Eleições: pagamentos e saques monitorados

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Comenta-se nos bastidores que em todo país Justiça Eleitoral iniciou um projeto neste 2º turno que valerá para todas as eleições seguintes: um

 programa que monitora todos os altos pagamentos feitos pelos governos estaduais e prefeituras (incluindo também os legislativos) em todo país, e o trânsito dos recursos, principalmente se forem retirados pela empresa receptora ou repassados para outras.

Todo o programa é acompanhado pela Receita Federal e a Polícia Federal. O objetivo não só evitar pagamentos por entes públicos para que empresários repassem através do caixa 2, para pagamento de lideranças e boca de urna.

Nas cidades que têm segundo turno, ao todo 55 (entre elas 18 capitais), o programa está sendo testado desde esta semana. Os grandes pagamentos para fornecedores e serviços dos governos e prefeituras destes municípios estão sendo acompanhados de perto.

Além de contribuir para reduzir o caixa 2, o programa poderá descobrir se é verdade o que se fala a toda eleição que tem gestor público que só paga a empresas neste período se 30% for repassado de maneira ilegal para ajudar na campanha do candidato de preferência.

A ideia é que o programa ajude até mesmo o empresariado que muitas vezes é forçado a “doar” para o caixa 2 até 30% do que tem direito, sob pena de demorar a receber o pagamento. O empresário se sujeita porque está  com a “corda no pescoço”.

Um exemplo fictício: para 50 mil bocas de urna, a R$ 50,00 por pessoa, são necessários  R$ 2,5 milhões. E onde conseguir? Forçando a “doar” em troca do percentual de faturas pagas.

É uma ação em gama que pode desencadear uma operação bem maior do que a Lava Jato.

São Cristovão: ao apagar das luzes, licitação de R$ 160 milhões para terceirizar iluminação por 35 anos
Deu no blog Coisas de São Cristovão: O prefeito de São Cristóvão, Jorge Eduardo pretende autorizar que a prefeitura gaste mais de R$ 160 milhões na contratação de empresa privada para gerenciar o sistema de iluminação pública da cidade de São Cristóvão por 35 anos. Para tanto e, às vésperas de deixar o mandato, Jorjão fará uma licitação no próximo dia 14 de novembro do corrente ano 2016, de modalidade concorrência pública para registro de preços que apresenta um vasto rol de serviços que sairão novamente da responsabilidade do Município e serão transferidos novamente para a iniciativa privada, sendo que desta feita por 35 anos.

Socorro: edital também para terceirização da iluminação pública
O curioso é que na última segunda-feira, 17, a Prefeitura de Nossa Senhora do Socorro aprovou edital em audiência pública para o mesmo objeto, mesmo prazo (35 anos), mas com valores ainda maiores. A pergunta que fica é: porque só em final de mandato que esses gestores se preocuparam em fazer uma licitação tão volumosa como essa, justamente de Iluminação pública? Será que pensaram que fariam ao "apagar das luzes"?

Comissão da Verdade SE: depoimentos não são entregues. Pedido feito há cinco meses
A Comissão da Verdade de Sergipe não vem honrando a memória daqueles que foram presos, torturados e tombaram na defesa da democracia no Brasil e no Estado. Desde 17 de maio, que o ex-vereador e preso político Marcélio Bomfim Rocha pediu, através de ofício, o áudio do pronunciamento dele e de mais alguns depoentes – Jackson Barreto, Laerte Fraga, Milton Alves, Laura Marques e Wellington Mangueira –
e não recebeu nada.

Marcélio avisa que se não receber cópias ajuizará ação contra o governo e a comissão
Na última quarta-feira, 19, ele encaminhou novo ofício ao presidente da Comissão, o professor Josué Modesto dos Passos Sobrinho, não só reiterando o pedido, mas informando que irá ajuizar ação contra o governo do Estado e por extensão a Comissão da Verdade a fim de obter as cópias a quem tem direito. “Atitude essa que, espero não seja necessário concretizar”, alertou. Ele lembrou dos prazos estabelecidos pela Lei nº 12.527 que dispõe sobre o acesso as informações, que já foi regulamentada.

Governo não ofereceu suporte a Comissão da Verdade, explica Marcélio
No ofício, Marcélio explica que a ação será direcionada ao governo estadual pelo fato dele não ter oferecido o devido suporte logístico a Comissão da Verdade o que comprometeu e compromete o trabalho da mesma.  E a judicialização da Comissão será por conta da mesma não ser incisiva na cobrança, junto ao governo das condições necessárias.

Para Marcélio, governo tem desinteresse em ouvir e apurar fatos de 46 a 84
Marcélio explica que a postura do governo de Sergipe dá a entender um desinteresse em ouvir e apurar os fatos ocorridos no Estado no período de 1946 a 1984. “A criação da comissão foi na linguagem popular para inglês ver, já que ela foi implantada quando a congênere de caráter nacional já havia concluído o relatório final”, lembrou. Para ele, o governo não tem interesse no resultado porque poderiam ser evidenciadas as atrocidades cometidas nos anos de 1947, 1952 e 1976. “Nesses anos, coincidentemente, o Estado era comandado pelo grupo político ligado a José Rollemberg Leite”, diz.

Manifestação do PCB em 1947
Ele deu como exemplo a manifestação do Partido Comunista em 1947, em frente ao Cine Rio Branco, onde o trabalhador Anízio Dário foi assassinado pela polícia. “Governava Sergipe: José  Rollemberg. Em 1952,Arnaldo Garcez, com o apoio de José Rollemberg, quando foi desencadeada uma ação de caça aos comunistas culminando com a prisão e torturas físicas e psicológicas de vários deles. Por fim, em 1976, indicado pela ditadura, José Rollemberg mais uma vez ocupou o governo quando desencadeou a Operação Cajueiro de infausta lembrança para aqueles que vivenciaram o regime de terror, até hoje, de inimagináveis consequências”.

Posicionamento
Por fim, no ofício, Marcélio Bomfim, escreve que só lhe resta esperar o posicionamento da Comissão Estadual da Verdade “Paulo Barbosa de Araújo”, sobre a solicitação reiterada.

Ibope: Valadares Filho, 52%. Edvaldo, 48%.
A TV Sergipe divulgou ontem, 20, a primeira pesquisa do Ibope sobre o 2º turno da eleição para prefeito de Aracaju.Entre os dias 13 e 14, o Ibope ouviu 602 eleitores.A margem de erro é de quatro pontos percentuais, para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%.  Nos votos válidos Valadares Filho tem 52% e Edvaldo Nogueira 48%. Na estimulada Valadares tem 44%; Edvaldo, 41%, Brancos e nulos, 13% e não sabem 2%. Já a TV Atalaia, deixa prá lá… Walter Franco depois explica…

Miami que eu gosto
O comentário é que um dublê de empresário da comunicação está de malas prontas para Miami por conta de dezenas de processos judiciais. Alguns dos processos estão com audiências marcas e inclusive foram pedidos até bloqueio dos bens da família.

Recursos para Telha
Desde a última terça-feira que o prefeito eleito de Telha, o engenheiro Flávio Dias encontra-se em Brasília em busca de recursos para o município através das emendas parlamentares ao orçamento da União. Flávio Dias lamenta que há quatro anos o município parou no tempo e até mesmo várias localidades não tem água encanada e por isso apresentou alguns projetos para que Telha possa retomar o crescimento.

Homenagem aos médicos
Noite de homenagem aos médicos sergipanos na última terça feira, na foto: Dr. Hesmoney (Diretor de saúde da UNIT) Dr. João Macelo (Diretor

Presidente da CLIMEDI) Clovis Remacre Munaretto Diretor da Remacre comunicação e o Reitor da UNIT Jouberto Uchoa. A próxima edição da revista SOMESE editada pela Remacre Comunicação estará trazendo a cobertura completa do grande evento.

NOTA DE REPÚDIO

Recentemente, o aplicativo "APP DO IMÓVEL" sugeriu que corretores de imóveis e imobiliárias são dispensáveis nas transações imobiliárias, ao veicular uma propaganda intitulada "Corretor de imóveis com os dias contados". O Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Sergipe (CRECI-SE) vem a público repudiar tal publicidade. O aplicativo em questão foi criado para aparelhos smartphones e tablets, de uso nacional, e também pode ser acessado através de endereço eletrônico. A ferramenta promete agilizar a compra, venda ou mesmo troca de imóveis sem a intermediação de corretores de imóveis. Entretanto, o CRECI-SE entende que a máxima levantada pela propaganda coloca em risco a segurança nos negócios. A profissão de corretor de imóveis é regulamentada pela Lei Federal nº 6.530/78, que preconiza em seu art. 3º que “compete ao Corretor de Imóveis exercer a intermediação na compra, venda, permuta e locação de imóveis, podendo, ainda, opinar quanto à comercialização imobiliária”. Este Conselho reconhece a importância da tecnologia no setor imobiliário. Porém, de forma alguma a mesma deve substituir o trabalho dos corretores de imóveis.

CRECI SERGIPE – Assessoria de Comunicação

NOTA DE ESCLARECIMENTO – Ipesaúde

Em virtude dos questionamentos sobre a possibilidade da suspensão do atendimento aos servidores da administração municipal de Aracaju, o Ipesaúde vem a público esclarecer que:

1-Desde quando foi detectado o atraso no repasse dos respectivos valores da Prefeitura Municipal de Aracaju, a gestão do Ipesaúde buscou, via ofícios, informações sobre a razão da inadimplência e quais as possibilidades para que se estabelecesse uma negociação nesse sentido, uma vez que, no próximo dia 21 de outubro se completarão 90 dias desse atraso, que totaliza o montante de R$ 2,3 milhões.

2–Consciente da relevância da prestação dos serviços de saúde aos servidores da administração municipal, a gestão do Ipesaúde vem buscando, amigavelmente, todas as formas de se estabelecer um equacionamento da questão mas, lamentavelmente, não vem tendo resposta da administração municipal.

3-Diante de uma situação que põe em risco o equilíbrio financeiro de qualquer instituição, o Ipesaúde vem envidando todos os esforços para não suspender o fornecimento dos serviços, acreditando que uma solução será proposta. Se isso não ocorrer nos próximos dias, inevitavelmente, os serviços terão de ser suspensos, conforme previsão legal constante do convênio firmado entre os entes.

A Direção

Blog no twitter: http://www.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia
"Porque as pessoas loucas o bastante para acreditar que podem mudar o mundo, são as que o mudam.”Jack Kerouac, escritor britânico, morreu em 21 de Outubro de 1969 (n.1922).

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários