COISAS DE POLÍTICA

0

Marcos Franco quer apuração das denúncias de corrupção

 

O deputado estadual Marcos Franco, PMDB, usou a tribuna para fazer um pronunciamento em nome do seu partido e destacou que o partido sempre deu exemplo em sua trajetória, abrigando políticos que divergiram, mas sempre estiveram dispostos a ajudar o Brasil. Afirmou que o PMDB tem história, compromisso com a democracia e coopera com a governabilidade.


O PMDB defende a apuração das denúncias e a CPI, como instrumento do legislativo investigar irregularidade. O PMDB quer a reforma política, para consolidar a democracia e garantiu Marcos Franco que o PMDB serve de exemplo ao Brasil, pelo que já fez em prol da redemocratização do País. Lembrou que o PMDB é dono da maior bancada no Senado e um número considerável na Câmara Federal.


Em Sergipe, o PMDB tem na Assembléia Legislativa Marcos Franco e Arnaldo Bispo e como representante na Câmara dos Deputados o médico Jorge Alberto. O partido tem ainda os prefeitos de Riachuelo, Divina Pastora, Rosário do Catete, Salgado, Itabi, Cumbe e Nossa Senhora Aparecida, elegeu 10 vice-prefeitos e 84 vereadores.


Destacou que ele e o tio deputado federal Jorge Alberto representam mais de 50 mil eleitores. Lembrou que o PMDB foi o partido de seu pai Antônio Carlos Franco e de lideranças jovens como o prefeito de Riachuelo, Antônio Carlos Franco Sobrinho e o renomado médico Roberto Gurgel.


Garantiu que o partido quer participar das composições políticas de 2006. Ressalvou que não tem qualquer intenção de disputar cargo majoritário em 2006.

 

Zé Milton desmente participação em briga de forró no interior

 

O deputado José Milton, (PFL) negou a sua participação em uma briga de forró no interior do estado, conforme nota publicada pela imprensa estadual. O autor da notícia queria referir-se, provavelmente, ao incidente ocorrido com o outro deputado no povoado Queimadas, em Aquidabã.

  

De acordo com José Milton, o jornalista que publicou a informação não teve o cuidado de ouvi-lo, antes de publicar a notícia infundada. Reagiu indignado o parlamentar, um dos nove irmãos da família Zé de Dona, em Itabaiana, a qual, segundo ele, “jamais levantou a mão para ninguém”.

 

Enquanto protestava contra a notícia inverídica, Milton contou que cultiva o hábito de sair de casa acompanhado da mulher e filhos. “Esse costume, eu herdei dos meus pais e avós”, disse o deputado, com o testemunho declarado do deputado Arnaldo Bispo (PMDB).

 

José Milton espera que o jornalista responsável pela nota publicada se retrate e publique a notícia correta e tenha mais respeito com a sua família, conforme manda a ética profissional.

 

E por falar no deputado José Milton, o dia de São Pedro foi comemorado na cidade de Itabaiana juntamente com os seus funcionários, amigos e simpatizantes.

A confraternização ocorreu na Associação Serrana, essa noticia não e novidade, pois o parlamentar comemora todos os anos.

       

Santos reprova o financiamento público de campanhas eleitorais

 

O deputado Antônio Santos (PSC) declarou-se preocupado com o financiamento público de campanha, no qual o governo federal vai empregar R$ 900 milhões, após a reforma político-eleitoral. O projeto, que inclui a lista pré-ordenada e a cláusula de barreira, foi aprovado nas comissões da Câmara e pode ser votado ainda este ano.

 

Na sua avaliação, a reforma proposta é um “retrocesso” político e, principalmente, um desperdício de dinheiro do governo que não consegue resolver os problemas sociais do país. “Não vai caber na cabeça de ninguém, o governo gastar quase um bilhão para financiar campanhas políticas”, afirmou Santos.          

 

Além disso, o deputado Antônio Santos, que preside o Diretório Regional do PSC, não concorda com a lista pré-ordenada, que deixará os eleitores com a obrigação de votar nos partidos em vez dos candidatos. Caberia aos partidos, a definição dos futuros eleitos, depois da apuração dos votos dados à legenda.

 

“Os diretórios é que irão decidir quem ganhará os mandatos, como primeiro, segundo ou terceiro da lista”, lamentou o deputado. A proposta da reforma eleitoral — elaborada pelo deputado federal Ronaldo Caiado — foi apresentada aos deputados estaduais sergipanos no ano passado e estava engavetada no Congresso, mas reapareceu depois da denúncia do “mensalão”. 

 

Venâncio Fonseca afirma que o povo está frustrado com Lula

 

Venâncio Fonseca, líder do Governo na Assembléia Legislativa, fez uma análise do quadro político no Brasil e assegura que não há risco para se enterrar a democracia, porque ela está consolidada no Brasil. Venâncio fez, também, análise sobre declarações do médico deputado Edney Caetano, PSB, com relação ao reajuste salarial dos servidores públicos.

 

Venâncio Fonseca, PP, disse que o Governo Federal deu 0,1% de reajuste salarial para os servidores públicos federais e que os médicos não tiveram reajuste salarial no Governo Lula, como também nos dois Governo antes de Lula.

 

Venâncio afirmou que cobram muito do governador João Alves Filho, PFL-SE, mas têm que entender que Sergipe é parte do Brasil e não se pode ver o Governo Federal conceder 0,1% e exigirem que João Alves dê 35%.

Disse que seria maravilhoso que João concedesse 35%. Destacou que Lula prometeu recuperar perdas salariais durante a história do Brasil toda e até agora, nem aumento deu, disse.

 

Augusto Bezerra diz que Zé Dirceu é o comandante da corrupção no País

 

O deputado estadual Augusto Bezerra, vice-líder do Governo na Assembléia Legislativa, apresentou Moção de solidariedade ao deputado federal João Fontes, PDT-SE, que teve ameaça de pedido de cassação, só porque tentou evitar um tumulto na Câmara, por conta das discussões sobre a questão do mensalão.

 

Augusto Bezerra foi enfático, quando disse que “o comandante da corrupção no Brasil é o deputado federal José Dirceu, ex-chefe da Casa Civil do Governo Lula, que está dando uma de bom moço e é o maior cara-de-pau do País”. Segundo Augusto, Zé Dirceu entrou no plenário com uma bandeira do PT, levando vários funcionários federais, para que vaiassem os deputados. Ele ao invés de dizer a verdade, foi falar sobre o que o Governo Federal fez de bom, nos 30 meses, que passou à frente da Casa Civil, disse.

A população esperava a razão dele patrocinar Valdomiro Diniz (escândalo dos bingo. Valdomiro, ex-assessor de Zé Dirceu, cobrava propina para o banqueiro de bicho Carlinhos Cachoeira).

 

Resgate da Cavalgada de Malhada

 

O prefeito da cidade de Malhada dos Bois/SE, César Aguiar, juntamente com a Comissão organizadora, composta por: Secretario do Prefeito Dalmo Bezerra Braz, Tiago Aguiar, vereador Dada e Júlio, realizarão no ultimo dia 25 de junho de 2005, uma super cavalgada. A marcha partiu do Clube Social de Malhada e percorreu os povoados Cruz das Donzelas e Visqueiro, retornando a Malhada por volta das 20 horas.

 

O evento contou também com as atrações: Mini Trio e Aboiador acompanhado a cavalgada durante todo o percurso, ao chegar na cidade a animação ficou por conta da Banda Expressão Musical. Em pouco tempo de administração,o prefeito César Aguiar têm mostrado uma ótima administração, o que não se pode é agradar a todos ao mesmo tempo, é preciso paciência que tudo termina dando certo.

João Evangelista é jornalista, publicitário, bacharel em Direito, pós-graduado em Jornalismo “Político/Econômico” e professor universitário.

joaoevangelista@infonet.com.br

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários