Questão política

0

O deputado federal Mendonça Prado está convocando, para depor na CPI dos grupos de extermínio no Nordeste, o ex-governador Albano Franco e o ex-secretário de Justiça, Jugurta Barreto, além de todos que estão envolvidos nos crimes praticados no período do Governo anterior, a exemplo de Cazuza Rotay, Carlos Gato e outros. No entender de Mendonça, o deputado estadual Gilmar Carvalho (PV), ao falar na CPI, comprometeu o ex-governador Albano Franco, quando disse que Galindo, ex-prefeito de Canindé, acusado de mandar matar o radialista Cazuza, recebeu do então secretário de Segurança, Gilton Garcia, informações que lhe foram passadas pelo ex-governador, sob um mandado de prisão expedido pelo judiciário, o que permitiu a fuga do ex-prefeito. Um outro aspecto, é que o deputado Gilmar Carvalho disse que um delegado de polícia encontrou o ex-governador no aeroporto e Albano Franco lhe pediu que esquecesse de prender Galindo, porque não tinha interesse na sua prisão. Quanto à convocação do ex-secretário de Justiça Jugurta Barreto, irmão do deputado federal Jackson Barreto, é para que ele explique as 573 fugas que ocorreram, quando ele estava à frente do sistema. Com isso, Sergipe passa a ser o epicentro da CPI da Pistolagem em Brasília. E o que seria apuração de crimes, passou a ser um problema político. É que o deputado Mendonça Prado se mostrou indignado com a forma como os depoentes – Gilmar Carvalho e a delegada Meire Belfort – desvirtuaram o objetivo da CPI ao tratar exclusivamente da fuga do agiota Floro Calheiros e fazer acusações diretas ao secretário de Segurança, Luiz Mendonça, o que envolve o Governo João Alves Filho. Mendonça Prado explica bem: o objetivo real da CPI, instalada em Brasília, é detectar grupos de extermínio no Nordeste e milícias privadas na zona rural. Em nenhum momento fala nos problemas de fugas, que ocorrem diariamente em todo o Brasil. Mendonça também considerou que, com a apresentação da delegada e do deputado sergipanos, a coisa virou uma questão política. Tudo se voltou para um único fato acontecido no atual Governo, que se resume na Fuga de Floro Calheiros, cujos interesses estão evidentes e se transformam em político visando atingir um secretário e, por tabela, o Governo do Estado. Evidente que isso ainda vai ter desdobramentos naturais, porque expõe muito o Estado, que está longe de ser o mais violento do Nordeste. Se o objetivo da CPI é realmente apurar grupos de extermínios e formação de milícias, nada tem a ver com a fuga de Floro Calheiros, que é uma questão que não se pode abandonar, mas que deve ficar no âmbito da Segurança no Estado, não ao nível de Comissão Parlamentar de Inquérito. Mendonça Prado arregaçou as mangas e vai a essa luta. Acha que a CPI é necessária, mas quando ela foge dos seus princípios e envereda por caminhos diferentes para atingir politicamente a algum grupo, tem-se que apurar casos que realmente mexam com todos os segmentos políticos do Estado. Lamentavelmente será assim. O presidente da CPI da Pistolagem, deputado federal Bosco Costa, disse que até o momento o requerimento do seu colega Mendonça Prado lhe foi entregue. E lamentou que a Comissão esteja descambando, pelo menos em Sergipe, para questões políticas. BOA NOTÍCIA O governador João Alves Filho (PFL) quer pagar o 13º Salário dia 20 de dezembro e o salário do mês até o dia 30, fechando o ano sem débitos com os servidores. O secretário da Fazenda, Max Andrade, revelou que está fazendo um sério trabalho de ação dentro da Pasta, visando cumprir a determinação do governador. POSTO A Secretaria da Fazenda está montando um Posto Avançado Contra a Ordem Tributária em Cristinápolis, para combater a sonegação. Será um trabalho em conjunto com a Secretaria da Segurança. Outro Posto Avançado também será montando, dentro de mais 30 dias, em Itabaiana e depois em outras cidades. LAMENTÁVEL O ex-governador Albano Franco (PSDB) lamentou a inclusão do seu nome como um dos possíveis convidados para depor na CPI da Pistolagem: “Meu Governo recebeu o prêmio da Anistia Internacional”. Acha que se trata de um problema político, em que outros governadores poderão ser convocados injustamente. NÃO VAI Como ex-governador, Albano Franco pode recusar o convite, mas acredita que isso sequer vai acontecer, porque o deputado Mendonça Prado deve repensar e ver que não existem razões para a sua convocação. Albano insistiu que é lamentável e citou carta do ex-secretário de Segurança, Gilton Garcia, publicada ontem nos jornais, desmentindo tudo. MACHADO O deputado federal José Carlos Machado (PFL) considera que essas coisas não acrescentam nada para o Estado (referia-se à questão da CPI). Porque daqui a pouco os deputados da oposição apresentam requerimento convidando o governador João Alves Filho. Nenhum dos dois vai, mas isso desgasta Sergipe. DISPUTA O deputado estadual Augusto Bezerra (PMDB) anunciou que o seu partido vai disputa eleições em 40 cidades do interior, tanto às Câmaras Municipais quanto às Prefeituras. Será em parceria com o PPS, PP e PTdoB. Já em Aracaju, o PMDB vai trabalhar de acordo com o que definir o governador João Alves Filho (PFL). APÓIA DÉDA Já o senador Antônio Carlos Valadares (PSB) deixou bem claro que, em Aracaju, indicando o vice-prefeito ou não, ele vai apoiar a reeleição de Marcelo Déda à Prefeitura. Não quis discutir quanto à questão de uma chapa petista puro sangue e disse que o presidente do seu partido em Sergipe é o agrônomo Paulo Viana. DEFINIDA A questão das emendas está quase definida. O coordenador da bancada, deputado federal José Carlos Machado (PFL) vai conversar com o seu colega Jorge Alberto (PMDB). É que o deputado Jorge Alberto quer ver as emendas dos outros membros da bancada, para poder indicar as suas. VIAJA José Carlos Machado viajou ontem cedo a Brasília, para um encontro com Jorge Alberto. Espera que ao meio dia da terça-feira já esteja com tudo pronto para entregar as emendas de Sergipe. Machado acha que “o problema agora é com os sub-relatores, com quem se tem de fazer um trabalho, para que eles acatem todas as emendas de Sergipe”. ALMEIDA O senador Almeida Lima (PDT) conseguiu encontrar uma disputa para não participar da reunião da bancada, quinta-feira, ao lado do seu primo Jackson Barreto (PTB). Almeida telefonou para o gabinete do senador Valadares e desculpou-se pela ausência. Tivera um problema no aeroporto, exatamente na hora da reunião. ELEIÇÃO O deputado federal Jackson Barreto (PTB) disse ontem que se as oposições tiverem competência e humildade ganha as eleições municipais. Admite que fazendo maioria no Estado, fica aberto o caminho para as eleições majoritárias de 2006, onde as oposições estão se preparando para chegar lá. CONTRADIÇÕES Jackson Barreto acha que as eleições do próximo ano vão mostrar bem as contradições políticas do Governo, principalmente no interior. Se o PFL tiver um candidato contra o PMDB, em qualquer cidade, já provoca uma cisão, porque o Governo terá que apoiar o nome do seu partido. BOM NÍVEL O deputado federal Bosco Costa (PSDB) disse que é adversário do presidente da Assembléia, Antônio Passos (PFL), em Ribeirópolis, mas o cumprimenta formalmente. Acrescentou que há um fato importante: “nunca houve baixaria entre os dois grupos, porque respeitamos o lado pessoal. Tanto eles, quanto eu”. Notas INTINERANTE O governador João Alves Filho entregou, ontem, em Estância, onde instalou o Governo, uma unidade de Raios-X para o Hospital Amparo de Maria e assinou convênio para repasse pela Secretaria da Saúde, de R$ 125 mil por mês. Também abriu licitação para a rodovia que liga Estância à praia do Saco. Autorizou a dragagem do rio Piauitinga para a passagem de catamarãs por toda a extensão, no valor de R$ 1.3 milhão. Lançou o Pré-Universitário para 2004 e a construção de um prédio para a Hemose. João atendeu a 11 prefeitos da região. SEGURANÇA Na opinião de segmentos do Governo, as mudanças que o secretário da Segurança, Luiz Mendonça, vem fazendo em sua Pasta, podem surtir o resultado que a sociedade espera. Luiz está colocando na cúpula administrativa, pessoas da sua mais inteira confiança e que o acompanha nas decisões, sem procurar prejudicar o seu trabalho. Essas mudanças, Luiz Mendonça deveria ter realizado há algum tempo, mas precisa de um decreto do governador para colocação de novos nomes na cúpula. Todo o pessoal viciado e que segue outra orientação política, está sendo afastado. VIOLÊNCIA O presidente da CPI da Corrupção, deputado Bosco Costa (PSDB), fez pronunciamento ontem, na Tribuna da Câmara, e mostrou que a violência está distribuída de forma bastante desigual, nas diversas regiões do país, nas unidades da Federação e nos grupos sociais. Entretanto, as maiores taxas de morte por agressão são registrada no Sudeste e Nordeste. Segundo Bosco, no Nordeste, “o crime contra o mais precioso bem, que é a vida, tomou enorme proporção, que precisa ser investigado e combatido pelo Estado” e sugeriu a ação de todo o aparato estatal no combate ao crime, principalmente no Nordeste. É fogo O deputado federal Jackson Barreto (PTB) acha que se não fizerem nada pela Codevasf ela não poderá exercer o seu papel importante no rio São Francisco. Segundo Jackson Barreto, neste momento que se fala em transposição das águas do São Francisco é fundamental que se fortaleça a Codevasf. O senador Antônio Carlos Valadares (PSB) deixou claro que na questão da Reforma Tributária ele está ao lado dos governadores do Nordeste. É possível que na próxima semana o tema da reforma Tributária volte para valer no Congresso, mas completamente modificada da forma como foi aprovada pela Câmara. O sindicalista Nivaldo Fernando Santos, presidente do Sepuma, e a deputada estadual Ana Lúcia Menezes (PT), não se dão as mãos. A deputada Ana Lúcia está processando Nivaldo Fernando Santos, porque ele denunciou que ela colocou uma professora à disposição do Senado, com ônus para a Prefeitura de Aracaju. O vereador Evando Franca (PTB) confia na organização do seu partido, para eleger uma bancada significativa nas eleições de 2004. O deputado federal Bosco Costa foi eleito, sexta-feira passada, para presidente regional do PSDB. O ex-governador Albano Franco é o presidente de honra. Zezinho da Everest é o trunfo do deputado federal Jackson Barreto para disputar as eleições no município de São Cristóvão. A Energipe já está trabalhando na montagem da maior árvore de natal do mundo. Fica em uma área isolada da Coroa do Meio. Para compensar o expediente que deram no sábado passado, as lojas dos shoppings Jardins e Riomar fecharam ontem. O deputado Valmir Monteiro (PFL) denuncia que estão noticiando em Lagarto que ele perdeu o mandato porque tirou 121 dias de licença. O PTB realizou, este final de semana, convenção em algumas cidades do interior. A maior delas foi em Tobias Barreto. Por Diógenes Brayner brayner@infonet.com.br

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais