Brasil: da degradação ética ao fundo do poço

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Poderia, aqui, falar das mazelas e corrupções que contaminaram a política em todo o Brasil.

Mas, hoje, o Blog registra as preocupações sobre o corporativismo e falta de ética humanitária que absorveu a arte de cuidar da saúde alheia.Nos

 últimos dias, circulam pelas redes sociais notícias de que uma médica do hospital sírio-libanês teria "vazado" o conteúdo de prontuário médico, cuja ação configuraria desvio de conduta ética e crime.

O pior disso, é que os supostos interlocutores da citada médica teria sugerido abreviar a vida da paciente em questão, não por eutanásia ou ortotanásia, mas por motivação política??!

Realmente, teria-se chegado ao fim do poço da degradação ética e social, onde buscar socorro médico num hospital seria uma decisão perigosa, pois agravada pela corporativismo e engajamento político-partidário daqueles que juraram, por um dia, defender a vida!

Mas, parece que o juramento de uma profissão dedicada à vida teria dado lugar à morte da ética profissional?!

Do jeito que as coisas estão, podem piorar mais, ou não?

Juiz anulou venda terreno Aruana que envolve empresas da Lava Jato
O juiz João Hora Neto, da 21ª Vara Cível da Comarca de Aracaju anulou a escritura e naturalmente a venda de um terreno no bairro Aruana. Apesar do terreno pertencer ao município de Aracaju, a escritura foi realizada no cartório de 1º Ofício de Gararu. A decisão do juiz é do dia 31 de janeiro deste ano.

Em agosto do ano passado este Blog fez a seguinte nota:
A venda de um terreno no bairro Aruana, zona sul de Aracaju,  pode cair no bolo das investigações da Operação Lava Jato, pela suspeita ter sido usado para lavagem de dinheiro.  A história começa com um casal que vende um terreno e nunca recebeu um centavo. Depois ingressa com ação na Justiça e o processo tramita na 21ª Vara Cível da Comarca de Aracaju. Em despacho do juiz João Hora Neto, de julho passado ele solicita várias investigações, e encaminha o caso também para fazer parte da Operação Lava-Jato porque uma das empresas rés é envolvida no escândalo nacional que tramita na 13ª Vara da Justiça Federal no Paraná pelo juiz federal Sérgio Moro.

Suspeita de estelionato  e indícios de falsidade ideológica
Voltando a história do terreno, que pelo visto, apesar de não ter circulado um centavo, já se falou que foi vendido a outras partes por R$ 13 milhões. Os donos pretendiam vender o terreno por cerca de R$ 2 milhões, em 2013, e se dizem vítimas de um estelionato, assinaram documentos enganados. A escritura do terreno foi passada curiosamente num cartório do município de Gararu. O tabelião terá que se explicar na Corregedoria Geral de Justiça, por indícios de falsidade ideológica, como cita o juiz em seu despacho.

Processo público
Um advogado também figura como réu no processo, junto com outros cinco citados. Ele também responde a um procedimento administrativo junto a Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Sergipe, por conta desta transação suspeita de estelionato. A Polícia Federal e o Deotap também foram solicitados a investigar os casos com compartilhamento de provas, além do Tribunal Regional Eleitoral.  O processo é público tem o número 201512100932.

Aracaju: sindicalistas contra parcelamento e pedem novo bloqueio de contas
Em audiência com o presidente do TCE, na sexta-feira, 03, diversos sindicalistas (representando oito categorias de servidores) rejeitaram o parcelamento proposto em 12 vezes como também o pagamento através de empréstimo bancário.Além de exigirem uma redução no parcelamento, os representantes dos servidores questionaram o presidente do TCE sobre a possibilidade de um novo bloqueio de contas.

Defensoria Pública. Defensores cumprem papel sobrecarregados
E o blog foi informado que é realmente boato que alguns defensores teriam tercerizados o trabalho. O que existe mesmo é uma sobrecarga de serviço e os estagiários, sempre atual ao lado do defensor e nunca fazem nada sozinhos com as partes. E quem tiver alguma denúncia pode encaminhar para a Corregedoria.

Quadro deficitário
Segundo o defensor-geral,  Jairo Jesus Lacerda, o problema é que enquanto são 15º juízes, 147 promotores o quadro de defensores é de apenas 100. Um déficit que não tem como cobrir todo o interior por isso a necessidade dos advogados dádivos, somente nas comarcas onde não tem defensor.

Muitos processos necessitam de defensores para as duas partes
Jairo Jesus lembra que em alguns processos, principalmente de pensões alimentícias e divórcios, são necessários dois defensores para atuarem com as duas partes. Em Aracaju tem defensor em atuando em dois e até três locais.

Trabalho nos núcleos
Jairo Jesus ressaltou também o trabalho dos núcleos, como por exemplo da saúde, idoso e do consumidor, onde a Defensoria já ingressou com diversas ações vitoriosas.

Beira Mar: congestionamento enorme e terceira faixa sem uso
Quem sai da Atalaia para o centro da cidade pela manhã, na hora do chamado rush depara-se com uma situação estúpida. Um congestionamento enorme, principalmente quando chega-se à frente da Embrapa até  a 13 de Julho. Enquanto isso a terceira faixa com pouco uso. Raramente passa um ônibus. Sem contar com os semáforos sem sincronia na 13 de Julho. Pelo jeito a mobilidade continuará sendo promessa de campanha.

Agenda em Brasília
O prefeito Orlandinho Andrade e o secretário de Turismo de Canindé de São Francisco, Kaká Andrade, estarão na próxima semana em Brasília para uma agenda de audiências em vários ministérios, entre eles o Turismo.

Turismo
“Já tivemos um primeiro contato com o ministro Marx Beltrão em Alagoas, quando confirmamos nossa visita ao seu gabinete. Vamos tratar de ações que tragam uma melhor infraestrutura para o nosso município, atraindo mais turistas e, principalmente, que eles fiquem em Canindé, aproveitando nossos atrativos. Mas para isso, é preciso que ele tenha estrutura, bom atendimento, boa comida, preço justo, entre outros atrativos”, frisou Kaká.

Uber em Aracaju
O vereador Vinícius Porto apresentou no dia 2 de fevereiro um requerimento propondo uma sessão especial na câmara de vereadores com a presença de representantes dos taxistas, do uber, da Smtt, OAB, Ministério Público Estadual e de outras entidades  para discutirem a possibilidade da implantação do Uber em Aracaju sem prejudicar os taxistas.

CMN amplia renegociação de dívidas de produtores de milho de Sergipe e Bahia.
Agência Brasil: Os produtores de milho afetados pela seca no Sergipe e no nordeste da Bahia tiveram a renegociação das dívidas do crédito rural ampliada. Em reunião extraordinária, o Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou hoje (3) o refinanciamento dos empréstimos de manutenção das lavouras (custeio) e de investimentos contratados em 2016.[

30 de Abril
A renegociação deverá ser formalizada até 30 de abril. Em novembro, o CMN tinha autorizado o refinanciamento, em até cinco anos, dos empréstimos para os produtores de milho dos dois estados contratados em 2015 e com parcelas em atraso a partir de janeiro de 2016. Na reunião de hoje, o órgão estendeu a renegociação das operações contratadas no ano passado com vencimento programado para 2017.

Lavouras afetadas
Em nota, o Ministério da Fazenda informou a renegociação foi ampliada porque as lavouras afetadas pela seca nesta safra também tiveram a produção comprometida. Assim como no refinanciamento original, os produtores terão cinco anos para quitar as parcelas em atraso. A medida abrange tanto produtores individuais quanto cooperativas.

Justiça Federal quer nova auditoria na rede de saúde pública  
A Juíza da 1ª Vara da Justiça Federal (JF/SE), Dra. Telma Maria Santos Machado, ao julgar Ação Civil Pública ajuizada pelos Ministérios Público Federal e Estadual, estabeleceu o prazo máximo de 120 (cento e vinte) dias para conclusão e elaboração do relatório de auditoria pelo DENASUS, a contar da intimação da sentença, cuja finalidade é a de verificar se o Estado de Sergipe cumpriu todas as recomendações feitas pelo referido Departamento nas 22 auditorias já realizadas entre os anos de 2011 e 2013, no Hospital Governador João Alves Filho (HUSE), no Serviço Móvel de Urgência – SAMU, na Fundação de Beneficência Hospital de Cirurgia e na Maternidade Nossa Senhora de Lourdes.

Sem obstáculos
Para a execução da ordem, a Magistrada destacou a participação efetiva do Gestor do Estado de Sergipe, da Secretária de Estado da Saúde, e demais gestores dos órgãos a serem auditados, os quais não deverão criar obstáculos, sob pena de ser apurada a responsabilidade por crime de desobediência, nos termos do art. 536, § 3º, do CPC c/c 40 do CPP, e aplicação de multa diária de R$ 10.000,00 (dez mil reais).Verificado o não cumprimento das recomendações, o DENASUS deverá comunicar imediatamente as irregularidades detectadas ao Fundo Nacional de Saúde e aos órgãos de controle interno e externo para que tomem as devidas providências, conforme determina o art. 40, inciso V, do Decreto nº 8.901, de 10 de novembro de 2016.

Fiscalização
A Magistrada destacou a necessidade de fiscalização da gestão dos recursos públicos tanto pelos órgãos de controle interno e externo, como também pelos cidadãos, seja por meio de consulta do quantitativo de verba federal repassada ao Fundo Estadual da Saúde, seja pelos resultados das auditorias realizadas na área da saúde no Estado de Sergipe pelo DENASUS, disponibilizando, para tanto, os endereços eletrônicos para a realização destas consultas.

Histeroscopia: procedimento minimamente invasivo é feito no HU
A histeroscopia cirúrgica é indicada para extração de pólipos endometriais, miomas submucosos, septo uterino e alguns casos de sangramento do útero. Pólipos são lesões que podem ser precursoras do câncer de endométrio, enquanto os miomas têm a capacidade de provocar hemorragias e dificuldades para engravidar.

Alta rápida
Pro meio da histeroscopia cirúrgica, realizada pelo Hospital Universitário da Universidade Federal de Sergipe (HU-UFS), o procedimento se torna minimamente invasivo, não tem corte e a paciente pode receber alta em um período de seis a oito horas.

Sem agressividade
De acordo com a ginecologista e obstetra do HU-UFS, Daniela Prado, essas infecções normalmente eram tratadas com a retirada do útero. “O procedimento era muito mais agressivo. Hoje, já fazemos mensalmente, no HU, de 30 a 40 histeroscopias diagnósticas e dez cirúrgicas”, informa.

Vantagens
Para ela, as vantagens desse tipo de procedimento são muitas. “Entre os benefícios, posso destacar a recuperação rápida, a pouca dor pós-operatória e o fato de em 15 dias a paciente poder retomar as suas atividades de rotina normalmente”, enfatiza a médica.

Diagnóstico
Antes da histeroscopia cirúrgica, a paciente é submetida à histeroscopia diagnóstica. O exame observa a cavidade uterina e suas possíveis alterações. “É um exame para diagnóstico de alterações intrauterinas, como póliplos e sangramentos. Além disso, pelo fato de o HU ser um hospital escola, essa acaba sendo mais uma ferramenta de diagnóstico muito importante para o ensino”, pontuou.

Denatran
No último dia 2 de fevereiro, o superintendente Municipal de Transportes e Trânsito de Aracaju, Aristóteles Fernandes, foi a Brasília, onde participou de sua primeira reunião de trabalho no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), órgão máximo da área no país. O foco do evento foi arrecadação e utilização de recursos financeiros voltados para o trânsito.

Prefeituras
O evento foi aberto pelo diretor do Denatran, Elmer Coelho Vicenzi. Em seu discurso, Vicenzi destacou que esta foi a primeira vez que o órgão convidou representantes de prefeituras para discutir o assunto. “Os senhores estão dando um exemplo para todo o Brasil, porque vocês vieram aqui em busca dos seus recursos, para dar uma resposta para a sociedade”, disse o diretor.

Articulação
“Assumimos a pasta há pouco mais de um mês e a participação nesse evento foi extremamente valiosa porque pudemos iniciar uma articulação com as autoridades nacionais de trânsito e ampliar horizontes sobre como otimizar a arrecadação e melhor aplicar os recursos que são frutos dela da melhor forma para a população de Aracaju”, disse Aristóteles Fernandes.

Bloco do Arnesto reúne foliões no dia 19 de fevereiro
O bloquinho ‘Cola no Arnesto que é sucesso’, que conquistou a cidade ano passado, voltou em 2017 cheio de novidades. A segunda edição acontece no dia 19 de fevereiro, saindo da praça da Alameda das Árvores e desfila pelas ruas do Luzia ao som da banda Samba do Arnesto, com aquecimento da orquestra percussiva Burudanga a partir das 13h.

PELO TWITTER                                                                                                                                                                                                                                          

www.twitter.com/capsamuel   Reafirmo que não indiquei ninguém para Aperipe nem Segrase.Boataria com intensão de prejudicar,não vão conseguir.A luta continua ..

www.twitter.com/ThalesBrandao   Em uma sociedade do espetáculo. Casos da médica que promoveu os resultados da Marisa Letícia – serão cada vez mais natural.

www.twitter.com/FlavioDino   Fico inconformado em ver o Brasil perder-se na escuridão do ódio, da intolerância, do linchamento. Quantas vidas aniquiladas ?

www.twitter.com/xicosa   A grande meritocracia brasileira é constar da lista de propina da Odebrecht: é promovido a ministro, presidente da Câmara, pres. do Senado.

www.twitter.com/revinhogama    Não esperem que Temer combata a corrupção ou melhore o Brasil. Ele não está lá pra isso. É um remendo. Band-aid não cura tiro de escopeta…

www.twitter.com/frednavarro   O governo Temer é a continuidade do de Dilma, só trocou o besteirol pela mesóclise. A enrolação é quase a mesma.

NOTA SINTRASE – IRREGULARIDADES E NÃO PAGAMENTO DE SALÁRIOS EM DORES

O SINTRASE relembra que até o presente momento (03/02) a Prefeitura de Nossa Senhora das Dores não publicou no Diário Oficial a revogação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) dos servidores municipais (que aconteceu na sessão da Câmara do último dia 16). Diante disso, a lei que rege o Plano continua valendo, e o prefeito do município, Dr. Thiago, está descumprindo desde o início da sua gestão a legislação vigente, violando direitos das categorias, como o não pagamento das férias referentes a dezembro, o não reajuste dos salários de janeiro e o corte indevido de adicionais e gratificações, como insalubridade e periculosidade.

SINDIJOR lamenta morte do jornalista José Eugênio de Jesus,  ícone do Jornalismo Esportivo

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Sergipe (SINDIJOR-SE), entidade de classe que representa os Jornalistas e o Jornalismo em Sergipe, lamenta profundamente o falecimento do jornalista José Eugênio de Jesus, de 98 anos, ocorrido no final da manhã desta sexta-feira (3), em um hospital particular de Aracaju.

José Eugênio estava internado há cerca de um mês com insuficiência respiratória, mas o tratamento não evoluiu e o profissional da imprensa acabou falecendo. Com isso, o Jornalismo perde um dos seus melhores quadros.

Considerado o jornalista mais antigo do Brasil em atividade, José Eugênio era filiado ao SINDIJOR e chegou a ser presidente da Associação Sergipana de Imprensa (ASI). Ele também trabalhou em vários jornais diários, emissoras de rádio e TV, mas era o jornalismo esportivo a sua grande paixão. Ele integrou a primeira equipe do rádio esportivo sergipano.

A Diretoria do SINDIJOR solidariza-se com a família de José Eugênio e com os profissionais que com ele trabalharam.

O corpo de José Eugênio está sendo velado no Cemitério Colina da Saudade, local também do sepultado, previsto para às 10 horas deste sábado (4).

Diretoria do Sindicato dos Jornalistas de Sergipe

FECOMSE: Nota de pesar pelo falecimento de Dona Marisa e de solidariedade ao companheiro Lula e família

A Federação dos Empregados no Comércio e Serviços de Sergipe (FECOMSE) e sindicados filiados lamentam profundamente o falecimento da ex-primeira-dama do Brasil, a companheira Marisa Letícia Lula da Silva, e se solidariza com o companheiro Luiz Inácio Lula da Silva e toda a sua família neste momento de tristeza e dor.

Dona Marisa marcou a história do país pela sua luta em defesa dos trabalhadores, pela simplicidade, força e resistência, e, acima de tudo, pela certeza de que poderia construir, junto com o seu eterno companheiro, uma sociedade justa e solidária.

Vida, trabalho no partido e no sindicato sempre foram para ela uma coisa só. Foi a primeira operária primeira-dama do Brasil, e soube transformar o cargo em mais uma trincheira de luta. Aqui vale a lembrança da jornalista Flávia Martinelli, em artigo ao Jornalistas Livres, que revela um pouco do que é Dona Marisa:

“Na posse é praxe que o presidente desfile em carro aberto ao lado do vice-presidente. Quando eu soube disso, perguntei: ‘E eu?’ Responderam: ‘A senhora será conduzida ao Palácio do Planalto e aguardará a chegada do presidente lá dentro’. Eu disse: ‘Ah, mas não mesmo, eu quero estar ao lado do presidente, durante o desfile. Também quero ver o povo, quero sentir essa energia’. ‘Mas, dona Marisa, sempre foi assim’, eles me responderam. Então, eu disse ‘meus filhos, esse governo será diferente, será de mudanças. E a mudança já vai começar na posse’. E foi o que aconteceu: eu desfilei ao lado do presidente e participei da foto junto com ministros e ministras. Nesse momento, eu me senti uma representante de todas as mulheres que lutaram e lutam ao lado de seus maridos”, ela contou. E foi mesmo, Dona Marisa. Foi mesmo.”

Saiba, Dona Marisa, que todos nós, companheiros e companheiras de uma vida, manteremos vivo o seu sonho. Saiba também que, neste momento, o sentimento de dor se junta à indignação pelos rumos que o Brasil tomou, pela tentativa de criminalizar a sua família, o seu sonho, de destruir a construção coletiva de toda uma geração.

Estaremos unidos e firmes em mais essa trincheira de luta, Dona Marisa, para que possamos voltar a sonhar. Cada trabalhador e trabalhadora deste país carregará o sentimento de resistência, indignação e certeza de que só a luta constrói a História.

Força, companheiro Lula!

Dona Marisa, até a vitória, sempre!

 
Ronildo Almeida,
Presidente da FECOMSE

Cláudio Nunes no Face e no twitter:

https://www.facebook.com/blogclaudionunes/

Frase do Dia
“Você nunca conhece realmente as pessoas. O ser humano é mesmo o mais imprevisível dos animais.” Hilda Hilst, poetisa, escritora e dramaturga brasileira, morreu em 04 de Fevereiro de 2004 (n. 1930).

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários