Sergipe vive um momento de pequenez dos administradores públicos.

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

O governador Belivaldo Chagas vem apostando na “leseira” da maioria dos sergipanos. A todo o momento promete e não cumpri, mas recentemente foi a cobrança pela Polícia Civil da promessa feita na campanha de 2018 e que ele diz que agora não vai cumprir. Foi chamado de traidor, porque enganou a todos da PC. Uma grande assembleia geral será realizada pela Frente Unificada dos Operadores da Segurança no próximo dia 21, veja nota nesta edição.

Já no último dia 01 de novembro a imprensa divulgou a declaração de Belivaldo Chagas que até o dia 10 de novembro anunciaria a forma como pagaria o 13º salário dos servidores. O blog chegou a lembrar que dia 10 era um domingo e o governador não está acostumado a todo este trabalho.

Prestes a completar um ano do segundo governo, Belivaldo vem mostrando toda contradição desnudada na campanha eleitoral, mas que o marketing eleitoral conseguiu seduzir boa parte do eleitorado com as promessas vãs.

O blog errou apenas quando disse que Belivaldo está dando continuidade ao governo de Jackson Barreto. O blog pede desculpas: Belivaldo não está dando continuidade, está sim governando a quatro mãos com Jackson Barreto.

Vive-se num Estado onde o gestor de direito dá lugar à eminência parda que responde pela alcunha de “pior governador da história de Sergipe.” E a eminência parda também se estendeu para Aracaju.

Ao governar a quatro mãos, Belivaldo vestiu o marasmo e a inépcia de Jackson Barreto, com a choradeira que o estado está quebrado.

Sergipe vive um momento de pequenez dos administradores públicos.

 

Só lembrando Sergipe Del Rey é realmente outro país com saída para o Atlântico! Até a cor da água do mar é diferente!

Da série a Orla de Atalaia abandonada e avacalhada A cada dia que passa os comerciantes da Orla de Atalaia, os que pagam seus impostos, têm colaboradores registrados e fazem tudo corretamente sem “jeitinhos”, estão revoltados com a atual gestão da Orla. O espaço hoje está não só abandonado, mas avacalhado. No sábado à noite um sócio de um dos hotéis da Orla enviou um flagrante: um homem colocando em tonéis água de um poço artesiano clandestino. Fica numa barraca instalada no estacionamento em frente aos lagos, quase em frente ao Beer House. O poço foi perfurado no asfalto. A pergunta é: essa água que está sendo usada por comerciantes para lavar utensílios e até fazer comida é saudável? Não está contaminada? Tem licença da Adema para abrir o poço? Tem atestado da qualidade da água? Cadê a vigilância sanitária de AJU? Cadê a omissa Emsetur? Socorro MPE! Obs: o sócio do hotel disse que foi informado que tem mais um poço e ele já colocou um colaborador para pegar outro flagrante.

Fiscalização capenga A verdade é que a fiscalização na Orla só para os empresários que pagam seus impostos e geram muitos empregos. As barracas instaladas no estacionamento não pagam impostos, apenas uma taxa. Aliás, os carros a cada dia perdem mais espaço no estacionamento dos lagos. Quando ocorrer um acidente vão colocar a culpa no motorista que está usado o estacionamento corretamente. O errado é quem se instalou no local indevidamente com a complacência do governo. Poço artesiano clandestino é crime contra a saúde pública. Por falar nas barracas do estacionamento, os donos das barracas de artesanato localizadas ao lado da extinta pista de motociclismo, estão fazendo um movimento para irem também para o estacionamento na frente. Se alguns podem, todos podem. Ou seja, acaba de uma vez com o estacionamento dos lagos. É a orla privatizada pelo governo competente e atuante…

Aperipê no desencanto…. Aperipê TV: governo sucateou para justificar fechamento. MPE receberá relatório. Detalhes amanhã, 12.

Cooptação de lideranças de bairros E um vereador da base aliada do prefeito Edvaldo Nogueira no último sábado, quando tomava café num mercado da capital foi procurado por uma liderança amiga, que lhe apoia em um bairro importante, que disse que o prefeito Edvaldo Nogueira está cooptando, ou melhor convidando, lideranças para apoiar dois candidatos dele a vereador. A liderança deu detalhes da conversa e disse que outras lideranças de bairro estão aceitando o convite. O vereador conversou com outros colegas que confirmaram e já preparam uma rebelião silenciosa contra o prefeito.

Omissão em São Cristóvão Enquanto o prefeito Marcos Santana só fala no FASC – que é importante culturalmente – os pescadores de São Cristóvão passam necessidades por conta da omissão dele. As manchas de óleo deixaram os pescadores sem alternativa. Até quando?

Trabalho escravo E o blog foi informado que na última sexta-feira, 10, a fiscalização do trabalho esteve numa churrascaria que deveria ser de “primeiro mundo” próximo ao Parque da Sementeira e constatou situação análoga a trabalho escravo. O blog receberá mais detalhes da própria fiscalização.


A comunidade do Bairro Aeroporto, através de sua associação, vem cobrando do prefeito Edvaldo Nogueira a iluminação da nova Avenida do Canal da Avenida Beira Mar bem como a liberação da via que está pronta há muito tempo. A comunidade também está pedindo providências quando ao mau cheiro exalado do canal e da lagoa, recém construída. Já estão pensando em acionar os órgãos competentes, inclusive a área do meio ambiente do MPE.

Defesa da energia solar E a luta do deputado estadual Luciano Pimentel contra alteração da Resolução Normativa 482/2012, referente às regras aplicáveis a micro e mini geração distribuída, proposta pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) ganhou destaque nacional. Na semana passada ele participou de audiência pública promovida pela Aneel em Brasília.

Resolução inviabilizará energia solar “Há anos aderi ao sistema de geração distribuída e produzo minha própria energia através de painéis solares. Como consumidor e entusiasta dessa fonte energética, me preocupa que a Aneel tenha sugerido uma mudança como essa, capaz de inviabilizar o cenário da energia solar fotovoltaica no Brasil”, destacou.

Retrocesso Luciano Pimentel considerou a medida um retrocesso e um desperdício do potencial que o Brasil possui para se desenvolver neste mercado. “Acompanhamos pela imprensa que o Ministério de Minas e Energia está solicitando ao BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) financiamento para uma usina térmica a carvão. Enquanto isso, o resto do mundo está abolindo essa prática. Não faz sentido ignorar o potencial da energia limpa para continuar investindo em carvão”.

Estímulo “Não deveríamos estar aqui tratando de alterações em um momento onde o que realmente precisamos é estimular a geração de energia solar fotovoltaica. É hora de crescer, de criar mecanismos para incentivar a adoção desse sistema e não de propor normas que dificultem o acesso da população a produção de energia limpa”, concluiu Luciano Pimentel.

Laranjeirart  E a população de Laranjeiras vem elogiando o Laranjeirart, um evento realizado todos o primeiro domingo do mês, voltado para o fomento da arte e cultura. O evento já é uma referência porque  movimenta a economia da cidade e foi  idealizado pela atual gestão, sob o comando do prefeito Paulão Hagenbeck. A festa começa no fim da tarde com parque de diversão gratuito e acaba por volta de 10 da noite com shows, teatro, música, dança e folclore. Tudo com  muita tranquilidade e paz com total interação da população.

ADUFS realiza hoje, 11, palestra com Paulo Arantes (USP) sobre crise política do Brasil O Brasil e a lógica do desastre. Esse é o tema do debate que ocorrerá hoje, 11, na sede da ADUFS, às 19h, com a presença do filósofo e professor Paulo Arantes, da Universidade de São Paulo (USP). Integrando o projeto Ciclo de Debates “Brasil em crise – Política, crise e perspectivas”, organizado desde o início deste ano pela ADUFS, a atividade com Paulo Arantes buscará refletir criticamente sobre a conjuntura política e econômica brasileira e internacional e os desafios para a classe trabalhadora.

Baixa intensidade Definindo o Brasil como uma “democracia de baixa intensidade” ou “democracia racionada”, Arantes acredita que o Brasil está num estágio “ingovernável”, caracterizado pelo avanço destrutivo da classe dominante do país sob todas as áreas. Como saída para este cenário, Arantes entende ser fundamental a aposta na política, mas, conforme entrevista concedida por ele ao Brasil de Fato, “como luta e não como gestão”.

Residência médica: Hospital de Cirurgia abre inscrições Estão abertas, até o dia 28 de novembro, as inscrições para a seleção dos candidatos ao preenchimento de vagas nos programas de Residência Médica da Fundação de Beneficência Hospital de Cirurgia. Os profissionais aprovados recebem uma bolsa do Ministério da Saúde no valor de R$3.330,43.

Especialidades No total, são 31 vagas nas especialidades de Clínica Médica, Neurocirurgia, Psiquiatria, Medicina de Família e Comunidade, Ortopedia e Traumatologia, Cirurgia Cardiovascular, Cirurgia Geral, Área Cirúrgica Básica, Cardiologia, Cirurgia Vascular e Medicina Intensiva. Os interessados podem se inscrever através do site www.hospitaldecirurgia.com.br/loja , onde também está disponível o edital do processo de seleção.

Duas fases Para serem aprovados, é necessário que os candidatos passem por duas fases de avaliação. A prova escrita, que será realizada no dia 13 de janeiro e após isso, os aprovados nesta primeira fase passarão pela análise do currículo. A divulgação do resultado final do processo será no dia 12 de fevereiro.

MOVA-SE amplia o projeto de acesso à leitura nos terminais de Integração de Ônibus Em setembro de 2019, o movimento Atitude Sergipe (MOVA-SE) lançou o projeto MOVA-SE na LEITURA que consiste em proporcionar acesso à leitura aos usuários do transporte público da Grande Aracaju. Foram instalados, a princípio, 03 estantes nos terminais de Integração do DIA, Maracaju e Atalaia.

Terminais Agora, o movimento MOVA-SE ampliou o projeto instalando mais 02 estantes nos terminais localizadas no Marcos Freire II em Nossa Senhora do Socorro e no Campus da Universidade Federal de Sergipe em São Cristóvão. Dessa forma, impactando a vida de mais de 10 mil usuários por dia que atravessam esses terminais e que terão a oportunidade de absorção de conhecimento e cultura através do projeto.

Sucesso Segundo um dos idealizadores do projeto, Uilliam Pinheiro, “o projeto tem sido um case de sucesso entre os usuários do transporte público e nossa ideia é impactar o cotidiano dessas pessoas introduzindo a leitura em seu dia-a-dia”. Ele ainda reforça, “estamos somente no início, queremos criar um movimento crescente de leitura em Sergipe tornando um dos estados com os maiores índices de leitores no Nordeste.” O movimento conta com parceiros para a arrecadação das doações dos livros como também para a confecção das estantes que chamam a atenção por sua arte urbana e original a base do grafite. Quem desejar livros (menos didáticos), pode ligar para: 79 – 98165 – 6903.

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Dia 15 de Novembro a nossa amada religião faz 111 anos! E nós do MUSE junto com diversas CASAS convidamos você, umbandista e simpatizantes para confraternizar conosco esse dia tão especial, onde estaremos praticando o respeito, o divino amor entre nós, louvando aos Orixás e às falanges espirituais! Será um momento de união e fortalecimento do nosso povo, com pensamento sempre no coletivo e não apenas em uma casa ou grupo. Além disso, esse convite é para que possamos nos dar as mãos em prol de um patrimônio comum que é a nossa amada Umbanda. Venha somar com seu Axé, fazer seus agradecimentos e renovar os seus pedidos! Siga nosso Facebook e Instagram para ficar ligado nas agendas dos terreiros, eventos e diversos conteúdos da Umbanda: @umbandasergipe ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀

Uma reflexão sobre a rádio Cultura, por um católico preocupado De um leitor que pediu o anonimato para não sofrer retaliações: É muito preocupante que a direção da rádio Cultura permita que um dos seus programas seja usado para atingir diariamente o ex-presidente Lula, o PT, os partidos de esquerda e até o sistema judiciário brasileiro. O programa a que me refiro é o Terço da Misericórdia, que vai ao ar de segunda a sexta-feira, das 14:30 às 16:00.O apresentador e o operador de som usam a primeira meia hora do programa para destilarem suas opiniões pessoais e sempre duras contra o PT, contra Lula e o judiciário, deixando bem claro a tendência deles pelo atual governo. Não veria problema algum nesses posicionamentos se eles não estivessem usando um microfone consagrado e que vive implorando ajuda dos ouvintes para se manter no ar. Os âncoras do programa esquecem que as contribuições para a rádio Cultura chegam também de pessoas que têm admiração pelo PT, pelo seu líder maior e de pessoas que, assim como eles, não comungam com os ideais de esquerda, as doações são plurais e ofertadas de coração. Algumas pessoas que reconhecem as conquistas nos governos Lula e Dilma, deixaram de contribuir para a emissora porque se sentem agredidas na sua liberdade de escolha e de pensamento. Acreditam que o papel principal da rádio Cultura é o da evangelização e a politização tendenciosa da emissora, como nesse caso, só vai contribuir para que outras pessoas conscientes se afastem e consequentemente a arrecadação mensal da emissora caia ainda mais. Pensem nisso.                                                                                       

A humanização do mercado das doenças. Por Antônio Samarone: A medicina de mercado avança no Brasil. O desmantelamento do SUS é parte desse jogo. O setor saúde representa 9,7% do PIB, tornou-se um importante ramo da economia. É uma constatação. Não se trata de um viés ideológico. A medicina passou do ócio sagrado (sacerdócio) à negação do ócio (negócio). Para se transformar em mercadoria, o serviço médico precisou tornar-se impessoal, padronizado, previsível e quantificável. Os investidores precisavam avaliar antecipadamente os lucros. A leitura continua aqui.

 

PELO E-MAIL E FACEBOOK

 

Frente Unificada dos Operadores de Segurança Pública reunirá categorias em grande ato no dia 21 de novembro

Concentração para Grande Assembleia Geral ocorrerá a partir das 7h, no estacionamento do Teatro Tobias Barreto.

“O governador Belivaldo Chagas é um traidor e enganou todos nós”. Essa foi a frase mais repetida durante a reunião desta sexta-feira, 08, pelos representantes dos sindicatos e associações que integram a Frente Unificada dos Operadores de Segurança Pública, grupo que objetiva criar uma agenda conjunta e permanente de mobilizações contra o Governo do Estado, na luta pela resolução de problemas que atingem os profissionais da área em Sergipe.

A reunião ocorreu na sede da Associação dos Militares do Estado de Sergipe (Amese). Nela foi reforçado pelo grupo que as bandeiras de luta prioritárias da Frente Unificada contra o Governo de Sergipe são: reposição inflacionária, reestruturação das carreiras e melhoria nas condições de trabalho nas instituições que contam com policiais militares, policiais civis, bombeiros militares, papiloscopistas, agentes penitenciários, peritos criminais, agentes socioeducativos e demais profissionais da Segurança Pública do estado.

É impressionante a capacidade do mesmo Governo conseguir reunir sindicatos e associações revoltados com o descaso, desvalorização profissional e falta de olhar atento às mazelas que atingem os profissionais da Segurança Pública de Sergipe e como isso afeta os serviços prestados ao cidadão no dia a dia. Perseguições veladas e expressas nas instituições estão ocorrendo, mas estamos convictos de que a insatisfação é generalizada. Até mesmo aqueles que recebem cargo de comissão conseguem observar o cenário triste que o governador Belivaldo Chagas está construindo em Sergipe. Um Governo que não valoriza os profissionais de Segurança Pública fracassa facilmente. O cidadão quer e precisa se sentir seguro ao sair nas ruas, mas basta ligar a televisão ou o rádio que a sensação de insegurança aparece de imediato. Esse é o resultado de um Governo que não prioriza Políticas Públicas na área de maneira eficiente e os profissionais estão cansados de estar na linha de frente sem o suporte necessário”, destacou Adriano Bandeira, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Sergipe (Sinpol/SE).

Grande Assembleia Geral

Como resultado da reunião, foi agendada para o próximo dia 21, a partir das 7h, uma Grande Assembleia Geral dos Operadores de Segurança Pública, que contará com diversas ações voltadas para demonstrar à sociedade a insatisfação dos profissionais de Segurança Pública frente ao descaso da gestão do governador Belivaldo Chagas com a Segurança Pública de Sergipe.

“A Assembleia Geral do dia 21 será um marco histórico para a Segurança Pública do nosso estado. É importante a participação de todos, precisamos mostrar nossa união, e que merecemos respeito por parte do Governo de Sergipe”, pontuou a subtenente Elisângela Bonifácio, presidente da Associação Integrada de Mulheres da Segurança Pública em Sergipe (Asimusep).

Para o sargento Vieira, presidente da Associação dos Militares do Estado de Sergipe (Amese), não existe Segurança Pública com a fragilização dos profissionais que estão na linha de frente. “Portanto, nós convidamos a todos que saiam da zona de conforto e se somem à luta. Vamos buscar o que é nosso. Juntos somos fortes, unidos somos imbatíveis”, finalizou.

Organização: Frente Unificada dos Operadores de Segurança Pública, composta pelos seguintes sindicatos e associações: Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Sergipe (Sinpol/SE), Associação dos Militares do Estado de Sergipe (Amese), Associação Militar Única, Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros de Sergipe, Associação dos Oficiais Militares de Sergipe (Assomise), Associação Integrada de Mulheres da Segurança Pública em Sergipe (Asimusep), Sindicato da Polícia Técnica de Sergipe (Sinpoltec), Sindicato dos Agentes Penitenciários e Servidores da Sejuc de Sergipe (Sindpen), Associação dos Praças Policiais e Bombeiros Militares de Sergipe (Aspra), Sindicato dos Peritos Oficiais de Sergipe (Sinpose), Associação Sergipana dos Papiloscopistas de Carreira (Aspac) e Sindicato dos Agentes Socioeducativos de Sergipe (Sindasse).                                                                     

PELO TWITTER

www.twitter.com/coronelrochase Nessa fase só serão soltos os bandidos políticos ou outros bandidos de crimes de “menor potencial ofensivo” como tráfico, estupro, latrocínio, homicídio, sequestro, feminicidio, tortura etc também serão soltos?

www.twitter.com/frednavarro No início do ano a esquerda tuitou: “Tempos sombrios!” No fim do ano a direita tuita: “Tempos sombrios!” Nada como morar num país tropical e não ter a menor ideia do tempo.

www.twitter.com/ThalesBrandao Hoje conversei com os meus alunos que estão sendo orientados no processo monográfico. Pedi para que eles se acalmassem para que não tratemos a relação aluno e professor com pânico. A educação precisa ser um espaço harmônico e orientado para impacto social. Vamos lá!

www.twitter.com/anterogreco O time perde? O sujeito xinga o jornalista. Ganha? Xinga o jornalista. O dólar sobe? Xinga o jornalista. O dólar cai? Xinga o jornalista. O Lula vai preso? Xinga o jornalista. O Lula está solto? Xinga o jornalista. É nói.

www.twitter.com/ISMARVIANA “O segredo de progredir é começar.” Mark Twain, escritor.

www.twitter.com/braynerr Lula tem que ter muita calma e tranquilidade. Medir o que diz. A direitona é capaz de tudo. Golpe nunca mais.

www.twitter.com/BlogClaudioNun “Os motivos da necessidade do uso do preservativo aumentam cada vez mais.Além das conhecidas IST, apareceu a transmissão sexual do Zika virus e agora, a possível transmissão do vírus da Dengue”, alerta Almir Santana. Leia o que foi detectado em Madri.

www.twitter.com/reporterb Lei aprovada por unanimidade na Câmara Municipal torna crime aplicar e armazenar pesticidas na capital catarinense.

 

Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter

Frase do Dia
“Escolha um trabalho que você ame e não terá de trabalhar um único dia de sua vida.”’ Confúcio.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais