Sem vaga não há disputa

0

Ao determinar a suspensão da aposentadoria do conselheiro Flávio Conceição, o desembargador Cezário Siqueira Neto colocou um balde de água fria na disputa iniciada pela vaga no Tribunal de Contas de Sergipe. Flávio havia sido aposentado por força de um processo administrativo aberto pelo TCE após denúncia do seu envolvimento como lobista da Construtora Gautama. Na liminar, o desembargador suspende os efeitos do processo até que seja julgado o mérito do mandado de segurança impetrado pela defesa de Conceição. Enquanto a decisão do desembargador não for derrubada, e dificilmente o será, devem esfriar os entendimentos em torno da escolha de um novo conselheiro para o lugar de Flávio, que vai continuar recebendo um gordo salário pago pelo contribuinte.

Sem prefeito de novo

E o município de São Cristóvão acaba de perder o seu sexto prefeito no curto espaço de pouco mais de um ano. Jadiel Campos (PSC), que assumiu a Prefeitura no final de agosto passado, teve o mandato de vereador cassado por infidelidade partidária. O desembargador José Alves Neto entendeu que ele trocou de partido depois do dia 27 de março passado. Sem o mandato de parlamentar, Jadiel não pode administrar a cidade, pois ele chegou ao cargo através de uma eleição indireta ocorrida na Câmara de Vereadores. Agora é esperar para saber quem será o sétimo prefeito. Que coisa!

Boa notícia

O governo federal assinou o aval ao empréstimo em favor de Sergipe da ordem de U$S 20,8 milhões do Banco Mundial para o Programa de Combate à Pobreza Rural. A notícia foi dada ontem (30) ao governador Marcelo Déda (PT) pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega. O empréstimo vai beneficiar todo o interior sergipano. Agora, resta apenas a aprovação da operação de crédito pelo Senado e, conseqüentemente, a liberação dos recursos. “Estou muito otimista de que teremos logo esses recursos para beneficiar o desenvolvimento sustentável do interior de Sergipe”, comemorou o governador.

A força do campo

Com o forte recuo nos preços das commodities, agricultores recorrem à certificação com a garantia de procedência da produção e do respeito às normas ambientais e sociais. Consultorias do setor estimam que a atividade controlada no campo pode agregar entre 3% e 10% na receita final dos produtos agropecuários. Em tempos de vacas magras na economia, isso pode ser determinante para alcançar lucro. Mesmo com a crise, o Ministério da Agricultura divulgou ontem (30) uma previsão positiva para o campo nos próximos 10 anos. Conforme o estudo, a produção agropecuária deve crescer 25% no período.

Paga depois

Uma boa notícia para quem não se elegeu no pleito passado: o Tribunal Superior Eleitoral prorrogou da próxima terça-feira (04) para o dia 31 de dezembro o prazo para quitação de contas de campanha. A medida só alcança os candidatos não eleitos no primeiro turno das eleições. Segundo o presidente do TSE, ministro Carlos Ayres Britto, a decisão não contempla os eleitos porque suas contas já devem estar apreciadas quando houver a diplomação, no dia 18 de dezembro.

Prepare o bolso

O IGP-M, o índice utilizado para o reajuste dos aluguéis, medido pela Fundação Getúlio Vargas, sofreu alta pelo segundo mês consecutivo, de 0,98% em outubro. No mês anterior, setembro, o IGP-M já havia subido 0,11%. No ano, o índice já acumula alta de 9,53% e em 12 meses, o aumento é de 12,23%. Danou-se!

Contra a dengue

O
prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PC do B), concederá entrevista na próxima terça-feira (04) para reapresentar o Plano Municipal de Combate à Dengue. O comunista vai pedir o apoio da imprensa para conscientizar a população sobre a importância da mobilização social e de ações conjuntas para evitar um novo surto da doença em 2009. A coletiva está marcada para o auditório do Centro Administrativo Prefeito Aloísio Campos.

Comprando mais

Os brasileiros vão mais vezes ao supermercado, gastam menos e fazem mais compras de reposição. Esse modelo de consumo cresceu de 18% em 2004 para 25% em 2007, e os gastos com alimentos, que comprometiam 16% da renda, saltaram para 19% no mesmo período. Publicados pelo jornal Publimetro, os dados são fruto de uma pesquisa realizada pela Latin Panel.

Boa pesca

O Supremo Tribunal Federal julgou inconstitucional o Artigo 2º, inciso IV, da Lei 10.779/03, referente à concessão do seguro-desemprego a pescadores artesanais. Dessa forma, o pescador não precisará ser associado a uma colônia de pescadores ou outra entidade representativa da categoria. Ele também não será mais obrigado a entregar documento ao Ministério do Trabalho comprovando a atividade para conseguir o benefício. O seguro-desemprego dos pescadores artesanais é pago no período em que a pesca é interrompida para garantir a reprodução das espécies. O benefício equivale a um salário-mínimo.

Evite ovo cru

Alimentos que levam ovo cru em sua preparação, como gemadas, estão na mira da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que pôs em consulta pública proposta para fazer constar advertências em caixas de ovos. O texto deverá fazer o seguinte alerta: “O consumo deste alimento cru ou malcozido pode causar danos à saúde” e “mantenha os ovos preferencialmente refrigerados”. Segundo a Anvisa, a medida tem por objetivo reduzir os casos de doenças causadas pela bactéria salmonela. 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários