Bem nas pesquisas? Muito cuidado!

0

Um conselheiro do marqueteiro político Duda Mendonça que merece ser analisado pelos candidatos majoritários este ano. Primeiro porque pesquisas, na sua grande maioria, refletem um momento, segundo porque estas pesquisas podem ser manipuladas de várias formas de acordo com o gosto do freguês:

 

Se você está bem nas pesquisas, cuidado, muito cuidado! Já vi muitos candidatos, muitos mesmo, que começaram suas campanhas lá em cima e acabaram na rabeira. É difícil, sem uma análise mais profunda e um maior conhecimento da campanha, afirmar qual o exato motivo. Mas, posso garantir, sem medo de errar, que não existe um motivo, mas sim vários motivos. Dentre eles, com certeza, o sapato alto e o clima de já ganhou. Esses são, na grande maioria dos casos, pré-requisitos para um desastre eleitoral deste tipo.

 

E o pior é que depois que essa doença pega e o candidato despenca, só um milagre resolve (e de um santo forte e com muito prestígio com Deus). Se você estiver na frente das pesquisas, amigo, ouça meu conselho: baixe a bola. A sua e a de toda a sua equipe. É hora, isso sim, de aproveitar toda essa animação para trabalhar dobrado e manter a liderança.

 

Sua estratégia, nesse momento, tem que ser, invariavelmente, fazer uma pesquisa qualitativa (não importa o tamanho de sua cidade, isso é possível), descobrir os motivos que levam seus eleitores a escolher você e insistir nesses pontos em todos os momentos possíveis, fortalecendo-se cada vez mais com esse seu exército de eleitores, que bem municiado de informações e conhecendo bem seus projetos, pode garantir sua vitória.

 

E, pra encerrar, uma frase que meu velho e sábio pai repetia em meu ouvido a cada pequena vitória que eu tinha na vida e depois subia no meu sapato alto: “Filho, nunca se esqueça, o vencedor tem que ser generoso”. Guarde esta frase, amigo candidato. Um dia, quem sabe, ela poderá lhe ajudar. (Duda Mendonça).

 

Ainda sobre pesquisas eleitorais

Este blog vai reavivar a memória dos leitores, lembrando como foram as últimas pesquisas eleitorais publicadas em 2006, onde quase todos os institutos deram como certa a vitória do ex-governador João Alves Filho. Vai mostrar a disparidade dos percentuais em alguns municípios. É preciso reavivar a memória de todos, afinal, em Sergipe todo mundo se conhece e sabe os interesses de muitos…

 

Respeito a decisão de João Fontes

Este blog respeita a decisão de João Fontes em desistir da candidatura a vereador de Aracaju. Entende também que o artigo publicado no último dia 03 de julho, com o título João Fontes = sinal vermelho”, foi uma forma de demonstrar ao ex-deputado uma análise fria do momento político. Certamente ele tem muito a contribuir com Sergipe no futuro próximo. Nada melhor do que o tempo para refazer as idéias e os projetos. Apesar da agressão verbal do ex-deputado, por telefone, este espaço continua aberto para o mesmo. Obs: Fontes podia até se eleger vereador, mas não seria fácil: a classe média é critica e dura na resposta. Um bom exemplo: Samarone, que foi bem votado para deputado federal em 2002, não se elegeu, brigou com o PT  e não conseguiu à reeleição para vereador.

 

Pergunta que não quer calar?

E Pedrinho Valadares vai assumir de fato e de direito o mandato de deputado em toda a sua plenitude ou tudo não passará de um faz de conta para botar mais um foguinho na fogueira das vaidades? Pedrinho deve ter muito cuidado porque indo para Brasília demonstra que a campanha em Aracaju não empolgou. O certo seria passar a licença para o segundo suplente.

 

Almeida Lima: cerca de R$ 2,5 milhões

Interessante a declaração de bens do candidato Almeida Lima, do PMDB. Almeida declarou cerca de R$ 2,5 milhões entre imóveis, fazendas e veículos. Somente as cabeças de gado, 260 chegam ao valor de R$ 260 mil. Almeida Lima declarou também que tem em espécie, no cofre cerca de R$ 150,00. As fazendas em Dores pelas tarefas (321,56), no valor de R$ 49 mil e outra com 57,42 hectares, no valor de R$ 8.470,00, estão com a avaliação bem baixa. Com as tarefas avaliadas em cerca de R$ 200,00 quando em Dores a média é entre R$ 1.000,00 e R$ 1.500,00.

 

Mendonça declara cerca de R$ 475 mil

Já o candidato do DEM, deputado Mendonça Prado declarou bens no valor de R$ 475,437,23. Mendonça tem três apartamentos e alguns veículos.

 

Edvaldo: R$ 205 mil e professor Anderson, R$ 115 mil

O candidato do PCdoB, o atual prefeito Edvaldo Nogueira declarou um lote no Mosqueiro, saldo em contas correntes e no BB renda fixa, um apartamento em Aracaju e um Fiat Pálio. No total de R$ 205 mil. O professor Anderson, do PCB, declarou um apartamento, dois veículos e três terrenos. O valor total dos bens chega a R$ 115 mil.

 

Vera não declara nada

A candidata do PSTU, Vera Lúcia não declarou bens. Não tem nada.

 

Usando São Francisco de Assis

Leitores de Itabaiana enviaram e-mails lamentando que o candidato a prefeito Luciano Bispo venha usando a oração de São Francisco de Assis na campanha política. Vai aos bairros pedindo perdão. Segundo um leitor ele deve estar arrependido das administrações anteriores onde deixou a prefeitura com sérios problemas financeiros e agora tenta, através de São Francisco o perdão dos itabaianenses.

 

Prioridade para as Crianças e os Adolescentes

A nova presidente do TJ, desembargadora Célia Pinheiro, disse ontem no discurso de posse que pretende priorizar as Varas 16ª e 17ª que tratam dos problemas envolvendo as crianças e os adolescentes. Seria bom que o governador Marcelo Déda tomasse também essa iniciativa. Há muito tempo a 17ª Vara não tem defensor público.  “O que vemos hoje são crianças e adolescentes que têm seus direitos podados, vivem na marginalidade. Não têm lazer, comida e família, vivem nas ruas pedindo esmolas ou abandonadas em abrigos. Para eles, haverá um programa especial, melhorando a qualidade do serviço prestado pelo Judiciário”, enfatizou a Presidente em seu discurso.

 

Candidatos do PT reclamam de Márcio Macedo

O blog vem recebendo e-mails do interior do Estado, de vários candidatos do PT a prefeito, vice-prefeito e a vereador que não estão sendo atendidos pelo presidente estadual Márcio Macedo. Segundo eles, Márcio não está viabilizando nem mesmo os materiais gráficos das campanhas, como santinhos. Eles esperam que em 2010 Márcio Macedo mantenha esta mesma posição, quando for candidato a deputado estadual.

 

Batalha e a representação do MPE

O deputado estadual e candidato a prefeito de São Cristóvão, Armando Batalha, está tranqüilo quanto à decisão do Ministério Público de pedir a impugnação da sua candidatura.Armando Batalha lembra que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já decidiu recentemente que candidatos que não tenham condenação transitada em julgado podem concorrer normalmente às eleições.“Tenho 16 anos de vida pública e nunca fui condenado em qualquer processo pela Justiça”, afirma o candidato, reforçando que a representação do Ministério Público Eleitoral (MPE) tem como base uma matéria vencida.

 

Problemas administrativos no Cenam e unidades socioeducativas

De um agente de segurança: “Em alguns artigos você criticava a forma de condução das unidades de medidas socioeducativas e nas mais recentes tem elogiado o trabalho atual. Sou agente de segurança e posso afirmar que a modificação do trabalho se dá em virtude da forma de organização e condução das unidades com espaço para participação dos agentes. De fato, os PM’s são eficientes na condução dos trabalhos, dando espaço para a segurança e para as atividades socioeducativas. No entanto, nada poderá melhorar sem um bom suporte administrativo. E essa parte depende da direção da fundação renascer. Aqui mora o problema.  É comum vermos a demora na entrega de materiais aos adolescentes (colchões, uniforme, etc) e também uma grande demora em efetuar pequenos reparos na estrutura (grades, janelas, portas, buracos nas paredes, etc). Apenas para ilustrar os alojamentos dos agentes de segurança do Cenam e provisória estão com aparelhos condicionadores de ar no local há cerca de dois meses, mas não foi realizada a instalação elétrica dos mesmos”.

 

Problemas com materiais e instalações

Continua o agente de segurança: “Pedimos capa de chuva para trabalharmos em março. Foram entregues agora, após grande parte do período chuvoso. Nosso crachá de identificação enquanto funcionário chegou agora (mais de 01 ano e meio depois). As reformas necessárias são devidamente solicitadas pelos Diretores PM’s, com sugestões nossas. Mas, já se passam 09 meses e a maioria delas ainda nem sequer estão em fase de licitação ( que dirá, execução).A reforma do Cenam foi incompleta (apenas um prédio de alojamento dos adolescentes). O Cenam e a provisória estão superlotadas (porque as fugas diminuíram vertiginosamente). Agora é o momento de se investir para melhorar a condição de instalação dos internos e de trabalho dos funcionários. O governo das mudanças tem que fazê-lo. Sobre estas questões vemos que os diretores acatam as sugestões e encaminham à fundação. Quando perguntamos a eles pelo retorno, a resposta é sempre: estou esperando um retorno.Nem a fundação resolve, nem os diretores cobram o retorno”.

 

No financeiro dois alvistas mandam no setor

Finaliza o agente:É justamente aqui o ponto problemático. Pelo que a Presidente da Fundação informou, na época Conceição, o orçamento da Fundação havia sido reduzido. Primeiro contra-senso.Segundo é que na parte financeira da fundação quem manda são dois funcionários: Amintas e Zé Mário. Ambos são remanescentes de gestões passadas, tendo vários comentários acerca de malversação do erário, etc. O certo é que se não desviam, boicotam o funcionamento (demora em compras, etc). Além disso, são “alvistas” que ficaram em funções fundamentais com a desculpa de que são técnicos. Só o fazem porque a Diretora Administrativa e financeira é incompetente e fica “na mão” desses dois “técnicos”.Estes dois “técnicos” são quem decide onde, como e quanto vai ser gasto. Acredito que você tem condições de levantar melhores detalhes sobre as informações. Uma consulta ao Comprasnet pode verificar como demoram em demasia as compras que estes senhores fazem. O mais importante é que essa morosidade dificulta o trabalho do dia-a-dia nas unidades.Importante dizer que as funções da diretoria da fundação são Deputada-Secretária Ana Lúcia, então a ineficiência da Fundação é responsabilidade dela”.

 

Multa por atraso do repasse do imposto sindical recolhido

 O empregador que atrasar o recolhimento da contribuição sindical, descontada dos empregados e trabalhadores avulsos, sofrerá multa de 1%,  por dia de atraso, de acordo com projeto de lei de autoria do senador Antonio Carlos Valadares (PSB), que fixou até o dia 05 de abril, de cada ano, o prazo para o recolhimento. Os valores das eventuais multas reverterão às entidades sindicais previstas no artigo 589 do Decreto-Lei 5.425, que aprovou a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). “Meu projeto visa a acabar com os atuais e freqüentes abusos nessa questão, pois muitos empregadores descontam a contribuição sindical de seus empregados e atrasam o repasse da importância correspondente às entidades sindicais. Com uma data fixa e imposição de multas, tão pesadas quanto necessárias, aos empregadores que não cumprem com o recolhimento no prazo certo, estaremos também contribuindo para o fortalecimento  das organizações dos trabalhadores”, argumenta o senador.

 

Casos parecidos na CEF: denuncie no MPF

Este espaço recebeu e-mails sobre alguns casos parecidos com o que foi denunciado pelo MPF contra um gerente da CEF em Sergipe, condicionando financiamento a diversos produtos e serviços do banco. Alguns pedem para não serem identificados porque seus processos estão em andamento e podem ser prejudicados. Porém, aqueles que desejarem uma apuração melhor é só enviarem para o Ministério Público Federal, que com certeza vai apurar e manterá o sigilo dos clientes.

 

Déda recebe Colar do Mérito Judiciário

O governador Marcelo Déda recebeu a maior comenda do Poder Judiciário sergipano, o Colar do Mérito Judiciário, no fim da tarde de ontem, 14, no auditório do Tribunal de Justiça. O ato aconteceu durante as solenidades que marcaram a substituição do desembargador Artêmio Barreto pela desembargadora Célia Pinheiro na Presidência do Tribunal de Justiça de Sergipe. Após ter o nome aprovado pelo pleno do TJ-SE, o governador passa a integrar o seleto grupo de personalidades homenageadas com a comenda, que foi criada em 1996 para homenagear personalidades com reconhecidos serviços prestados na atividade judicante ou na administração pública. O governador agradeceu e declarou se sentir honrado com a homenagem prestada pelo Judiciário sergipano. “Acredito que esta medalha traduz a qualidade da relação institucional que buscamos manter com o Poder Judiciário”, revelou Déda. Segundo ele, esta relação foi evidenciada buscando-se manter a independência, autonomia e trabalhando sob o espírito da harmonia entre o Poder Executivo e o Judiciário. “A relação do Governo do Estado de Sergipe com os poderes republicanos baseia-se nessa referência de mútuo respeito e de valorização de uma relação harmônica com os poderes e seus membros”, enfatizou.

 

Lançamento do dicionário “2 séculos de Artes Visuais”

Hoje, 15, às 17hs, na Biblioteca Pública Epifânio Dória, será lançado – pelo Secretaria de  Estado da Cultura  – o dicionário ” 2 Séculos de Artes Visuais”. A obra inédita no Estado contém  130 verbetes, enfocando o perfil dos artistas desde o século XIX até o presente, que contribuíram e contribuem para a valorização das artes visuais. A  pesquisa foi realizada entre outubro e dezembro do ano passado, pelas especialistas em artes visuais Paula Regina Cordeiro dos Santos e Daniele Virgini Santos Guimarães, sob a supervisão do artista plástico, Elias Santos, do arquiteto José Walter Teles Chou e da assessora de Planejamento da SEC, Silvane Santos Azevedo.

 

O rei ta nu!!!

De um leitor: “A prisão do Daniel Dantas conseguiu mostrar ao povo Brasileiro onde o dedo dele estava! Ministro do Supremo-FHC-Senadores-Deputados e alguns Governadores, nessa rede, nenhum deles em nenhum momento se preocupou em defender qualquer acusado em qualquer operação inclusive a do mensalão com tanta veemência! Nunca se viu uma defesa tão orquestrada como essa, mostrando toda cara dessa rede de bene$$e$ que tem no Daniel Dantas seu principal maestro! Com a prisão divulgada e sem ter a possibilidade de corromper os investigadores, até porque ficaria muito mais na cara, O REI ESTAVA NÚ! Agora, só restava cobrar aos beneficiado$ de pe$o, sair em defesa de uma falsa moralidade para ações da Polícia Federal e mandar soltar o REI usando o argumento legalmente contestável! Ora Senhores! Pensam que o povo vão engolir esta sem protestar? Com estes atos mostram que o judiciário está podre e contaminado! Excluamos os que honram a justiça para não sermos mais injustos do que eles! Defendamos com unhas e dentes que, o que precisamos, é justiça para todos, doa a quem doer! CHEGA DE IMPUNIDADE!! Vamos passar as instituições a limpo no país!”

 

Reurbanização das avenidas Mário Jorge/Delmiro Goulveia

De um leitor: “A Prefeitura está reurbanizando as avenidas Mário Jorge/Delmiro Gouveia, desde o cruzamento com a Urbano neto na coroa do Meio até a ponte do Shopping Riomar.  Em razoável espaço da área citada funciona aos domingos uma feira de carros, que ficam, ou ficavam em cima dos jardins, na ciclovia, em fila dupla, etc. Um verdadeiro caos e afronta a princípios de cidadania. Ao final resta o lixo. Mas ontem, 13, vi que a Prefeitura, via SMTT está inibindo o estacionamento irregular e assim protegendo o espaço público da degradação e o fluxo normal de veículos. Mas as barracas para vendas de bebidas e lanches ainda estão nos jardins, com mesinhas e tudo o mais.Antes que os serviços sejam entregues à população alguma providência deve ser tomada para que todo o dinheiro investido não seja jogado pelo ralo, ou melhor, sob as rodas dos veículos e os pés dos freqüentadores do pedaço. Providência idêntica deve ser adotada quando da realização de shows no antigo Augustos, quando centenas de vendedores ambulantes se colocam nos canteiros para a venda de bebidas e tudo o que for possível. Além disso, o espaço da ciclovia deve ser respeitado a todo o custo, afinal foi uma conquista sem tamanho para os usuários desse transporte”

 

SRTE/SE determina que Banese 

Texto publicado na coluna de Ivan Valença no Jornal da Cidade, no último domingo:   “No dia último 7, os representantes dos empregados da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa) do Centro Administrativo do Banese foram empossados, mesmo dia em que a Superintendência Regional do Trabalho (SRTE/SE) informou ao presidente da Cipa, José Ailton Silva Reis, que havia anulado a eleição, realizada no dia 4 de junho. A SRTE/SE atendeu pedido do Sindicato dos Bancários, por entender que houve “vício insanável na documentação apresentada, ou seja, a não permissão por parte da empresa da participação na eleição do candidato Aroldo Max Andrade Vieira”, informa o ofício da SRTE/SE. O sindicato havia formalizado a denúncia, tendo em vista que o banco excluiu a inscrição de Aroldo Max, lotado no estabelecimento, conforme decisão judicial, e com inscrição efetuada dentro do prazo, no dia 21 de maio. “A empresa deverá convocar nova eleição no prazo de cinco dias, a contar da data de ciência, garantindo as inscrições anteriores, reabrindo todos os prazos anteriormente definidos, observando todas as regras estabelecidas”, determinou o superintendente regional do Trabalho e Emprego, Fernando Guedes Fontes.

 

Sobre a Cipa do Banese

De um bancário: “Essa história da CIPA do Banese tem alguma coisa que não me cheira bem. Falo isso sem considerar algum ato de truculência da direção do Banese. Mas alguma coisa está fora da ordem. Veja que o Sindicato informou que a CIPA fora anulada no boletim 829, datado de 02 a 08 de julho/2008. A matéria  está logo abaixo. O boletim é impresso no dia anterior à distribuição, portanto em 01/07/2008.

No boletim 830, com data de 09 a 15/07/2008, não consta qualquer citação ao assunto. Mas no dia de hoje, 14/07, o site do Sindicato divulga matéria onde consta que a eleição da CIPA foi anulada e o Banese foi informado dessa decisão no dia 07/07/2008. Porque o Sindicato foi informado da anulação uma semana antes do banco?  Porque o banco só foi informado da anulação quando já dera posse aos eleitos? Qual a razão de uma decisão da SRT(antiga DRT) demorar tanto para chegar à empresa?”

 

Lançamento de campanha no site de sindicato

O bancário também alertou para o site do Sindicato dos Bancários ter na agenda de atividades do mesmo o lançamento de campanha: “E por último consta no site do Sindicato um link que é a agenda do Sindicato, onde relaciona as atividades do Sindicato. Bom, para o dia 18 de julho consta uma bem interessante: lançamento da campanha de Ivânia a vereadora e inauguração do comitê eleitoral. Ivânia é diretora do Sindicato. Não é interessante que conste na agenda do Sindicato até a inauguração do comitê eleitoral? E tal comitê vai ser no Sindicato?”

 

Respostas da direção do HPM aos questionamentos deste blog I

Esclarecimentos da direção do Hospital da PM sobre questionamentos feitos neste espaço ontem, 14: 1) Informações recebidas por este blog dão conta que o “empresário” Floro Calheiros pode retornar ao Hospital da Polícia Militar hoje, 14, onde será submetido a uma cirurgia para extração da vesícula biliar por vídeo laparoscopia. Da direção: “Quanto a esta afirmação nada tenho a declarar, pois segundo o código de ética médica em seu art. 102, é vedado ao médico revelar fato de que tenha conhecimento em virtude do exercício de sua profissão, salvo por justa causa, dever legal ou autorização expressa do paciente.  Parágrafo único: Permanece essa proibição: a) Mesmo que o fato seja de conhecimento público ou que o paciente tenha falecido”. 2) Os policiais militares de Sergipe ou seus dependentes, que não tiverem o convênio Ipes-Saúde (que é opcional), poderão ter acesso a este tipo de tratamento se necessitarem?  E os outros presos terão o mesmo tratamento que está sendo dado a Floro Calheiros? Da direção: “O Hospital da Polícia Militar não é credenciado pelo sistema único de saúde que seria uma forma de levar atendimento à população que não tenha plano de saúde como o IPESaúde, entre outros, desde novembro de 2007 há solicitação de credenciamento junto à Secretaria Municipal de Saúde, infelizmente o hospital ainda não é credenciado, vale frisar que não é por falta de vontade da direção, no entanto, o credenciamento deve ser realizado pelo órgão competente que neste caso é a Secretaria Municipal de Saúde.  Quanto ao atendimento ao Sr. Floro, deve-se frisar que houve determinação judicial para tal, não foi um ato à revelia deste gestor”.

 

Respostas da direção do HPM aos questionamentos deste blog II

3) Há algum tempo o Hospital Militar está no sentido contrário do que se espera que da atuação dele. Ou seja, como o nome diz é um hospital para cuidar da saúde dos hospitais militares e não dos que estão à margem da lei. Da direção: “Aí encontra-se mais um engano o Hospital da Polícia Militar- Dr. Lourival Baptista é um hospital público sob a guarda da SSP, tendo manutenção e administração da PMSE, o HPM não está no sentido contrário a sua atuação, é um hospital da polícia, mas como hospital público deve atender à população sem restrição, pois a saúde é um direito de todos, ou seja, a dificuldade no credenciamento com o SUS nos impede de ter uma atuação mais ampla no atendimento à população.  Não somos um hospital de clientela fechada, atendemos a família policial militar, dentro da restrição legal, aos policiais civis e funcionários públicos estaduais e seus dependentes.  Segundo o Decreto nº 13.850 de 03 de agosto de 1993, o HPM/LB está sob a guarda e responsabilidade da Secretaria de Estado da Segurança Pública, para manutenção e administração por intermédio da Polícia Militar do Estado.  Segundo a Lei 3.241 de 28 de outubro de 1992 o HPM/LB no art. 1º parágrafo 1º c/c 2º reza que “ (… o hpm é um órgão de apoio de saúde da PMSE, atuando como unidade da Corporação, para prestação de apoio assistencial aos policiais militares e aos policiais civis, e seus dependentes, bem como aos servidores públicos estaduais em geral e a terceiros, conforme se dispuser em regulamentação própria, (…) mediante convênio, o HPM -servirá de unidade de apoio às atividades assistenciais desenvolvidas ou prestadas pela Secretaria de Estado da Saúde através do Hospital Governador João Alves Filho”.

 

Respostas da direção do HPM aos questionamentos deste blog III

4) E tem mais: os médicos e dentistas do Hospital da Polícia Militar estão fazendo atendimentos na unidade prisional de São Cristóvão, durante o horário em que de-veriam estar atendendo os policiais militares. Ou seja, a prioridade está sendo o preso e não o policial. Uma inversão de valores. Da direção: “Mais uma vez uma denúncia falsa pois o atendimento realizada nos presídios são em horários diferentes de atendimento à família policial militar e aos demais servidores estaduais que podem ser atendidos pelo HPM/LB. Os atendimentos realizados no Sistema Prisional não afetam as escalas de atendimento aos policiais militares. Ao se fazer o convênio esse foi um dos pontos basilares: não haver prejuízo no atendimento realizado pelo Hospital da Polícia. A prioridade é o cumprimento das obrigações.  Não está se deixando de atender ao policial para atender ao preso, está se atendendo aos dois.  Por conta do convênio com a SEJUC não houve diminuição de atendimento, inclusive em Nossa Senhora do Socorro o consultório odontológico passou a funcionar, na verdade houve aumento da oferta de atendimento e não diminuição. Vale frisar que de acordo com Portaria Interministerial nº 1777, de  09 de setembro de 2003,  o Ministro de Estado da Saúde e o Ministro de Estado da Justiça, no uso de suas atribuições, aprovaram  o Plano Nacional de Saúde no Sistema Penitenciário, destinado a prover a atenção integral à saúde da população prisional confinada em unidades masculinas e femininas, bem como nas psiquiátricas. De acordo com esta Portaria seria instituída uma equipe de saúde composta de médico, enfermeiro, dentista, psicólogo, assistente social, auxiliar de consultório odontológico e auxiliar de enfermagem perfazendo um total de 07 profissionais, sendo 01 equipe para até 500 presos. Fazendo um paralelo com o Programa de Saúde da Família verifica-se que há recomendação para que uma equipe seja responsável por, no máximo, 4.500 pessoas, sendo essa equipe composta por um médico, um enfermeiro, um auxiliar de enfermagem e de quatro a seis agentes comunitários de saúde (ACS). Outros profissionais – a exemplo de dentistas, assistentes sociais e psicólogos – poderão ser incorporados às equipes ou formar equipes de apoio, de acordo com as necessidades e possibilidades locais.

 

Respostas da direção do HPM aos questionamentos deste blog IV

5) Tem mais ainda: os médicos e dentistas lotados no Hospital Militar de Sergipe fazem jus a uma gratificação de 125% do seu soldo, pagos (pasmem) pela Polícia Militar. Qual a intenção deste desvio de finalidade dos médicos e dentistas estarem tratando dos presidiários? Finaliza a direção: “Se há um convênio, não há desvio de finalidade, pois os dentistas e médicos são funcionários do estado e devem atender às demandas e necessidades do estado.  Além disso a que se destacar que hoje todos os policiais militares recebem de acordo com a lei a GRACOEX  que é uma gratificação calculada tendo como base o soldo pode ser de 82%, 125% e 100%. O  HPM ao receber a GRACOEX de 125% o recebe por estar atuando no Sistema Prisional e isso é regido por lei.  O valor pago não sai da Dotação Orçamentária da Polícia e sim faz parte da folha de pagamento desta.  Assim segundo a Lei nº 6.309 de 19 de dezembro de 2007 que altera a Lei 5.699, de 17 e agosto de 2005. “ A Gratificação de Compensação por Serviço Externo, concedida sob programação e designação mediante portaria do Comandante-Geral da Polícia Militar, é vantagem destinada a compensar o servidor militar da ativa, quando e enquanto estiver realizando os serviços especificados neste artigo: §1º … I- … II – 125% (cento e vinte e cinco por cento) do soldo do respectivo posto ou graduação, nos casos de: a) serviço externo especificamente de atividades de guarda e vigilância no sistema de segurança prisional,(…) b) serviço prestado em estabelecimento de aplicação de medida sócio-educativa; c) serviço de saúde prestado ao Sistema Penitenciário do Estado de Sergipe,(…) Assim espero que mais uma vez tenha esclarecido qualquer dúvida com relação a atuação deste Hospital, e me ponho à disposição para qualquer esclarecimento”. Cel QOSPM Everaldo Alves dos Santos.

 

Atendimento no HPM

De um policial militar: “Gostaria saber até quando o coronel diretor do HPM vai continuar atendendo a pessoas civis através do SUS na sala da diretoria geral do HPM, e ainda manda bilhetinhos para os outros médicos que são tenentes para atender essas mesmas pessoas quando há necessidade de uma especialidade. Até quando?”

 

Síndrome do Flamengo em ascensão

Após a carreata de Edvaldo Nogueira no último domingo, várias lideranças foram assistir ao jogo Flamengo X Vasco (este flamenguista não vai comentar resultado, jura), no Boteco do Cabeção. Déda, Edvaldo, Márcio Macedo e Albano todos flamenguistas comemoraram a vitória do Flamengo tirando sarro do vascaíno Fabiano Oliveira. Já os botafoguenses Silvio Santos e José Eduardo Dutra, assistiram a tudo calados. Já estão pensando até em deixar de assistir jogo de futebol e vão mudar a preferência para o vôlei de quadra.

 

Procuradores avaliam pedido de impeachment para Mendes

Deu na FSP de hoje, 15: “Não está consolidado, mas procuradores da República estudam a possibilidade de pedir o impeachment do presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Gilmar Mendes, que determinou a soltura do banqueiro Daniel Dantas mesmo sem analisar as provas e a decisão do juiz de 1ª instância.A idéia, que seria encabeçada pela procuradora Ana Lúcia Amaral, vem sendo discutida na intranet do Ministério Público. Procuradores entendem que Mendes cometeu crime de responsabilidade ao ignorar os tribunais de 2ª e 3ª instâncias.Alguns acreditam que a iniciativa teria o apoio da classe (179 procuradores assinaram carta de apoio ao juiz Fausto Martin De Sanctis) e dos magistrados (cerca de 400 juízes do Tribunal Regional Federal assinaram manifesto de repúdio à decisão de Mendes)”. O presidente do Senado, Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), disse ontem que a Casa tem competência para avaliar um impeachment. “Mas acho difícil prosperar. O que está sendo discutido é uma decisão judicial, não é crime de responsabilidade, a não ser que o documento traga alguma consistência em relação ao crime.”

 

2º Fórum Carismático fomenta reflexões sobre aborto e eutanásia

O 2º Fórum Carismático, que aconteceu durante os dias 12 e 13, foi marcado por palestras ministradas pelo especialista em bioética, pe. Valterwan,   show acústico realizado pelo Ministério de Música da Comunidade Católica Força Jovem, banda Só em Deus, e ainda apresentação cênica do espetáculo Celebrai a Vida, realizado por integrantes do Ministério de Teatro da comunidade. Quem esteve no Rincão da Canção Nova, durante o dia 12, se surpreendeu com a atuação da apresentação cênica que divide sentimentos com o público, ao reforçar o tema da Campanha da Fraternidade, deste ano “Escolhe, pois, a Vida”.  O elenco do espetáculo fomentou reflexão social a respeito da possível legalização do aborto, no Brasil, eutanásia, uso de métodos anticonceptivos artificiais, entre outros assuntos relacionados a concepção da vida humana.ATT, Ascom da Comunidade Católica Força Jovem.

 

Frase do Dia

“…Mire, veja: o mais importante e bonito, do mundo, é isto: que as pessoas não estão sempre iguais, ainda não foram terminadas – mas que elas vão sempre mudando. Afinam ou desafinam. Verdade maior. É o que a vida me ensinou…” João Guimarães Rosa.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários