O BISTURI E A BATUTA

0

José Augusto Bezerra, com apenas 17 anos, sai de Sergipe em direção à Bahia para tentar a sorte

José Augusto Bezerra
no curso de Medicina.   Mesmo sem o curso científico (hoje correspondente ao segundo grau) em escola regular, estuda por conta própria, em casa, sozinho, mergulhado em livros e apostilhas. Consegue aprovação na Faculdade Católica, em Salvador, mas não em medicina e sim em enfermagem. No ano seguinte, tenta novamente, mas só consegue aprovação no curso de medicina veterinária.
         O seu desejo, porém, era tornar-se médico. Na terceira tentativa, consegue e revela-se aí a verdadeira vocação. Durante todo o curso é o melhor aluno da sala. Ano a ano, recebe  Medalha de Honra ao Mérito pelo seu extraordinário desempenho. E é assim, em todos os seis anos do curso, os baianos reconhecendo o talento do estudante sergipano. Às noites, recolhia-se ao quartel, onde servia na Junta de Circunscrição Militar de Salvador. Formado, em 1965, não o deixam voltar à terra natal. Recebe convites e passa a atuar nos hospitais da “Boa Terra”, entre eles o Hospital Santa Izabel.
         É o cirurgião dentista João de Andrade Garcez, atendendo pedido de Augusto Leite, que traz Bezerra de volta a Sergipe, em 1967. Além de oferecer condições para que ele opere no Hospital Cirurgia, consegue uma colocação de emprego nas Fábricas Confiança, de Joaquim Sabino Ribeiro Chaves. Anos depois, passa a ter como grande incentivador e parceiro cirúrgico o médico Moacir Freitas, no Hospital Santa Isabel, em Aracaju. Uma dupla extraordinária, aliando habilidade, conhecimento técnico e destreza, com resultados cirúrgicos formidáveis,  marcando época na Medicina de Sergipe, na década de 70. Período áureo dos grandes cirurgiões, que  dão sequência à obra de Augusto Leite, Fernando Sampaio, Fernando Felizola, Francisco Bragança, entre outros.
         Com a música, Bezerra tem relação toda especial e vocação natural. Uma paixão pelo futebol e uma fidelidade à causa rubro-negra. Ainda jovem, participa com amigos  de saraus e rodas de música, ao lado de Antonio Teles e Fedro Portugal. Passa a reger coros. Faz pós-graduação em música em 1990, na Escola de Música da Universidade Católica da Bahia. Com a saída de Antonio Carlos Plech, assume a regência do Coral da UFS, onde permanece por muitos anos.  Depois, sem maiores explicações, de forma descortês e desatenciosa, retiram-lhe a batuta. A ingratidão machuca, maltrata, humilha… A Medicina e a Música tomam conta da sua vida. Torna-se ainda um verdadeiro atleta, participando com assiduidade e regularidade de corridas e maratonas, sabe também cuidar do corpo.
            Com a mesma habilidade que usa o bisturi, utiliza a batuta com maestria. Cirurgião de fino trato, também um virtuoso na música. Rege com o bisturi a mágica da vida. Opera com a batuta o fino movimento na busca da harmonia musical. Bisturi e batuta nas mãos prodigiosas de José Augusto Bezerra são alívio para o corpo e deleite para a alma.
           Quando chega a doença, não se entrega.  Luta com bravura e dignidade. Segue para Porto Alegre em busca de tratamento e lá tem uma séria complicação, entrando em coma. Nos seus  dias de inconsciência, começa a perceber o som de notas musicais que aos poucos dão forma a acordes, compondo uma singela melodia. Dia a dia, os acordes se sucedem, até se tornarem uma obsessão. Será um sonho, uma vibração externa? Acorda do longo sono e a música não sai mais de sua cabeça. No retorno aos ensaios do Coral Unimed, que comanda há mais de 10 anos, cantarola para o grupo “Ojos de Espana”, a música que embalara o seu sono profundo e o trouxera de volta à vida. A partir daí, a música passa a compor o repertório do coral e também do Grupo Instrumental.
           Nesta terça-feira chuvosa, entretanto, os acordes de “Ojos de Espana” não mais embalaram os seus sonhos. Calaram-se para sempre.

Escute “Ojos de Espana”
http://www.youtube.com/watch?v=JtP4v39Y5cc&feature=related

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais