COMPLEMENTOS PROTÉICOS E SUPLEMENTAÇÃO

0

PARTE 1 Como citei a importância da proteína em artigos anteriores e a preocupação de todos desportistas e principalmente fisiculturistas que querem construir músculos, proteína também faz parte de outros tecidos tais como: pele, unhas, ligamentos, hormônios, células nervosas e etc. Proteínas são formadas por pequenos blocos nitrogenados denominados aminoácidos, é como se, por exemplo, a proteína fosse uma parede e os tijolos que formam essa parede fossem os aminoácidos. Existem 22 tipos de aminoácidos, onde quatorze podem ser sintetizados pelo corpo humano, através dos alimentos, mas oito não podem. Estes oito aminoácidos são chamados de Aminoácidos Essenciais. A presença de todos os Aminoácidos Essenciais, em quantias adequadas em um alimento, irá formar uma proteína completa e só ela garantirá manutenção da saúde e crescimento muscular, são encontradas na carne, ovos, leite, peixe, ou melhor, nas proteínas de origem animal. Na falta de um ou mais Aminoácidos Essenciais em um alimento, a proteína é chamada de Proteína Incompleta, como por exemplo, temos a proteína vegetal (soja, aveia, nozes, etc), as quais ingeridas isoladamente (sem a proteína animal), garantirão a manutenção da saúde e crescimento muscular. (OBS: É por isso, que uma alimentação vegetariana, apesar de saudável, não garantirá um aumento significativo de massa muscular, e muitos vegetarianos passam a ingerir ovos, leite e até mesmo carne branca. Se você não for vegetariano, não precisa ficar preocupado com isso). Estas proteínas possuem diferentes graus de retenção de Nitrogênio no organismo, sendo que “Whey Protein” (proteína do soro do leite), possui o mais alto grau, sendo a de melhor qualidade e de melhor absorção, onde é tirada a gordura e a lactose (açúcar do leite). Você deve ingeri-la em jejum (seu organismo ficou de 7 a 8 horas sem receber alimento e está apto a “devorar” qualquer alimento que consumir depois destas 7 ou 8 horas, aí é onde está o melhor aproveitamento), ou após o treino (até 1 hora depois), onde se verifica neste horário o maior e melhor aproveitamento de nutrientes e energético, pelo esforço físico e gasto energético durante este treinamento intenso. A albumina (clara do ovo desidratada), pode ser usada pela manhã, 30 minutos após o uso de aminoácidos ou whey prótein – no suco ou vitamina – junto com a primeira refeição do dia e nos lanches, onde a dificuldade de transportar alimento protéico (carne, frango grelhado, etc) é mais complicado. Aí onde está a maior função da suplementação, porém nunca usá-la substituindo refeições, tornando sua vida mais fácil no tocante às suas necessidades protéicas. É importante salientar que estes suplementos protéicos custam caro e aí é que você deve ser inteligente, economizando e não gastando em coisas fúteis e maléficas a saúde (farra, sanduíches gordurosos, bebidas alcoólicas, etc). Você estará investindo na sua aparência física, construindo um físico proporcional e de qualidade e, o mais importante, investindo em sua saúde. * Araujinho Qualificação: Instrutor Técnico registrado pelo Confef – Conselho Federal de Educação Física – nº 000072/T-SE, CREF – Conselho Regional de Educação Física – e pela FSCMF – Federação Sergipana de Culturismo Musculação e Fitness – reconhecida pelo COB – Conselho Olímpico Brasileiro e filiada a IFBB – International Federetaion Of Body Building -; árbitro de Culturismo e Fitness da FSCMF; vice-campeão sergipano de Musculação, Técnico em musculação pela NABA, Federação Paulista de Musculação. Dúvidas e Sugestões: araujinhopersonal@infonet.com.br (0xx79) 9978-6799

Comentários