Debandada geral no MDB de Sergipe. Esvaziamento total.

0

 

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

 

É complicada a situação do MDB em Sergipe. Depois da saída de Jackson Barreto do Governo de Sergipe e de sua derrota para o Senado, o partido corre um sério risco de esvaziamento, com uma debandada geral de filiados importantes.

Na Assembleia Legislativa, nomes como o de Garibalde Alves e de Zezinho Guimarães são dados como certos de se filiarem a uma sigla mais oxigenada para garantirem maior força política. Já o presidente da Alese, Luciano Bispo, caso não consiga reverter a situação da perda do seu mandato, será mais uma baixa no partido.

Mas não é só de deputados que o MDB sofrerá baixas. Prefeitos já anunciam suas desfiliações. Marcos Santana, de São Cristóvão, por exemplo, deverá se filiar ao PT. Danilo de Joaldo (Itabaianinha), Humberto Maravilha (Umbaúba), os ex-prefeitos Uita Barreto (Ribeirópolis), José Aracaju (Juca de Laranjeiras), o vereador Gonzaga de Aracaju e até o empresário Marcos Franco estão na lista dos que podem deixar o partido.

Jackson Barreto e Benedito Figueiredo só pensam nos interesses particulares. Benedito emplacou o filho no primeiro escalão e Jackson a todo custo quer emplacar um primo além de pressionar Belivaldo Chagas a todo momento para não aceitar alguns aliados.

Por enquanto, não se enxerga nenhuma perspectiva de crescimento desse que já foi um dos partidos mais importantes de Sergipe.

 

A justificativa foi pior que o próprio convite da Alese Se o convite enviado pela Assembleia para a posse dos deputados já colocava em dúvida a decisão da ministra Rosa Weber, imagine depois que o assessor de comunicação do Poder Legislativo, Março Aurélio, declarou em entrevista para FAN FM, ao radialista Narcizo Machado, que o convite foi confeccionado depois de uma consulta ao TSE.

Conclusão Para Alese, consulta ao TSE é superior à decisão do presidente do TRE-SE.

Publicado no D.O. de 07.01.19

Aditivos em reforma: quem fiscalizará? O blog foi informado que a Alese já fez três (3) aditivos para a reformar do prédio sede e, para a reforma do antigo Colégio Salvador ( pertence aos próprios deputados, pelo instituto). O valor já corresponde a mais de R$1.000.000,00 de reais em aditivos.

Mais uma omissão da Deso: Esgoto sendo jogado na água fluvial que vai para o mar Isso ocorre há muito tempo na cara das autoridades constituídas. No final do “Canal da Praia Formosa” bairro 13 de julho, ali onde era o antigo BAR 4 BOCAS, deveria ter uma estação de tratamento, visto que o esgoto é jogado no Rio Sergipe. Isso nunca foi sequer debatido publicamente pelos órgãos que cuidam da preservação do meio ambiente.

Alguém da Emsurb por aqui? O blog recebeu um vídeo de uma calçada completamente tomada por restos de coco no Bairro Luzia, na Rua Ministro Nelson Hungria. Segundo moradores há uma semana a calçada está obstruída.                                                                                        

Aracaju: veja a situação de um terreno particular que a Prefeitura não autua o proprietário: abrigo de marginais e drogas Alguns moradores da região enviaram fotos e vídeos de um terreno particular situado na Rua Simão Dias esquina com Avenida Mamede Paes Mendonça. Os proprietários não fazem a manutenção e nem o cerceamento do terreno. Em pleno centro da cidade tornou-se um lixeira a céu aberto e abrigo para marginais e usuários de drogas. Todas as noites o lixo é queimado e as residências próximas tomadas pela fumaça. Já foi feita a reclamação inúmeras vezes a Emsurb e a mesma realiza a limpeza que em poucos dias o local é tomado de lixo e entulho. Essa é a Aracaju da Qualidade de Vida!

Máfia do Transporte Escolar: fala-se em quatro pedidos de prisão Deu no Ne Notícias de Gilmar Carvalho: “É grave a situação de pessoas supostamente envolvidas com a Máfia do Transporte Escolar em Sergipe. Não é difícil ouvir, com certa insistência, que haveria quatro pedidos de prisão. NE Notícias está apurando.”

Árvore com frutos Prefeito da Barra dos Coqueiros, Airton Martins (MDB), atacado por opositores, que dizem que ele perdeu força eleitoral mesmo com seu irmão, Adailton Martins (PSD), eleito deputado estadual. A oposição não fez as contas: Adailton teve quase 40% dos votos na cidade governada por Airton. Isso num município da Grande Aracaju que, tradicionalmente, é mais independente. Se a oposição não calcular melhor, toma “pancada” em 2020.

Ocupações indevidas em espaços na Orla de Atalaia: blog apoia ação do governo Tem sido cada vez mais difícil para o Governo do Estado realizar a manutenção das áreas e equipamentos de lazer da Orla de Atalaia nos 6 km sob a sua responsabilidade, em razão dos constantes atos de vandalismo e também de ocupações irregulares em alguns trechos da sua

A calçada quebrada por conta da estrutura que foi montada indevidamente na orla.

extensão.

Estrutura No último dia 07, foi montada uma estrutura para atividades de uma academia de ginástica, na qual se instalou três contêineres sobre o gramado, precisamente em frente à pista de patinação na Passarela do Caranguejo, causando danos à estrutura do local.

Prejuízos De acordo com o secretário estadual do desenvolvimento urbano e sustentabilidade, Valmor Barbosa, a ação resultará em mais prejuízos para o Estado. “Para instalar os contêineres, um caminhão subiu no passeio e quebrou parte do meio-fio, danificou a calçada e comprometeu não apenas o gramado onde eles estão por cima, bem como alguns galhos dos coqueiros plantados no local, uma vez que por estarem alinhadas, as caixas metálicas de grandes dimensões impedem que as palmeiras frutíferas permaneçam soltas”, explica.

“Formação em Coaching Experiencial” O professor e master coach Anderson Gois, CEO da Academia Brasileira de Master Coaching, ministrará, entre os dias 24 e 27 de janeiro, no Real Praia Hotel, em Aracaju, a Formação em Coaching Experiencial (FEC). Unindo tudo que há de mais contemporâneo nas tecnologias de desenvolvimento humano, a formação de metodologia exclusiva é feita sob medida para aquelas pessoas que buscam as melhores técnicas, conceitos e ferramentas em prol de uma vida e carreira de alta performance.

40 Ferramentas Neste treinamento, o participante vai aprender 40 ferramentas de coaching com PNL e inteligência emocional, além de neuromarketing. O coach sairá da formação pronto para vender processos e treinamentos de coaching – impactando vidas de forma positiva e sendo bem remunerado por isso.

Público-alvo A formação é destinada para aquelas pessoas que querem uma nova profissão e se tornar um coach profissional. É ideal também para aqueles que desejam se manter em uma profissão e obter uma segunda fonte de renda ou para quem deseja introduzir o coaching em sua profissão e turbinar seus resultados e dos seus clientes. O curso ainda abre espaço para quem já é coach formado por outra instituição, mas ainda não conseguiu deslanchar na carreira.

Confiança Após participar da formação e colocar em prática todo o conhecimento, a pessoa aprende a se posicionar e adquirir confiança como um coach profissional. A partir daí, o coach terá fila de espera de clientes pagantes e gradativamente, aumentará o preço do seu processo de coaching, executando a missão de ajudar as pessoas. O curso será realizado entre os dias 24 e 27 de janeiro, das 8h às 22h, no Real Praia Hotel, localizado na Avenida Santos Dumont, nº 1269, bairro Atalaia. As inscrições podem ser realizadas no site oficial do evento aqui. Para obter informações, basta entrar em contato pelo telefone (61) 8255 3921.

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Verba indenizatória De um leitor: “Em nome da transparência (que exige dos outros) por que Gilmar Carvalho não disponibiliza na internet tudo o que gasta a título de verba indenizatória e a relação completa dos seus assessores? Quem fala em mudança deveria começar a praticá-la e não ficar no mero proselitismo tão comum dos políticos em geral. P.S.: Quem ouviu a entrevista de Gilmar Carvalho a Carlos Ferreira percebeu que o canção ficou incomodado e tangenciou as respostas sobre o uso do dinheiro da verba indenizatória.”

Itabaiana: cresce bancada de sustentação a prefeita A bancada de apoio a prefeita de Itabaiana, Carminha Mendonça, recebeu uma importante adesão e apoio na Câmara de Vereadores. É que na tarde desta quarta-feira (16), o vereador Virtuoso aderiu ao projeto de mudanças e transformações sociais do bloco de sustentação de Carminha no Legislativo, deixando assim, o grupo do prefeito afastado Valmir de Francisquinho. Um banho de água fria nas pretensões do grupo de oposição, que mantinha restrições aos projetos do Executivo e seguiam determinações expressas para que vetassem qualquer tipo de proposta nesse sentido. Carminha que começou a sua administração no dia 20 de novembro, assumiu o comando do Poder Executivo com um modesto número de vereadores: João Cândido Sobrinho e Zé Roberto Imperador. Segundo fontes ligadas a administração, o apoio do Vereador Virtuoso é um importante ponto de partida para novas adesões, uma vez que o bloco de apoio a Carminha Mendonça poderá crescer de dois para cinco vereadores nos próximos dias.

PELO E-MAIL E FACEBOOK

ARTIGO

A legalidade e imoralidade do auxílio mudança por Chico Freire, jornalista

Num país onde mais da metade da população brasileira recebe menos que um salário mínimo (R$ 998,00), e mais de 13,6 milhões de famílias dependem de auxílio do bolsa família (cerca de R$ 170,00), pra colocar um prato de comida para alimentar sua família, um parlamentar receber mais de R$ 33 mil de auxilio mudança, não é só uma imoralidade como também um tapa na cara e um afronta ao povo brasileiro.

É um recurso que, mesmo que o parlamentar mudasse de “mala e cuia” para Brasília, ou seja, com a família, já que nenhum fez ou fará isso, não gastaria vinte por cento desse valor com a mudança.

Um outro fato que também chama atenção, é que o parlamentar reeleito também recebe em dobro o “imoral” auxilio mudança, ou seja, mais de R$ 66 mil, R$ 33 mil por está concluindo o mandato e mais R$ 33 mil por está iniciando uma nova legislatura.

Criado em 2014 através de decreto legislativo, o auxílio mudança é pago no início e no final de cada legislatura, independente de onde o deputado resida, e não precisa comprovar se fez ou não uso do dinheiro. O deputado ou senador eleito por Brasília, mesmo que tenha residência fixa, também recebe o auxílio.

Num país carente de moralidade e onde boa a parte da sua população não tem acesso a moradia, educação, saneamento básico, saúde, segurança, alimentação, e outras necessidades básicas, não é apenas uma falta de respeito, é um afronta ao povo brasileiro esse auxílio.

Temos onze representantes no Congresso Nacional, sendo oito deputados federais e três senadores, e nunca tive conhecimento que alguém abdicou desse recurso.

 

Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter

Frase do Dia
“És livre, escolhe, ou seja: inventa.” Jean-Paul Sartre.

Comentários