Dinheiro a rodo na economia

0

Até o final de dezembro, a economia sergipana vai receber uma injeção de recursos da ordem de R$ 584 milhões. Esse é o valor das folhas de novembro, dezembro e do 13º salário que já foram e serão pagas pelo Governo de Sergipe e a Prefeitura de Aracaju. Só o Executivo estadual vai desembolsar, até o final do ano, quase R$ 500 milhões para pagar o funcionalismo, enquanto a municipalidade investirá R$ 84 milhões. A Prefeitura também estimula as vendas no comércio através do Projeto Natal de Luz 2008, que está ornamentando a cidade com motivos da época visando oferecer um ambiente agradável aos consumidores. Somente com o 13º salário, o Governo e a Prefeitura vão empregar, respectivamente, R$ 113,9 milhões e R$ 36 milhões. No Executivo estadual, o montante corresponde à segunda parcela do décimo, que será paga no próximo dia 17.

 

Triste memória

 

No dia 13 de dezembro, a edição do Ato Institucional nº 5, faz 40 anos. O jornal Valor Econômico publica hoje que o famigerado AI-5 deu uma volta completa no relógio da his­tória. O Ato Institucional liquidou com qualquer apa­rência de democracia: fechou o Con­gresso, cassou direitos políticos, manda­tos parlamentares e, sobretudo, revogou o habeas corpus, a última garantia da oposição contra os abusos e a violência do regime. Que isso não ocorra nunca mais em nosso país.

 

Pé no freio

 

Ao contrário do que indicavam até a semana passada, as operadoras de celulares e o varejo de telefones móveis puseram o pé no freio, reduzindo as encomendas à indústria em 10% a 15% nos últimos dias. Ou seja, a fixação do dólar em R$ 1,90 iniciada pela Nokia e seguida pelas demais fabricantes não foi suficiente para evitar o recuo nas vendas de Natal. Também não funcionou 100% a perspectiva de que o eletroeletrônico mais caro, como a TV de plasma ou LCD, fosse substituído pelo telefone celular como presente de Natal mais acessível.

 

Parceria legal

 

Será lançado na próxima terça-feira (02), o Programa de Recuperação do Mobiliário das Escolas Públicas Estaduais. As primeiras carteiras escolares serão enviadas já na manhã da próxima segunda-feira (01), ao município de Areia Branca para serem recuperadas pelos detentos cadastrados no Programa. A iniciativa é fruto de uma parceria entre as Secretarias estaduais da Educação, e da Justiça e Cidadania. Inicialmente, serão recuperadas 4.260 carteiras, que estão sendo recolhidas das escolas estaduais de Aracaju e do interior sergipano. Taí uma providência elogiável.

 

Defesa do bom senso

O presidente do Sindicato dos Lojistas do Estado de Sergipe (Sindilojas/SE), Marcelo Oliveira, está confiante de que os vereadores de Aracaju não irão aprovar o projeto de lei que determina o fechamento do comércio aos domingos e feriados. Para ele, as conseqüências do fechamento do comércio nos domingos e feriados são muitas e passam também pelo desemprego, que acontecerá a curto prazo se, por ventura, os vereadores aprovarem o projeto. Rezemos que não.

 

Consumo menor

O consumo de gás natural em Sergipe teve uma queda de -4,10% em outubro, comparado com setembro. O consumo diário no mês passado foi de 282,46 mil metros cúbicos. A informação é do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio-Econômicos (Dieese), com base em dados fornecidos pela Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás (Abegás). Segundo o levantamento, a indústria consumiu em outubro 56,73% do total de gás utilizado consumido em Sergipe, o que significa uma redução de -3,55%.  O consumo de gás natural do segmento automotivo, que representou 39,06%, teve uma queda de -9,55%.

Velhacaria pesquisada

Os consumidores da classe média e alta já começaram a sentir os reflexos da crise de crédito, de acordo com estudo realizado pela TeleCheque. Segundo o site Investnews, em outubro, a renda do consumidor inadimplente que estava na faixa de 2 até 4 salários mínimos, foi para a faixa de 4 a 6 salários, representando 53% do perfil dos  inadimplentes. No quesito sexo dos mais endividados, as mulheres continuam no topo da lista dos inadimplentes representando 56%. A pesquisa referente ao mês de setembro e outubro apontou que 8% dos inadimplentes são divorciados.

Ceia mais cara

Os consumidores devem preparar o bolso para a ceia de Natal deste ano. Especialistas prevêem um aumento de até 10%, na comparação com dezembro do ano passado, em alimentos tradicionais dessa época do ano. O reajuste é atribuído à crise financeira internacional, que elevou a cotação do dólar (e, por conseqüência, os preços de alguns itens importados, como bacalhau, vinhos e azeite) e à inflação acumulada durante o ano.

Lei contestada

 

O presidente nacional da OAB, Cezar Britto, ajuizou perante o Supremo Tribunal Federal Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin), com pedido de cautelar, contra  a lei que estabelece normas para prestação voluntária de serviços administrativos e serviços auxiliares de saúde e de defesa civil, nas Polícias Militares e nos Corpos de Bombeiros Militares. A lei viola diversas regras e princípios da Constituição Federal, conforme parecer anexado à Adin do constitucionalista José Afonso da Silva.

 

Será picuinha?

 

Será que a Prefeitura de Aracaju e o governo de Sergipe não vão “vestir” de lâmpadas coloridas a ponte ligando Aracaju a Barra dos Coqueiros? A decoração natalina organizada pela Prefeitura está no fim e ninguém fala sobre a ponte, um verdadeiro cartão postal da cidade e que não pode ficar às escuras só porque foi construída pelo ex-governador João Alves Filho (DEM). Esse tipo de picuinha – se é que se trata disso -, é lastimável.

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários