Sebrae: Déda, diálogo e bom senso

0

 

 

 É de conhecimento dos amigos e auxiliares mais próximos do governador Marcelo Déda Chagas que o mesmo aceita mudar de idéia através do argumento e do convencimento, mas jamais sobre pressão. E quando está sob pressão Marcelo Déda transforma-se, já que aceita uma derrota como normal, mas jamais qualquer tentativa de desmoralização.

 

Pois bem! Este jornalista não é adivinho, nem joga cartas ou búzios (apesar de ser baiano), mas acertou na mosca o que está acontecendo nos bastidores da eleição do Sebrae de Sergipe. No último dia 07, este jornalista alertou para a radicalização que está ocorrendo no Sebrae e a necessidade de um diálogo aberto e franco para encontrar uma alternativa que contemple o desejo de todos.

 

Ontem, 11, ao participar do Encontro com as Micro e Pequenas empresas, Marcelo Déda Chagas pediu desculpas aos presentes, mas falou sobre o Sebrae. O estopim foi uma nota publicada na coluna de Diógenes Brayner, onde o grupo de José Guimarães tentou passar que o governador não está se envolvendo na eleição porque é uma entidade classista e que alguns auxiliares estão “fazendo pirotecnia eleitoral utilizando o nome dele”. E o pior: que a maioria dos empresários vinculados ao Sebrae “são ligados a ele”.

 

“Não gosto de conspiração, gosto de operar com clareza”. Disse Marcelo Déda ao iniciar o discurso lembrando que o Sebrae não é uma entidade classista, e sim de serviço onde tem na sua composição vários segmentos inclusive o governo estadual, com três votos. “Estou operando com transparência, se não me meter sou irresponsável”, avisou para uma platéia silenciosa, repleta de empresários e a presença da diretoria do Sebrae.

 

    Para aqueles que acreditavam que o governador aceitava pacificamente a chapa que tentavam empurrar goela abaixo, liderada por José Tomaz e José Guimarães, a dúvida foi desfeita. Marcelo Déda declarou, sem arrodeios, que não quer controlar o Sebrae, mas que deseja uma diretoria com quem possa dialogar e firmar parcerias com confiança, “olhos nos  olhos, sem receio de ser enganado”.

 

   Indignado com esta nova tentativa do grupo de José Guimarães, com forte vinculação política e pouco compromisso com os projetos do Sebrae,  querer se perpetuar no órgão, o governador fez um apelo em favor do diálogo e do consenso  e concluiu: “se não for possível o consenso, o governo do Estado vai se retirar do  Conselho do Sebrae, fato que vou comunicar ainda hoje, em Brasília, ao presidente do  Conselho Deliberativo Nacional do Sebrae”. Resta às federações empresariais (da indústria, do comércio, da agricultura e das CDL) decidir se ficam ao lado de José  Guimarães, novamente virando as costas aos interesses dos empresários sergipanos, ou se  respondem ao chamado do governador para construírem juntos uma saída para a crise.

 

Repercussões

As duras palavras do governador no “Encontro do Governo com as Micro e Pequenas Empresas” quando tratou das eleições do Sebrae, produziram as mais diversas repercussões. No meio empresarial, o clima era de euforia. Como se sabe, embora algumas lideranças de entidades de classe apóiem Zezinho e seu continuismo, a maior parte dos empresários, principalmente os micro e pequenos, se queixam muito do Sebrae achando que ele poderia fazer muito mais pelo setor. Dentro do Sebrae, os comentários davam conta da esperança que tomou conta dos funcionários, quase todos insatisfeitos com a forma de agir da diretoria. Pelo andar da carruagem, os ventos da mudança também vão soprar no Sebrae.

 

“Saia justa” no segundo escalão

As declarações do governador Marcelo Déda Chagas sobre a eleição do Sebrae deixou um  integrante do segundo escalão do governo estadual na famosa “saia justa”. O rapaz está operando com desenvoltura em defesa da candidatura de José Guimarães.

 

Laércio Oliveira registrou chapa

Precisamente às 17h30 de ontem, 11, o empresário Laércio Oliveira registrou sua chapa para disputar o Sebrae, tendo ele como superintendente e para presidente do Conselho, o empresário Manoel Prado Vasconcelos Filho. Já a chapa de José Guimarães foi registrada na semana passada e, nos bastidores, comenta-se que o acordo foi selado e registrado em cartório há quatro meses.

 

UFS, Sudene e BNB foram excluídos do conselho

Sergipe é o único Estado do Nordeste onde a Universidade Federal, a Sudene e o BNB não fazem parte do conselho do Sebrae. Essa mudança no Estatuto foi feita para dobrar os votos de algumas federações e deixar o conselho sem a representatividade legitima.

 

Sob pressão

O deputado estadual e prefeito eleito de Lagarto Valmir Monteiro (PSC) está enfrentando pressão de todos os lados neste período de composição do secretariado. Uma delas vem de Áurea Ribeiro, cunhada do ex-prefeito Cabo Zé e mãe do vereador eleito Gustinho Ribeiro. Recentemente, em um dos restaurantes de alta classe de Aracaju, Áurea declarou abertamente que se não for nomeada para a Assistência Social, seu filho irá para a  oposição, fazendo com que Valmir fique com apenas 4 dos 10 vereadores eleitos. Outros nomes estão cotados para a pasta, entre eles do segmento evangélico, que também quer controlar a ação social em Lagarto como parte do acordo para apoio à candidatura de Valmir. O indicado pelos cristãos é Pedrinho da Telergipe.

 

Transportes terá trabalho centralizado I

A respeito de uma nota publicada neste espaço ontem, 11, através de e-mail de um leitor, o secretário de Transportes e Assuntos Metropolitanos, Bosco Mendonça esclareceu que a pasta não vem fazendo nenhuma reforma no prédio, onde será instalada toda a secretaria. Bosco informou que a reforma foi feita pelo dono e a Secretaria está colocando as divisórias, ar-condicionado e toda estrutura de escritório que faz parte do patrimônio da mesma e será retirado quando ocorrer uma mudança. Ele esclareceu que o prédio vai centralizar todos os funcionários que hoje estão no DER, no DETRAN e na sede, na rua Pedro Paes Azevedo.

 

Transportes terá trabalho centralizado II

Sobre o aluguel, Bosco disse que não é R$ 15 mil, como o leitor afirmou, mas R$ 10 mil, sendo R$ 2,5 mil pagos pelo Detran, já que no local será instalada a Escola Pública de Trânsito. Ele esclareceu ainda que hoje são pagos R$ 4,5 mil mensais (eram R$ 5 mil no governo anterior) do aluguel da casa na rua Pedro Paes Azevedo e a secretaria pagará R$ 7,5 mil para um local que tem o dobro do espaço atual e permitirá a centralização dos trabalhos.  Bosco convidou o leitor para visitar a atual sede da secretaria e as futuras instalações.

 

Mais de R$ 5 bilhões

Se depender do orçamento aprovado pelos deputados estaduais nesta terça-feira (11), o Estado de Sergipe terá R$ 5.212.610,020,00 para gastar no exercício de 2009. O projeto de lei foi aprovado em primeira discussão, no plenário da Assembléia Legislativa, e de acordo com o deputado Francisco Gualberto (PT), líder do governo, em breve o Executivo encaminhará um substitutivo para este mesmo projeto, já que o prazo final para aprovação se estende até dezembro. “Estamos apenas cumprindo o interstício para não perder o prazo de votação do projeto. Provavelmente na segunda votação, que poderá acontecer já na próxima semana, teremos em mãos o projeto definitivo”, explicou Gualberto.

 

 

Projetos de Venâncio

A aprovação de três projetos de lei e uma indicação de autoria do deputado Venâncio Fonseca (PP), no plenário da Assembléia Legislativa, foi encarada pelo deputado Francisco Gualberto como “mais um sinal de que o governo de Marcelo Déda veio para mudar”. “No governo passado, quando Venâncio era líder da bancada, nenhum projeto da oposição da época sequer passava pelas comissões. Agora é diferente”, disse. Entre os projetos de Venâncio aprovados, o que dispõe sobre a execução do hino nacional e do hino de Sergipe na programação diária das emissoras de rádio e televisão Aperipê; e o que determina o envio de relatório bimestral de ocorrências policiais, pela SSP, à Assembléia Legislativa.

 

 Outros projetos

O líder do governo, Francisco Gualberto, também destacou a aprovação do projeto de lei que institui o programa de incentivo para municípios que priorizem a política de atendimento à criança e ao adolescente. Além deste, Gualberto deu destaque a um outro projeto que autoriza o governo do Estado a contratar financiamento junto ao BNDES no valor até R$ 270 milhões. O dinheiro, segundo ele, será aplicado nas ações ligadas ao Plano do Desenvolvimento Territorial e Participativo de Sergipe.

 

Juízas participam de Oficina Internacional de Combate à tortura

As Juízas da Vara de Execuções Criminais  e Corregedoria dos Estabelecimentos Penais e da 4ª Vara Criminal do TJ/SE, Maria de Fátima Ferreira de Barros e Brígida Declere Fink, respectivamente,  estão participando, em Belo Horizonte, da Oficina Internacional Sobre “Monitoramento de Locais de Privação de Liberdade”. As magistradas sergipanas receberam convite especial, com todas as despesas pagas pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República, promotora do evento. Além de oficinas práticas, palestras e discussão de dados estatísticos, os participantes farão visitas às Unidades prisionais de Minas Gerais. O evento será encerrado nesta quinta-feira, 13.

 

                                                                                                                       

Ponte que liga Tomar do Geru a Itabaininha

Este espaço recebeu diversas fotos mostrando a situação da ponte que liga Tomar do Geru a Itabaianinha. Só dá para acreditar porque são fotos recentes. Um absurdo. O governo do Estado está esperando o que para tomar as devidas providencias? Um acidente fatal?

 

 

 

 

 

 

Nap promove exposição de pintura

O Núcleo de Apoio Pedagógico – Nap, vem promovendo, até o o próximo dia 14, uma Exposição de Pintura em Tela, confecionadas por pintores especiais, crianças e adultos, uma verdadeira mostra de cirações artísticas.A exposição vem sendo realizada nas instações da Sempre Unimed, à rua dom Bosco, 499 e teve a orientação da professora artista plástica Dôra Mendonça. O Nap está convidando todos a prestigiarem esse evento, que vem sendo um sucesso, inclusive com aquisição de quadros pelos visitantes. Um visitante, amante das artes, declarou que “é impressionante a sensiblidade dos alunos do Nap na captação da realidade do mundo atual”.

 

 

Campanha Coração na Batida Certa.

Entre os dias 12 e 14 de novembro acontecerá a Campanha Coração na Batida Certa, iniciativa da Sociedade Brasileira de Arritmias Cardíacas (Sobrac) regional Sergipe, Hospital de Cirurgia e Hospital do Coração, que visa informar a população sobre arritmias cardíacas e morte súbita. No Hospital de Cirurgia, berço da cardiologia em Sergipe,acontecerá no dia 12 de novembro (quarta-feira), uma aula com púlico leigo, às 10 horas, no Auditório da Unidade Cardiotorácica. O objetivo do encontro visa esclarecer à sociedade, por exemplo, os tipos de arritmias: a taquicardia (em que o coração bate rápido), a bradicardia (em que o coração bate devagar) e casos em que o coração bate com irregularidade. No mesmo dia será feita uma panfletagem no calçadão do bairro 13 de Julho, a partir das 17 horas. Na quinta-feira, dia 13, às 18 horas, também no Auditório da Unidade Cardiotorácica, haverá uma aula para médicos. Os médicos que estão a frente da campanha são os cardiologistas Dr. Marcelo Russo e Dr. Dario de Moura, ambos com trabalho nas áreas de arritmias, eletrofisiologia e estimulação cardíaca artificial.

 

Encontro de Relações Públicas             

Debater sobre a importância do profissional de relações públicas num momento de crise e seu papel na condução de ações de responsabilidade social e na gestão de marcas no mercado. Esse é objetivo do encontro que será realizado no próximo dia 22 de novembro, às 08 horas, no auditório da reitoria da UNIT (Campos Farolândia). O evento terá palestras das relações públicas Simone Tuzzo, da UNIT e Rosangela Farias, da Fanese. Haverá também apresentação de cases, qualquer profissional pode se inscrever e apresentar o seu. Todo participante receberá certificado, pois o encontro faz parte de atividades de extensão da universidade. A realização do evento faz parte da programação nacional do dia de luta pela valorização da categoria. Maiores informações acesse, blig.ig.com.br/narcizomachado/, ou entre em contato pelo telefone, 9989-4141, falar com o relações públicas Narcizo Machado.

 

Campanha natalina em Itabaiana

A CDL de  Itabaiana lança amanhã, 13, às 18hs a sua campanha natalina 2008, com uma grande carreata. A partir do lançamento oficial (quinta) quem comprar nas lojas participantes da promoção receberá cupons para concorrer a vários prêmios. Veja a Relação dos Prêmios:  Um UNO MILLE O KM e mais 02 TV, 02 FOGÕES, 02 TANQUINHOS, 01 BICICLETA, 01 DVD, 01 GELADEIRA e 01 COMPUTADOR, todos estes prêmios serão sorteado no dia 10 de janeiro de 2009 as 20:00hs na praça de eventos de Itabaiana.

 

Inscrições para o Prominp começam nesta quarta-feira

A partir desta quarta-feira, 12/11, até o dia 19 de dezembro, estarão abertas as inscrições para a seleção pública do 4º ciclo do Plano Nacional de Qualificação Profissional do Prominp. Os candidatos poderão inscrever-se nos sites do Prominp (www.prominp.com.br), da Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br), ou nos postos de inscrição credenciados, listados no edital.  O edital já está disponível para consulta. São mais de 20 mil vagas em 12 estados do país: Amazonas, Ceará, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Os candidatos a vagas em cursos de nível básico pagarão R$ 22,00 de taxa de inscrição; os de níveis médio e técnico, R$ 38,00, e os de nível superior, R$ 56,00. 

 

Isenção da taxa de inscrição

Para isentos, o período de inscrição será de 12 a 23 de novembro. Não será aceita solicitação de isenção de pagamento de taxa de inscrição via correio ou via fax. O resultado dos pedidos será divulgado no no dia 5 de dezembro, no site da Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br) ou pelo telefone 0800 701 2028. Se o pedido for validado, o candidato estará automaticamente inscrito. Se for indeferido, a inscrição será cancelada e o candidato terá de fazer uma nova inscrição paga. Poderá pedir isenção da taxa de inscrição quem possuir o Número de Identificação Social – NIS e se declarar membro de família de baixa renda (compreende-se por “família de baixa renda” aquela com renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo, ou a que possua renda familiar mensal de até três salários mínimos). Não há necessidade de envio de documentos para a Cesgranrio. Para pedir a isenção, basta preencher a ficha de inscrição via internet, marcar os campos como na figura abaixo, além de preencher o NIS.Para tirar dúvidas, os candidatos devem ligar para o número 0800 701 2028, ou enviar um e-mail para o “Fale Conosco” do site do Prominp.

 

DO LEITOR

 

Banese como troco I

Do leitor João Silva: “Li seu material referente ao Banese ser troco em meio a onda de federalização  em função das fusões em andamento no Pais e no Mundo. Acho que é hora de esquecermos o orgulho regional e ampliarmos a nossa visão para o global, em sua matéria enxergo um “quê” de regionalismo que do meu ponto de vista é um procedimento fora de nosso tempo, uma vez que se o BB não fizer as devidas incorporações ele ficará para trás na concorrência que é globalizada e extremamente agressiva o que faria com que as ações do BB despencassem nas bolsas de valores tanto no Brasil como no mundo, é só ver a quebradeira dos bancos em outros paires onde ações em baixa significam o fim de qualquer instituição”.

 

Banese como troco II

Continua João: “Enquanto Itaú e Unibanco se tornam o maior banco do hemisfério sul, vc defende um Banco que sempre esteve mais a serviço do político da hora do que propriamente a serviço do cidadão Sergipano, o Banese opera mais em função de empréstimos em folha de pagamento do governo do que em função do desenvolvimento sustentável da agricultura, indústria, pesca em larga escala para exportação, ele opera ainda com empréstimos para capital de giro de empresas e não para ampliação significativa das mesmas, ou seja, o Banese é uma instituição financeira que não possibilita um grande salto para a economia Sergipana. Portanto, não há nada, absolutamente nada que justifique a existência do Banese enquanto banco estadual, a federalização só gerará pontos positivos, fortalecerá o Estado de Sergipe,  despolitizará a gestão que tem sido extremamente nociva à Instituição, lançará o Estado de Sergipe na era da globalização financeira”.

 

Praça em loteamento

E-mail de Raul: “Quem será o responsável pelas fiscalizações nos loteamentos liberados pela prefeitura de Aracaju? è que visitando ontem aquela chamada Zona de Expansão , fiquei estarrecido com as praças entregues pela construtora Laredo, companheiro, só você vendo em que estado estão, não é possível que algum fiscal diga que aquilo se chama de praça!, Rapaz só você vendo que bagunça. Olhe que eles já entregaram as casas com festas e tudo mais. Alguém precisa tomar providências com urgência”.

 

Frase do Dia

“Muito melhor é ousar grande feitos, ganhar gloriosos triunfos, mesmo salpicados de falhas, do que se alinhar com aqueles pobres espíritos que nem se alegram muito nem sofrem muito, porque eles vivem no crepúsculo cinzento que não conhece vitória ou derrota.” Theodore Roosevelt.

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários