Malandragem política

0

Quase todos os partidos têm procurado tirar proveito eleitoral dos protestos feitos pelos jovens brasileiros. Descaradamente, utilizam as imagens das fantásticas manifestações enquanto insinuam terem participado dos atos públicos contra a corrupção, o aumento das tarifas e em defesa de reformas estruturais para o país. Os políticos que tentam enganar o povo com a imagem de bom moço são os mesmos que mantiveram o mandato do deputado federal Natan Donadon (PMDB/RO), um safado condenado por vários crimes e que está na penitenciária. São justamente esses políticos velhacos que se recusam a fazer a reforma política reclamada nas ruas pelos jovens, que se locupletam com o dinheiro público e fazem quaisquer negócios para se perpetuarem no poder. Tomara que o cidadão não esqueça disso na hora de votar em 2014.

Quantos somos

A população estimada de Sergipe é de 2,19 milhões. A informação foi divulgada ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Aracaju é a cidade mais populosa do estado, com 614.577 habitantes. A segunda maior é Socorro, com 172.547 moradores. Lagarto tem 100.330 habitantes, enquanto em Itabaiana residem 91.873 pessoas. O levantamento do IBGE, feito em junho passado, mostra que São Cristóvão é o 5º município mais habitado de Sergipe, com 84.620 moradores.

Conversa

Os governadores licenciado Marcelo Déda (PT) e em exercício Jackson Barreto (PMDB) se reúnem segunda-feira em São Paulo. O encontro visa discutir a administração estadual, que vem sendo tocada por Jackson desde que Déda se afastou para tratar um câncer no estômago. Espera-se que o petista dê a Barreto a carta branca que ele tanto precisa para implantar seu estilo de governar, pois Sergipe não pode continuar indefinidamente nesse chove não molha.

Mudança

Desde ontem à noite, Fernanda Tenório Ribeiro Machado (PTC) é a nova prefeita de Brejo Grande, município sergipano localizado na foz do Rio São Francisco. Ela substitui Anderson Ferreira Bastos (PSB), que teve a cassação dos direitos políticos mantida pela Justiça Eleitoral. Fernanda foi a segunda mais votada, com 1.901 sufrágios. Como disputou o pleito sub judice, os votos de Anderson não foram divulgados.

PMN reunido

O Partido da Mobilização Nacional promove no próximo dia 13 um Encontro Estadual. Será no plenário da Assembléia Legislativa e deverá ser prestigiado pela direção nacional do PMN e pelos deputados federais Chico Tenório (AL), Carlos Alberto (RJ) e Jackeline Roriz (DF). Segundo o presidente estadual Antônio Luiz, durante o encontro deverá ser definido um acordo com o PSDB com vistas às eleições estaduais de 2014.

Paralisação

Depois do fracasso de público que foi a última paralisação organizada pelas centrais sindicais, sindicalistas tentam hoje novamente paralisar o Brasil. O movimento reivindica o fim do fator previdenciário; redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais; não ao projeto de Lei 4.330; 10% do PIB para a educação; 10% do orçamento da União para a saúde; reforma agrária e política agrícola.

Valentão

E o vereador aracajuano Agamenon Sobral (PP) acha que os integrantes do Movimento Não Pago são vândalos, vagabundos. Tudo porque a rapaziada lançou alguns ovos contra a Câmara em protesto porque os vereadores não quiseram instalar a CPI dos transportes. Metido a valentão, Agamenon disse que, se tivesse sido atingido por um dos ovos, os manifestantes iam ver com quantos paus se faz uma canoa. Que bicho brabo, né?

Rede furada

A Justiça Eleitoral negou pedido de liminar para obrigar os cartórios eleitorais a publicarem, em 24 horas, a lista das assinaturas em apoio ao partido Rede Sustentabilidade, que não foram validadas dentro o prazo. No entendimento da ministra Laurita Vaz, o pedido da ex-senadora Marina Silva não tem amparo legal. A ministra também determinou que os cartórios eleitorais de Sergipe e de outros 14 estados concluam, em 48 horas, as providências indispensáveis à retomada da regularidade do trâmite processual, especialmente com relação aos prazos.

Mínimo

O novo valor do salário mínimo deverá ser R$ 722,90. O reajuste passa a valer em 1º de janeiro de 2014. O valor atual é R$ 678, muito pouco para o trabalhador sustentar a família com o mínimo de dignidade. A proposta de reajuste do salário mínimo deverá ser votada até o final do ano pelo Congresso Nacional.

Do baú político

Indicado prefeito de Aracaju graças a um acordo entre as lideranças arenistas, o médico Gileno Lima foi ‘fritado’ pelo governador Lourival Baptista. No livro ‘Julio Leite, o chefe invisível’, o jornalista Ricardo Leite fornece detalhes sobre a jogada arquitetada pelo governador. Primeiro este não foi à solenidade de posse na Prefeitura. Meses depois, a Câmara de Vereadores aprovou um projeto isentando o Banco de Fomento de Sergipe – hoje Banese – do pagamento de impostos municipais. O prefeito sentiu o golpe e vetou o projeto. Chateado, Lourival o convoca para uma conversa e propõe: “Gileno, você viaja, o prefeito interino assina a lei e você não se desgasta”. Na bucha, Gileno Lima se demite. Era o que o governador mais desejava. Deixa por vários meses comandando da Prefeitura o presidente da Câmara José Teixeira Machado. Depois, sem respeitar o acordo com a turma dos ex-PSD e ex-PR, indica como prefeito o economista Aloísio de Campos, nome tirado do bolso do colete. No dizer do então deputado estadual Jaime Araújo, peemedebista oriundo do PR, o ato de Lourival “foi um esbulho, uma usurpação”.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais