Alese retoma trabalhos na quarta-feira

0

A Assembleia Legislativa retoma suas atividades no próximo dia 01 de agosto, em sessão matutina, vez que é um dia de semana comum, uma quarta-feira. Então, durante esta semana, só haverá dois dias de sessões normais, a quarta e a quinta-feira. Não há muitos projetos do governo para apreciação. Não se sabe se o Governador do Estado vai precisar ainda do empréstimo de 100 milhões de reais que estava na pauta até o final do mês de junho, mas que foi retirado pelo próprio governo. Se o Governador Belivaldo Chagas já sanou as dúvidas para este novo empréstimo – para reparos das rodovias estaduais – pode ser que volte a pauta nestes primeiros dias de agosto. É esperar para ver. Coimo geralmente ocorre em todos os anos de eleição, as sessões ordinárias na Assembleia serão fracas e rápidas. Os deputados estarão mais interessados em conquistar votos para suas reeleições.  Na quarta-feira também retoma as atividades a Câmara de Vereadores de Aracaju. Ali, alguns vereadores também serão candidatos (a vereadora Emilia Correia depois da crise com o seu partido, o Patriotas,  aceitou ser candidata, não ao Senado como pretendia, mas a deputado federal), mas isso não impede que sejam realizadas sessões normais.  A partir de quarta-feira, o principal assunto em debate na Câmara Municipal é a sucessão da Mesa Diretora. O atual presidente, Sr. Nitinho Vitale, deverá ser candidato novamente à Presidência…. E com muitas chances de sair vitorioso nesta sua pretensão.

TRE faz palestra para jornalistas

Na próxima sexta-feira, dia 3, a partir das 9h, o Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe promoverá palestra voltada a jornalistas e a comunicadores ligados a veículos de comunicação do Estado de Sergipe. O evento é uma iniciativa da Assessoria de Comunicação do órgão em parceria coma a Escola Judiciária Eleitoral (Ejese). Espera-se a participação de 80 profissionais. As palestras ocorrerão no plenário do Tribunal. Podem participar  advogados dos partidos e os setores jurídicos dos veículos de Imprensa. Entre os assuntos a serem debatidos estão: regras a serem observadas nos debates com candidatos, propaganda paga na internet e em outros meios de comunicação, distribuição de horário eleitoral gratuito, fake news, etc. Para participar não é necessário fazer inscrições.

Políticos vão ao interior

As caixas postais de jornalistas na internet, nesta época que precede a realização das eleições, ficam cheias  de notícias de políticos visitando o interior do Estado. O Senador Eduardo Amorim, pré-candidato ao governo do Estado, é o aquele mais usa  este tipo de comunicação. Mas, há sempre mensagens até de quem não é candidato ainda nem sabe se vai sê-lo. O deputado Robson Viana é outro que não se cansa de ir ao interior, em busca de votos de amigos e correligionários. Ele visitou em poucos dias os municípios de Estância, Itaporanga, Arauá, Pedrinhas, Santa Luzia do Itanhi, Indiaroba, Muribeca, Aquidabã e Canhoba.  Ele e muitos outros deputados candidatos à reeleição, retornam ao interior do Estado por toda esta semana, aproveitando os últimos dois dias de recesso parlamentar.

Baixarias no festival Lula Livre

O Festival de Música Lula Livre, mais uma promoção do PT para sensibilizar as autoridades judiciárias a darem passe livre ao ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ora preso na sede da Polícia Federal em Curitiba, contou com a presença de nomes expressivos como Chico Buarque de Holanda e Caetano Veloso, mas também momentos deprimentes. Como a performance de um grupo gay que bateu numa tecla repulsiva: a que Cristo teria sido gay. Não será com mensagens tão esdruxulas que esses grupos gays vão ser aceitos na sociedade de um modo em geral.

Stédile passou por aqui

Com escassa repercussão na Imprensa, quem passou por aqui esta semana foi o Coordenador Nacional do MST, Sr. João Pedro Stédile. Veio participar de uma marcha do MST local que teve como ponto alto um comício bem frente ao Incra, clamando pela liberdade de Lula.  Em seu discurso, o Sr. Stédile falou sobre as contradições dos que deram o golpe no Brasil e as tarefas que a classe trabalhadora tem nesse cenário de desmonte que vie o país, de retrocesso da economia, retirada de conquistas históricas e agravamento dos problemas sociais. Stédile trouxe um recado de Lula, a quem visitou em Curitiba na semana passada, de que será candidato à presidência da República em outubro próximo. Stédile passou poucas horas em Aracaju e talvez por isso nem tenha sido notado pela Imprensa local. Antes de se despedir anunciou a greve de fome que começa no dia 31 deste mês por integrantes da Via Campesinas e que só será encerrada com a libertação do ex-presidente Lula, pelo menos é o que deseja e espera.

A movimentação dos cheques

Mais de 855 mil  cheques foram compensados em Sergipe, no primeiro semestre deste ano. Em termos de movimentação financeira, sem considerar o efeito da inflação, os cheques compensados  totaliziaram pouco mais de 2 bilhões de reais, assinalando retração de 1,8% em relação ao mesmo período de 2017.  No período analisado o número de cheques devolvidos no Estado ficou em 125,8 mil. Em números financeiros, a quantia devolvida somou R 364,3 milhões. Dentre os seis motivos de devolução de cheques elencados pelo Banco Central existem aquele que não são compensados pela falta de provisão de fundos, os chamados cheques sem fundos. Em relação a essa modalidade, foram contabilizados 108,6 mil cheques, abrangendo 86,3% do total de devolvidos. Em valores financeiros, o somatório dos cheques sem fundos ficou em R$ 293,6 milhões, compreendendo 80,6% do valor total dos cheques que foram devolvidos.

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais