Deputado de 2ª classe

0

A saúde financeira da Assembléia Legislativa não deve ser lá das melhores, pois se fosse não trataria os 24 deputados de forma diferente. Em pequeno exemplo de como aquela é uma casa de iguais foi dada em 2009, pelo então presidente Ulices Andrade (PDT), que mandou comprar 24 notebook’s e distribuiu com seus pares. Agora a coisa é diferente: apenas oito deputados têm direito a um carro custeado pela Assembléia, que também só assume as despesas com telefonia celular de cerca de 10 legisladores. Os outros utilizam os próprios veículos e telefones móveis para se locomover e conversar com os eleitores. Não que o blog defenda mordomias para ninguém, mas se o Legislativo é uma casa de iguais, não pode beneficiar uns em detrimento de outros, sob pena de criar a figura do deputado de 2ª classe.

Fim do descanso

Depois de gozarem merecidas férias, os deputados estaduais e vereadores retornam hoje ao trabalho. Na Assembléia Legislativa, a sessão será presidida pelo peemedebista Garibalde Mendonça, já que a presidente da Casa, deputada Angélica Guimarães (PSC) está respondendo interinamente pelo Governo de Sergipe. A Câmara retoma as atividades tendo como principal item da pauta para este segundo semestre a discussão do Plano Diretor de Aracaju.

Repasse definido

Uma péssima notícia para o consumidor: os varejistas vão repassar o aumento de preço dos produtos da linha branca, que foi estipulado pelos fabricantes. O repasse deve acontecer a partir de agosto. É possível que o valor desses produtos cresça em torno de 5% e 9%. Não há uma cifra fechada, porque o aumento foi discutido pela indústria de varejista a varejista, produto a produto.

É hoje

Os propriaenses terão a partir desta segunda-feira um novo administrador municipal. Em solenidade marcada para as 19h, na Câmara de Vereadores, o prefeito Paulo Britto (PT) renunciará e passará o cargo para seu vice José Américo Lima (PSC). A governadora em exercício Angélica Guimarães (PSC) confirmou presença na transmissão de cargos. Embora alegue que um dos motivos de sua renúncia é o cansaço, Paulo Britto será nomeado pelo novo prefeito como secretário municipal de Planejamento.

Parceria discutida

Será na próxima sexta-feira a 5ª edição do Programa ‘Almoço com Empresários’ organizado pela Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese). O tema a ser discutido desta vez será “Conhecendo os Parceiros da Acese”, e os convidados são as empresas Arquive, Cemise, Sped, Vilage, Servdonto e Serasa. O ‘Almoço com Empresários’ acontecerá a partir das 12h, no Mercure Hotel, na Orla de Atalaia.

Bom negócio

Nada menos do que 20 novos partidos buscam registro na Justiça Eleitoral. É o que revela levantamento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para concorrer nas eleições municipais de 2012, a legislação exige que, pelo menos um ano antes, os partidos obtenham o registro nacional, período que se encerra em 70 dias, já que o primeiro turno será no dia 7 de outubro. Segundo o TSE, existem no Brasil atualmente 27 partidos devidamente registrados. Criar legendas deve ser um bom negócio.

Gastança

Veja o que publicou o jornalista Cristian Góes no Jornal do Dia: “Mais de 70 pessoas formaram uma comitiva de gente de Sergipe para divulgar o turismo no 6º Salão de São Paulo. Uma festa! Só com a cenografia do estande que representou o Estado foi gasto R$ 30,8 mil. Não houve licitação. Contrato direto com a empresa Promo Inteligência Turística. Ficou lindo!”. É, deve ter ficado mesmo.

Machão

O deputado federal Eduardo Cunha (PMDB/RJ) parece ser discípulo de Jair Bolsonaro (PP). O peemedebista apresentou projeto propondo a instituição do Dia do Orgulho Heterossexual, a ser comemorado no terceiro domingo do mês de dezembro de cada ano. Ao justificar o projeto Cunha diz que “daqui a pouco, os heterossexuais se transformarão, pela propaganda midiática, em reacionários, e nós queremos ter nossa opção pela família sendo alardeada com orgulho”. Será que o deputado não tem coisa mais séria para se preocupar?

A força dos EI’s

Nada menos que 10.871 pessoas já concretizaram o sonho de ter o próprio negócio regularizado, pagando os impostos e cumprindo todas as exigências legais. Eles estão cadastrados como Empreendedores Individuais (EI’s), modalidade jurídica destinada às pessoas que trabalham por conta própria. Juntos, eles formam um ‘exército’ que impressiona pelo seu poder. Este segmento coloca mensalmente quase R$ 30 milhões na economia do Estado.

Do baú político

Os políticos – claro que existem exceções – sempre gostaram da putaria. Um bom exemplo disso é dado pelo jornalista Luiz Eduardo Costa, que ontem publicou no Jornal do Dia o seguinte texto: “Ir ao cabaré, escrito assim mesmo sem o t final da palavra francesa, era hábito arraigado entre grande parte dos políticos sergipanos. Chegamos a ter um governador interino que ia aos redutos das chamadas ‘mulheres da vida fácil’ acompanhado de ajudantes de ordens da Polícia Militar, no veículo oficial, chapa preta, número um, que tinha sobre o para-lama dianteiro a bandeirinha de Sergipe tremulando. Houve até um senador que chegou a comparar o cabaré com o Céu. Muitos entendimentos e também muitas explosivas e até sangrentas desavenças entre políticos aconteceram em torno de uma mesa animada de movimentados cabarés. Ilustres integrantes do Poder Judiciário eram assíduos freqüentadores dos lupanares, digamos assim, de elite, e um deles, figura rotunda, exibia-se feliz tendo ao colo a mais cobiçada entre as damas da noite”.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais