Assunto é que não falta – De Déda, a João e McDonald”s

0

Vou começar o artigo de hoje fazendo uma descarada confissão aos leitores e leitoras desta coluna. Tenho andado tão frustrado com o comportamento superficial de nossa imprensa tupiniquim… Que tenho me sentido sem estímulo para escrever. De uma coisa podem ter certeza: não fiquei ausente todo esse tempo por falta de assunto. A própria superficialidade premeditada de nossos órgãos de comunicação já seria um tema a ser degustado. Outro seria a ausência das instituições num grande pedaço do Brasil: o Estado do Pará, onde a lei da pistolagem sobrepõe-se ao estado de direito.  

 

Também poderia divagar neste espaço sobre a troca que o prefeito Marcelo Déda fez no Carnaval. Preferiu ir ao apoteótico desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro a acompanhar o “Carnaju” (nome dado a nosso carnaval) organizado pela Prefeitura que comanda e freqüentado pelos aracajuanos que lhe deram uma vitória histórica em outubro do ano passado. Coisa, aliás, que nossa imprensa sequer registrou com o tom critico que o tema merece.

 

Um outro tema que poderia ser tratado neste espaço era a declaração infeliz e de mal gosto do governador João Alves Filho, feita da tribuna da Assembléia Legislativa: “Odeio cesta básica”. É claro, ele nunca precisou de uma para sobreviver… Esse é outro assunto que nossos meios de comunicação deixaram de dar o destaque necessário. Como vêem assunto é o que não falta. Até a campanha de “desarmamento” ganhou novos capítulos no último fim de semana. Por unanimidade a justiça do Rio de Janeiro declarou inconstitucional uma lei que tinha por objetivo reduzir o número de armas de fogo em circulação…

 

Mais em contra partida também não dá para aceitar essa campanha de desarmamento do governo como “o único caminho contra a violência”, quando primeiro o governo precisava combater o contrabando de armas, fazer um controle rigoroso desde sua fabricação, passando pela comercialização e até o usuário final e finalmente desarmar primeiro os bandidos para só então desarmas as pessoas do bem. Acho que a prioridade do governo esta invertida. Mais tudo bem… O tema do artigo de hoje é mostrar que assunto é que não falta. E como mais uma prova, outro dia abri um jornal local e deparei com uma manchete bastante preocupante: “McDonald”s fecha lojas em Sergipe”.  Aqui tínhamos duas lojas da lanchonete americana.  

 

Tem um outro órgão de comunicação que só tem dado manchetes contra ações do PT, do Governo Lula e da Prefeitura de Aracaju. Será que só estes segmentos da vida pública erram? P*** falta de criatividade, hein!!! Mesmo assim ainda temos que suportar mais um assunto que certamente tem causado “prejuízos” a muitos brasileiros. O prato do dia de nossa imprensa, no momento, é o casamento do fenômeno Ronaldo com Cicarelli. Pode!!! Um assunto palpitante também seria a derrota que o PT imprimiu ao próprio PT na Câmara dos deputados. Como vêem, os assuntos são tantos que terminei falando um pouquinho sobre alguns deles.  

 

Disputa no PT 

A Corrente Classista, uma das inúmeras facções internas do PT, indicou, no último fim de semana, o petroleiro Rômulo Rodrigues, como candidato à presidência do diretório estadual do partido, cuja eleição acontecerá este ano. O PT classista é representado em Sergipe pelo deputado estadual Francisco Gualberto.

 

Nova Mudança 

O Governo do Estado irá afastar mais um secretário de seu cargo. Comenta-se que o deputado federal Mendonça Prado (PFL) não voltará a comandar a secretaria de Administração. O cargo também não seria devolvido ao primeiro suplente de deputado federal Ivan Paixão. Mais, segundo os fofoqueiros de plantão, um outro secretário está na mira do governador João Alves.

 

Louvável 

O prefeito Marcelo Déda, tomou uma atitude louvável ao autorizar o processo de licitação para concessão dos serviços de transporte urbano. No entanto, deverá enfrentar dificuldades à frente. Primeiro como encaixar o sistema de transporte interurbano (grande Aracaju) neste processo e depois como fazer a substituição das atuais empresas pelas novas ganhadoras… Nesta hipótese se nenhuma ou algumas das atuais concessionárias das linhas forem eliminadas do processo licitatório.

 

No comando 

Quando março chegar o senador Almeida Lima garante que assumirá o comando do PSDB em Sergipe. Por outro lado, o grupo do ex-governador Albano Franco garante que continuará à frente do partido. Esse será um embate interessante.

 

Os vice-líderes 

Sergipe está cheio de vice-líderes no Congresso Nacional. Jackson, é um dos mais de 20 do PTB, João Fontes, é um dos mais de 10 do PDT e Almeida, é outro dos mais de 10 do PSDB. Esses representantes de Sergipe bem que poderiam se mudar para Pernambuco, onde o “vice” é sempre próspero… Vice…

 

José Araújo é jornalista

josearaujo@infonet.com.br

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários