O caso Clarice

0

Deu-se que, na casa de Dona Epifânia e do Seu Elideusino, nasceu uma menina, que foi chamada Clarice, esperada há muito tempo e o acontecimento foi comemorado com muita festa. Após o nascimento de Clarice, começaram a ocorrer coisas estranhas no pequeno povoado de Deus Te Dará a Paga, situado no sertão nordestino. Epidemias, doenças e pragas desconhecidas foram mutilando e matando pessoas e animais, que acabavam suas vidas com sofrimentos os mais variados. Os padres e rezadores que apareciam por lá (o povoado era muito distante das cidades) sumiam misteriosamente e ninguém sabia que maldição era aquela.                     

Cheias de medo, as pessoas evitavam visitar essa terra. Clarice, beata fervorosa, era adorada por todos. Mas depois que o povoado ficou deserto, o pai de Clarice matou Epifânia e a moça se transformou em uma elegante Diaba, com chifres, rabo e cascos de cabra. E viveu feliz ao lado de Elideusino por toda a eternidade.

(Atendendo a pedidos para que escrevesse um conto com final feliz)

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais