Aracaju 154 anos

0

Para homenagear Aracaju, que completa nesta  terça-feira, 17, 154 anos, o blog publica trechos de uma entrevista do cantor e compositor Paulo Lobo, publicado na Agência de Noticias da PMA, que serve de reflexão para todos os aracajuanos, principalmente para a necessidade de valorização de sua cultura. Este jornalista não é aracajuano, mas chegou aqui ainda criança e ama essa cidade com todo coração. A entrevista na integra: “Ainda falta o aracajuano valorizar a própria cultura”

 

O perfil humano e acolhedor de Aracaju, uma das poucas capitais brasileiras onde todo mundo se encontra e se conhece pelo nome, é a fonte diária de inspiração do multifacetado artista Paulo Lobo.  Com a propriedade de quem é cantor, compositor, escritor e produtor cultural, ele encara como missão fazer o aracajuano valorizar ainda mais a sua cultura. “Como artista, eu me sinto no dever de enaltecer a cidade, pois esta posição nos favorece perante a população e a mídia. O artista tem a capacidade de motivar questionamentos, criar novos hábitos, e influenciar a sociedade”, observa.   

 

Não é à toa que Paulo Lobo já compôs diversas canções que exaltam as peculiaridades da beleza e do cotidiano da capital sergipana e, agora em abril, pretende inaugurar um espaço cultural para promover os artistas locais por meio de pequenas temporadas de shows, batizado de ‘Vivará Café”.  Persistente e inquieto, ele pretende com esse novo projeto suprir uma das principais carências da cena musical de Aracaju: a falta de lugares para se mostrar trabalhos novos. 

 

Numa conversa informal e bem-humorada, o cantor declarou seus votos pelos 154 anos da cidade e fez uma análise do atual panorama do cenário musical aracajuano. “Desejo que este seja um momento de reflexão, afinal de contas a cidade é a nossa ‘casa maior” e merece que nós a prestigiemos, falemos bem, nos orgulhemos, e aproveitemos as belezas que ela tem – que são muitas”.  Confira os melhores momentos de mais essa entrevista concedida à Agência Aracaju de Notícias (AAN) em comemoração ao aniversário de Aracaju.

 

Agência Aracaju de Notícias (ANN) – Você é conhecido por criar composições que exaltam as qualidades de Aracaju. Além disso, em todas as suas incursões na arte você procura abordar a temática da cidade. Como funciona a sua relação com Aracaju e a arte?

 

Paulo Lobo (PL) – Como artista, eu me sinto no dever de enaltecer a cidade, pois esta posição nos favorece perante a população e a mídia. O artista tem a capacidade de motivar questionamentos, criar novos hábitos, e influenciar a sociedade. Particularmente, eu penso que ainda falta o aracajuano valorizar a própria cultura, e é aí que entra o papel do artista. É através de pequenas contribuições que nós motivamos as pessoas a cantarem a própria cidade.

 

ANN – Em que a capital sergipana se difere das outras capitais nordestinas?

 

PL – O que eu observo é que Aracaju ainda preserva certa tranquilidade em relação a outras capitais. O fato de ser uma cidade relativamente pequena a torna mais humana e acolhedora, aproxima as pessoas. Aqui é fácil de se locomover e encontrar os amigos, não tem o problema de engarrafamentos intensos, e distanciamento de bairros. Esse conjunto de fatores me encanta muito.

 

ANN – Quais foram suas influências musicais da juventude e como elas o ajudaram a relacionar a temática da cidade ao seu gosto musical?

 

PL – Eu recebi muito a influência dos compositores brasileiros da geração de 70, como Chico Buarque, Tom Jobim, Caetano Veloso e Gilberto Gil, que são pessoas que têm orgulho de cantar a própria terra e cantam música popular. Tom Jobim cantou o Rio de Janeiro maravilhosamente bem, Caetano e Gil cantaram a Bahia, então eu recebi também um pouco desta influência, quase arcádica, deste hábito bom e, à minha maneira, eu faço isso valorizando Aracaju.

 

ANN – Quanto ao cenário musical aracajuano atual, você aprecia a produção da nova geração?

 

PL – Eu acho que tem muita gente boa fazendo coisas legais, mas tem poucos lugares para se mostrar. Logo após o aniversário da cidade eu vou inaugurar um espaço cultural, que terá capacidade para 100 lugares e se chamará ‘Vivará Café”, que justamente tentará colaborar um pouco para a diminuição desta carência de lugares. Com a existência destes pequenos espaços, os artistas da terra podem montar temporadas de shows e não ficar apenas em shows isolados, com custos altos, e com aluguel de equipamentos. A gente tem poucos espaços, mas tem muita gente boa. Da nova geração aracajuana eu gosto da Maria Scombona e da Naurêa.

 

ANN – Quais são seus votos para a cidade de Aracaju pelos 154 anos de história?

 

PL – Eu quero dizer que o aniversário da cidade é sempre um grande motivo de alegria, e é uma oportunidade boa para nós aracajuanos repensarmos a nossa relação de amor com a cidade. Desejo que este seja um momento de reflexão, afinal de contas a cidade é a nossa ‘casa maior” e merece que nós a prestigiemos, falemos bem, nos orgulhemos, e aproveitemos as belezas que ela tem – que são muitas

 

Radiografia da SEED

Na quarta-feira este espaço vai publicar um artigo com a atual radiografia da SEED e tudo que vem acontecendo nos bastidores. Tem de tudo…

 

Interesses pessoais barrados

Tem de tudo na SEED. Por exemplo, o assessor técnico, Adir Machado, que foi nomeado em julho de 2007, é uma das pessoas de confiança do secretário. Colabora desde julho de 2007, mas como alguns estão com os interesses contrariados plantam notas na imprensa com o intuito de desgastá-lo. Tem muita coisa na SEED e este espaço vai publicar. Tem interesses pessoais “barrados” de vários políticos. Desde indicações de pessoas até contratos com a secretaria. 

 

O fogo amigo

Final do artigo da jornalista Cássia Santana, no último domingo, no Jornal do Dia: “Enfim…O Sintese, portanto, se constitui como um dos melhores articuladores para reforçar o discurso da oposição. O Governo acordou e já acredita que, por muito tempo, dormiu com o inimigo. Faz parte da democracia.

 

Duas presas no oitavo mês de gravidez em delegacia

O presidente da Associação dos Delegados de Carreira do Estado de Sergipe, Ronaldo Marinho, disse que reconhece que o atual Governo vem fazendo investimentos na área e a entidade não tem nenhuma pretensão de confronto com este trabalho, mas existem algumas situações que precisam ser expostas para a sociedade porque o governador pode até não ter conhecimento. Ele deu como exemplo a situação de quatro presas que estão na 4ª Delegacia, que estão grávidas e duas delas no oitavo mês. Ele entende que é preciso transferir as presas para o Presídio Feminino para que elas possam ter seu filhos em um local com condições melhores do que na delegacia.

 

Nota publicada

Sobre a nota publicada neste espaço no último sábado, dando conta de uma pressão para uma promoção, através de matérias na TV Sergipe, a mesma não diz respeito a nenhum membro da Associação dos Delegados. Trata-se de um assunto que vem correndo nos bastidores e envolve autoridades importantes.

 

Blog à disposição das polícias

Este espaço nunca se furtou a divulgar notas das associações organizadas, tanto da polícia civil, como da polícia militar. E já defendeu por várias vezes melhorias salariais para as duas policias. E o espaço continua aberto para essas organizações, mas é bom alertar que as lideranças, principalmente da PM, estão aí, na imprensa ao vivo e como se diz no popular “botando a cara para apanhar”, de verdade. O resto que aparece, em alguns momentos, e demagogia. Quem não assume o que escreve, não pode ser chamado de liderança e muito menos criticar ninguém.

 

                               

Cadê o MPF que esqueceu a Aruana?

Depois da polêmica da retirada de vários bares da Aruana, através de processo do MPF,

Click na foto para ampliar.
justificando que a área é de preservação ambiental, o local ficou pior. Retiraram quase todos os bares e o local ficou algo mais feio do que existia. Leia o relato de um colega jornalista que mostra a realidade atual do local. E agora? Cadê o MPF? Com certeza não era isso que os integrantes do órgão queria para o local? Ou era? A foto ao lado já diz tudo.

 

Realidade atual da Aruana

De um colega de imprensa: “Neste domingo de sol intenso 15,  resolvi ir à praia com minha família. Como o bar que freqüento fechou e os bares da Sarney estavam lotados, voltei e fui para a Aruana. Vi um bar com pouco movimento e parei. Pra meu espanto, estava cheio de carros na areia com som ligado(pra variar), mesmo assim fiquei no bar e encontrei um cantinho tranquilo. comecei a olhar em volta e, pra minha decepção, parecia uma visão do inferno. Carroças, sujeira por todos os lados, cachorros, piqueniques em toda a extensão em que os bares foram derrubados, mulher jogando cocô de criança na areia e enterrando, um homem cagando atrás de um arbusto na areia e muito mais. Tem um bar chamado bar do surfista que é horrível. Ficamos uns dez minutos e fomos embora pra nunca mais voltar neste local que uma autoridade numa ânsia feroz de derrubar tudo que encontra na areia da praia, achava que estava prejudicando o meio ambiente e fez criar uma favela num local antes tão agradável e que espero que os membros do MPF possam ir um domingo comprovar in loco o que estou relatando”.

 

Eleição já dita ritmo de trabalho e disputas

Deu no jornal Globo ontem:” Se não bastasse a onda de denúncias que tem exigido do Senado explicações quase diárias sobre irregularidades administrativas cometidas por parlamentares e servidores, a Casa poderá ter seu ritmo de trabalho comprometido este ano pela aproximação das eleições. Em 2010, dois terços dos senadores terão de renovar seus mandatos se quiserem permanecer na Casa, o que deverá aumentar ainda mais o clima de tensão entre parlamentares e partidos, que começaram o ano numa acirrada disputa pelos principais cargos de comando da instituição — são postos que dão visibilidade e poder aos candidatos…. Há ainda o caso daqueles com planos mais ambiciosos, que almejam disputar o governo de seus respectivos estados. Entre eles estão os senadores Almeida Lima (PMDB-SE) e Hélio Costa (PMDB-MG) — este ocupa atualmente o cargo de ministro das Comunicações…”

 

Alunos Sem Merenda Escolar

A Prefeitura Municipal de Campo do Brito, cidade situada na região do agreste de Sergipe, deixa os alunos da rede municipal de ensino uma semana sem merenda escolar. É notório que existe verba especifica para compra da merenda porque essa falta de respeito com as crianças que muitos vão a escola por causa do alimento, é de se lamentar que o prefeito Manoel de Souza, Maim permita que um fato deste venha a denegrir a tua administração se o mesmo já está no puder a 04 anos não existe nenhuma explicação a não ser a fraqueza de responsabilidade por parte dos dirigentes municipais. Segundo informações sexta-feira no povoado Serra das Minas a diretora serviu manga aos alunos e no povoado Garangau, foi servido goiaba, levado pelas diretoras, na escola Padre Freire foi servido um arroz doce na sexta-feira, pois foi realizada uma vaquinha entre os professores, pra não deixar os alunos com fome, o ônibus que leva os professores esta caindo aos pedaços acorda Maim, com a palavra o Ministério Publico de Campo do Brito.

 

Missa de 7º dia

A família Monteiro, através de Silvana, Sergio, Suzana, Saulinho e Silvio Vovô, e a família Maia de Araujo através de Dr. Manoel Hugo, Huguinho, Olegário e Gucha, e demais familiares convidam para a missa de sétimo dia conjunta do SR. WILSON MONTEIRO e de DOMINGUINHOS MAIA, falecidos em 09/03/2009, a ser celebrada na Igreja do Cristo Ressuscitado, no Loteamento Garcia, Bairro Jardins, no dia 16/09/2009 (segunda-feira), às 19:00 horas. Desde já agradecem a todos que comparecerem a este ato de fé e piedade cristã.

 

Prova de Ciclismo TV Atalaia

A Federação Sergipana de Ciclismo (FSC) e a TV Atalaia promovem na próxima terça-feira, 17, a segunda etapa do Campeonato Sergipano de Ciclismo. A competição, denominada de 1ª Prova de Ciclismo TV Atalaia, integra as comemorações aos 154 anos de Aracaju.O evento conta com o apoio do Governo do Estado, através da Secretaria de Estado do Esporte e do Lazer (Seel). O secretário da pasta, Maurício Pimentel, tem mantido reuniões constantes com os diretores da emissora de televisão e com os dirigentes da Federação Sergipana de Ciclismo (FSC), para acertar os detalhes da competição, de forma que a prova seja bem-sucedida e passe a integrar o calendário esportivo do Estado de Sergipe.

 

Ranking brasileiro

Além de fazer parte das comemorações ao aniversário de Aracaju, a 1ª Prova de Ciclismo TV Atalaia contará pontos para o ranking brasileiro de ciclismo, pois é homologada pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC). Na capital sergipana, estarão reunidos ciclistas de todo o Brasil, além de árbitros e cronometristas do quadro internacional da CBC.A prova será disputada num circuito de 2,6 km montado na Avenida Beira Mar, em frente ao Parque da Sementeira. A largada está marcada para as 7h30min, com previsão de chegada para as 10h30min

 

Promotor pede exoneração de Zé Franco I

O Ministério Público do Estado de Sergipe, através do Promotor de Justiça de Nossa Senhora do Socorro, Sandro Luiz da Costa, ajuizou Ação Civil Pública por Ato de Improbidade Administrativa, contra os Secretários José Franco (Articulação Política) e Núbia Guimarães Góis (Administração). O MPE requer, liminarmente, sua condenação à perda da função pública, à suspensão dos direitos políticos pelo prazo máximo estabelecido legalmente, ao pagamento de multa civil de 100 vezes o valor da remuneração dos agentes, e à proibição de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos por três anos, por si ou por suas empresas. O ajuizamento da ACP foi motivado pelas denúncias inicialmente recebidas pelo Ministério Público Eleitoral, segundo as quais estaria havendo desconto mensal de 10% nas folhas de pagamento de todos os servidores municipais com cargo em comissão, em favor do Partido Popular Socialista (PPS), cujo diretório municipal é presidido pelo Secretário de Articulação Política em questão.

 

Promotor pede exoneração de Zé Franco II

Através da intervenção do MPE, a municipalidade comprometeu-se, em Termo de Ajustamento de Conduta, a não mais promover os referidos descontos, a partir de outubro de 2008. Contudo, no mesmo mês, a Curadoria do Patrimônio Público de Socorro foi informada que, na tentativa de burlar o ajustado, a municipalidade estava convocando todos os comissionados para assinarem a autorização de desconto da “doação” ao PPS em suas próprias contas correntes. Para agravar ainda mais a situação, sabendo que não haveria tempo de efetuar os descontos em conta corrente e, para não perder a arrecadação da vultosa quantia em favor do partido, a Secretaria Municipal de Administração estava fornecendo um carnê aos comissionados, para que efetivassem, pessoalmente, sua “doação” ao PPS.

 

Promotor pede exoneração de Zé Franco III

Como se não bastasse, depoimentos prestados por comissionados do Município deram conta da coação moral à qual estavam sendo submetidos, pois os acusados deixaram claro para os comissionados que a assinatura da autorização de desconto em conta corrente era condição para que não fossem exonerados da função, fato comprovado através da gravação efetuada por um comissionado, em conversa com a Secretária de Administração. Segundo a Promotoria, tal situação caracterizou a improbidade administrativa dolosa dos requeridos, consistente na coação dos comissionados para doação de parte de sua remuneração ao PPS, que já vinha acontecendo há bastante tempo.(Ne Noticias).

 

 

DO LEITOR

 

Estatização de bancos é a solução para a crise mundial I

Artigo do presidente do Sindicato dos Bancário de Sergipe, José Souza: “A única saída para os bancos que não conseguem resolver suas dificuldades financeiras é a estatização. E é isso que os Estados Unidos estão debatendo juntamente com países da Europa e do Japão. Estão vivendo o dilema da estatização ou privatização. Nos últimos tempos, o mercado passou a ser tratado de forma dogmática, como a panacéia de tudo. Mas eles estão à beira de um ataque de nervos, pois não param de colocar dinheiro público em seus megabancos. Todo dia o governo anuncia pacotes e mais pacotes milagrosos com vistas a salvar essas instituições”.Não há dúvidas de que estamos definitivamente vivendo à beira de um declínio do império americano. O que se vê é uma luta encarniçada entre democratas e republicanos sobre o dilema da privatização ou da estatização. Até o antigo presidente do Banco Central deles – o Fed -, Alan Grisp, já se rendeu aos fatos e admite a estatização como a saída. Porém, o atual, Ben Bernanke, resiste”.

 

Estatização de bancos é a solução para a crise mundial II

Continua José Souza: “Mas a vida é mais objetiva do que a nossa vontade ou a vontade dele.Veja o que previu Thomas Jefferson, então presidente dos Estados Unidos, em 1802, sem computadores, estatísticas ou análises de mercado: “Acredito que as instituições bancárias são mais perigosas para as nossas liberdades do que o levantamento de exércitos. Se o povo americano alguma vez permitir que bancos privados controlem a emissão da sua moeda, primeiro pela inflação, e depois pela deflação, os bancos e as empresas que crescerão à roda dos bancos despojarão o povo de toda a propriedade até os seus filhos acordarem sem abrigo no continente que os seus pais conquistaram”.Será que ele era bruxo pra prevê exatamente o que aconteceria 206 anos depois? Jefferson não chegou a defender o socialismo, essa tarefa coube a um alemão chamado Karl Marx, que vaticinava: “Um fantasma ronda a Europa”.Atualmente, vemos um fantasma semelhante: aumento do desemprego e da miséria. Hoje os trabalhadores já desenvolveram a consciência e já conseguem enxergar quem são os pais da crise. A crise é do grande capital. Eles que paguem por ela. Nossa força é nossa união!”

 

Coisas de Itaporanga

E-mail recebido; “Vejam só enquanto o prefeito de Aracaju empossa 200 agentes de endemias na cidade de Itaporanga o prefeito acha que tem muito e faz o popular desvio de função só na administração são duas que estão trabalhando na licitação uma é a presidente e outra secretária. Aliás a equipe de licitação são todos desviados de suas respectivas funções o terceiro membro também é concursado só que na área de informática, enquanto isso os cofres públicos paga a terceirizados para dar suporte a área de informática, coisas estranhas que acontecem em nossa cidade de Itaporanga, será que o Ministério Público não poderia verificar o que realmente está acontecendo? Além do mais a função de agente de epidemia pode ser desviada assim logo numa época em que todo cuidado é pouco? Sem falar na incoerência de licitar a compra de nove motos equipadas com sinalizadores e sirenes para que? Se no município não existe nenhuma guarda municipal ou coisa parecida? Será que é para aproveita o momento de crise e compra para um futuro quando for criada a guarda municipal já ter os veículos?”.

 

Escândalo em Graccho Cardoso I

Do leitor Carlos: “Graccho Cardoso virou uma zona mesmo. A prefeita ganha e o marido Moíses dos Santos pensa que manda, mais que manda na verdade é o filho, popularmente conhecido como os três poderes. E enquanto isso a Senhora Crizabete veste a mascara de prefeita e bate ponto todos os dias na prefeitura brincando de administrar. Como o deputado João Graças agora é governista, o Moisés dos Santos quer fazer uma aliança com o deputado, sendo que para garantir o conforto do mesmo está mudando a praça de eventos para a rua que fica a residência da mãe do deputado, pois a casa que se localizava na atual praça e o deputado ficava nos eventos está alugada para meios comerciais, sendo assim o deputado agora irá fica na casa da mãe. Sorte do deputado João das Graças! Quem diria Moíses e Criza agradando João das Graças. Só que para isso será tirada uma praça história da cidade, árvores de mais de 40 anos será derrubadas (onde está o Ibama,  por favor ajude a natureza, pois Criza o que mais fez foi derrubar arvores na cidade), ficará em uma via pública onde maioria de moradores são idosos, o transito será interrompido sendo somente por outras ruas, e o mais interessante é que não teve licitação e sabemos que a construtora será de Graccho Cardoso localizada na rua da subestação, mais lá não tem nem uma sede de construtora”.

 

Escândalo em Graccho Cardoso II

Continua Carlos: “Muito estranho, além de provisório, sem licitação, acho que estamos a beira de um escândalo.  Eu acho que ao invés de usar dinheiro da prefeitura, pois Graccho Cardoso não tem CND, portanto não recursos federais, poderiam usar o dinheiro para: 1° transporte de qualidade para alunos e professores, pois estão sendo transportados até ambulância e moto. 2° O conselho da merenda escolar está irregular e esse ano não vai ter merenda para os alunos (já o conforto do Deputado João). 3° Abrir os postos de Saúde dos povoados, pois os mesmos estão fechados. 4° Medicamentos básicos além de dipirona, porque a população precisa de outros medicamentos. 5° Melhorar atendimento na maternidade, por que vários medicamentos foram jogados em virtude da validade. Essas são as mínimas mudanças, pois a prioridade é emprego a família porque o nepotismo está bem claro, pois vários familiares da prefeita estão de carro zero. E como EU JÁ SABIA… demissões, perseguições e muita reclamação até dos seus aliados. Será que para Graccho Cardoso não existe Ministério Publico para fiscalizar o nepotismo e gastos em obras, e o IBAMA não serve para Graccho, por que se for desse jeito em 2010 não vai ter mais arvores no nosso município”.

 

Frase do Dia

“Uma cidade é um mundo se amarmos um dos seus habitantes.” Lawrence Durrell.

 

 

 

 

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários