital do Forró!” Por Joseilton Nery Rocha

Quem me conhece sabe que defendo um outro Forró-caju. Uma outra lógica, um outro caráter. Por que não?

Por que não um Forró-caju sem a importação de "estrelas" que nada tem a ver com a nossa cultura e as nossas tradições? Por que não um Forró-caju com os artistas genuinamente da nossa terra e, no máximo, aqueles de outros estados que possuam uma identificação com as nossas raízes? Por que não um Forró-caju com o tamanho do alcance das nossas pernas, sem onerar os recursos públicos, pois sei o quanto são escassos, ainda mais nas circunstâncias conjunturais atuais? Por que não um Forró-caju sem precisar mendigar recursos junto a certas "autoridades", com ligação a certos dirigentes e órgãos da estrutura de poder, e sem barganhar apoio, por conveniência político-eleitoral? Por que não um Forró-Caju de parceria com a iniciativa privada, equilibrada, justa, com ganhos para todos, sem esfolar a população, nem expropriar o combalido erário?

Senhor Prefeito, por que não se efetivou um Forró-Caju planejado com antecedência? A Prefeitura possui um quadro qualificado. Sua Excelência montou uma equipe de gestores capacitados e gabaritados. Isso, não consegui entender. Todos integrantes do governo municipal sabiam das enormes dívidas da desastrada gestão anterior. Todos sabem do nosso enorme potencial cultural. Todos sabem que o Forró-caju é uma marca do nosso povo, há algumas décadas enraigado em nossas mentes e almas.

Senhor Prefeito, a participação das famílias sergipanas e de outros estados e países – os turistas – no Forró-caju, a nossa maior festa popular, se tornou um hábito gostoso. Uma atividade prazerosa. Uma saudável troca de energia. Um rico compartilhamento da nossa cultura: ritmos, danças, folguedos e memória.

Uma tremenda bola fora! Lamentável! Era uma vez, Aracaju, a "Capital do Forró!

Tomara que seja apenas um intervalo!

DO LEITOR

Crise na Vênus Platinada. Uma greve como ocorreu em 2011 pode acontecer em breve

E-mail recebido de um colaborador: "Parece que a crise aumentou na poderosa afiliada da Rede Globo no estado. Demissões, redução de 

despesas e assédio moral são os principais sintomas na TV Sergipe.
Os fatos negativos ganharam visibilidade após a mudança na direção de jornalismo. O veterano Ricardo Marques assumiu a cadeira antes ocupada apenas por jornalistas de outros estados. Era uma determinação da matriz Globo para garantir maior imparcialidade.
Mas para mostrar serviço e reduzir despesas, o novo diretor cortou horas extras e diárias para cobrir eventos no interior.
A emissora tem optado por usar vídeos gravados pelos telespectadores, ao invés de enviar equipes para o local da notícia, a exemplo do carnaval de Neopólis que foi divulgado através de videos enviados pelo WhatsApp. A economia neste sentido é enorme, porém a qualidade nos telejornais diminuiu bastante nos últimos meses.
Outro lado negativo foi a suspensão de eventos de sucesso produzidos na própria emissora, tais como: o concurso de quadrilha "Levanta Poeira" e a "Copa TV Sergipe de Futsal".
Não para por aí – Pra piorar a situação, funcionários estão trabalhando com o ar-condicionado desligado durante boa parte do expediente. Na redação de jornalismo, o equipamento é ligado às 5h00 da manhã e desligado às 6h00. Volta a funcionar às 9h20, é desligado às 10h40 e retorna às 11h00. Parece brincadeira, mas é verdade! Às 16h00 desliga completamente. Dai em diante, os jornalistas trabalham até às 23h45 no calor. E o pior: ficam molhados de suor. Coitados!
No núcleo de esportes a situação é ainda mais constrangedora. O aparelho liga às 9h00 e desliga às 11h00. Detalhe: não há janelas no departamento e a coitada da apresentadora fica "fritando" até o início do Globo Esporte, às 12h45.
Ah, quem quiser escapar da "sauna" tem uma única opção: comprar ventiladores portáteis com porta USB (foto ao lado), que custam R$ 60,00 na feira do mercado. Mas atenção: aquele que levar ventiladores tradicionais – mesmo que pequenos -, é proibido de ligar na tomada, pois o consumo, segundo os gestores, aumenta significativamente.”
Até quando? Quem relata os constrangimentos, adverte: uma paralisação como aconteceu em 2011 pode se repetir a qualquer momento. Só resta saber quando a bomba vai estourar!”

Excesso de pichilingas em escola de Telha
E-mail recebido: “Informo que a escola José Francisco Dias deixou de funcionar por excesso de Pichilingas – ácaros – notícia repassada por servidores da escola em Telha que também dão conta de falta de produtos de limpeza,mas olhando o portal da transparência foram feitos pedidos e pagos os materiais de limpezas só que nas escolas não tem.”

Barra dos Coqueiros: leitor discorda de notas do blog
E o leitor Valter, morador da Barra dos Coqueiros enviou o seguinte e-mail:“Tive acesso a uma nota da sua coluna relacionada a INÉRCIA de nossos gestores, as críticas que circulam nas Redes Sociais estão alicerçadas no que é visto a olhos nus na cidade, ou melhor, não é visto pois nada existe, apesar dos seus quase 30 secretários, outros tantos adjuntos e centenas de assessores, sem falar no Nepotismo praticado abertamente, as perguntas recorrentes são:
Você sabe pra quê servem as secretarias de turismo, indústria e comércio? A de cultura? A de esporte e lazer? A do Orçamento participativo? A do Meio Ambiente? Nenhuma resposta foi dada, sabe por que? Não existe resposta nobre jornalista.Por fim daria uma ótima matéria um trabalho jornalístico comparando os vencimentos do atual prefeito com a renda média da população, já que ele recebe o MAIOR SALÁRIO entre os gestores sergipanos (mais de 30 mil reais) forte abraço.”

Cláudio Nunes no Face e no twitter:

https://www.facebook.com/blogclaudionunes/

Frase do Dia
“A incompreensão do presente nasce fatalmente da ignorância do passado.” Marc Bloch, historiador francês, morreu em 16 de Junho de 1944 (n. 1886).

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais